Meus Erros Com Dois Pés

Meditação do dia 10/01/2016

2 Rs 21.1Manassés tinha doze anos de idade quando começou a reinar, e reinou cinquenta e cinco anos em Jerusalém…

Meus erros com duas pernas – Ouvi essa expressão de uma pessoa que admiro por seu ministério de ensino e como ele colocou seu dom a serviço do reino de Deus. Ele se referia ao fato de algumas vezes ver seus filhos fazendo coisas erradas, exatamente como ele fazia quando criança; então ele dizia que estava vendo seus erros com duas perninhas bem ali na sua frente. Eu também já vi isso acontecer lá em casa! Quando seus pequenas coisas sem maiores consequências é até divertido ver a reprodução de um comportamento instintivo que eles nunca presenciaram ou ouviram sobre aquilo, mas reproduzem com fidelidade e a gente tem que dar a mão à palmatória. Isso, claro não pode ir para um campo onde afeta destrutivamente outras pessoas e até gerações futuras. A vida do rei Manassés foi foi exatamente a encarnação disso. Ele foi filho do rei Ezequias, homem piedoso que recebeu de Deus uma mensagem para que pusesse sua casa em ordem porque seria recolhido para a eternidade. Ele não concordou e usou todos os seus recursos para que Deus lhe concedesse mais tempo e alcançou quinze anos adicionais; no terceiro ano desses quinze, nasceu Manassés, que por algum fator veio a ser o sucessor de seu pai. Lamentavelmente, ele foi o pior rei da história de Israel e o que mais tempo ficou no trono, cinquenta e cinco anos; confirmando o adágio brasileiro de que “vasilha ruim não quebra fácil!” Se Ezequias tivesse aceitado a vontade de Deus como originalmente proposto, ele teria evitado essa tragédia para a nação e essa marca para a história. Minha meditação sobre esse fato, me leva a confirmar a premissa de que a sabedoria divina é suficiente para guiar nossas vidas; e mesmo quando não entendo um fato, posso aceita-lo pela fé e ser agradecido a Deus porque ele sabe o que é melhor para mim, porque tem uma visão muito mais ampla da vida como um todo, e não apenas, próximo e circunstancialmente como nós. Não devo questionar a vontade de Deus, isso é ser sábio!

Senhor, obrigado por sua sabedoria e capacidade de administrar minha vida. Eu sei, e posso confiar no teu amor leal e no teu caráter santo, que sempre fará o melhor por mim e pelos teus amados. Agradeço de coração as escolhas que tens proposto a mim e a sabedoria para decidir o que escolher e por andar comigo nisso. Em nome de Jesus, Amém!

Pr Jason

Anúncios

Prazo de Validade

Meditação do dia 09/01/2016

2 Rs 20.1Naquele tempo Ezequias ficou doente e quase morreu. O profeta Isaías, filho de Amóz, foi visita-lo e lhe disse: Assim diz o Senhor: Ponha em ordem a sua casa, pois você vai morrer; não se recuperará.

Prazo de validade – Todos sabemos que vamos morreu um dia, mas ainda bem que em todos os outros dias vamos viver; mas a questão verdadeira é embora haja algo de exato e certo para todos, há também a incerteza de quando, e convivemos com ela numa boa, pois é não saber o dia, parece trazer a sensação que esse dia não chegará, e assim não se vive atormentado ou obcecado pela morte. Poucas casos há registrado nas Escrituras, em que alguém foi notificado por Deus sobre o tempo que ele ainda teria de vida e já debrucei sobre este assunto pensando e meditando no porque; mesmo tendo chegado a conclusões que me satisfaçam, não acho que achei a resposta definitiva, longe disso. Mas olhando a vida das pessoas, tantas as do passado, especialmente as que tem suas histórias registradas na Bíblia, como as da história humana e também contemporâneos meus, que posso ou pude observar o viver e o morrer delas. Uma detalhe bem comum, a maioria delas, é que o ser humano, não parece conseguir se aprontar devidamente ou definitivamente para o momento final. A questão nem é mesmo a hora final, o encontro cara a cara com morte, mas saber que está chegando a hora e não haver meios de postergar, negociar mais um prazo, isso sim, assombra muito as pessoas. Então, na sua sabedoria, entendo que Deus prefere manter o mistério da surpresa, porque poupa a própria pessoa de sofrer por antecipação. Nem todos estão prontos para administrar o tempo cronológico regressivo; isso pode levar do heroísmo, ao desespero fatal. Jesus sabia plenamente como administrar isso, pois quando ele se apresentou para João Batista para ser batizado e iniciar seu ministério público, ele sabia que tinha três anos meio basicamente e sabia que em determinado dia, teria que estar crucificado, para morrer de tal forma em tal lugar, para que as Escrituras se cumprissem e a redenção humana realmente tivesse todos os elementos disponíveis, e assim foi; “…Jesus bradou em alta foz: Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito. Tendo dito isso, expirou.” Ele estava no lugar certo, na hora certa, fez que tinha que fazer e assim entregou sua vida. O patriarca que deu nome à nação de Israel, também agiu com precisão cronometrada; ele conversou com os filhos, abençoou cada um dos doze, assentando na casa, e depois recolheu os pés e expirou. Eu admiro isso. É preciso uma maturidade espiritual elevada, para misturar sentimentos de perdas, saudades, e também saber que fez o que precisa fazer no tempo que teve para fazer. É viver sem pendencias, com a contabilidade da vida em dia! O rei Ezequias, precisava ser recolhido por Deus e foi avisado que teria um prazo para colocar a casa em ordem, o que sugere que a casa dele não estava em ordem; ele entrou em crise e usou toda a sua fé e força espiritual para pedir que Deus não o levasse, naquele momento. O assunto para hoje é sobre a ordem da nossa casa! Na Bíblia, o Rei Belzasar da Babilônia, contemporâneo de Daniel não estava com a casa em ordem, e foi-se assim mesmo. Jesus contou uma parábola de um homem rico, da área do agronegócio, que batera recorde de produção e riqueza naquele ano e Deus lhe perguntou se naquela noite ele fosse chamado, o que ele faria com tudo aquilo, que era apenas bens materiais? Estou nesse momento escrevendo isso, numa casa de praia alugada em Alcobaça, no sul da Bahia, curtindo uns dias de férias, com muita água de coco, comida boa e dormindo até mais tarde e na companhia de amigos maravilhosos; estou fazendo planos para a vida e o ministério em 2016 e pela frente, e como muitos de meus leitores, cheios de planos e metas… mas nossa casa está em ordem? Não é questão se estamos novos ou velhos, não nascemos com o prazo de validade à vista! Nesse sentido, a incerteza, é a única certeza! Mas estar preparado, é obrigação de todos nós. Ponha em ordem a tua casa!

Senhor, obrigado por esse dia e esses anos vividos de forma muito abençoado. Preciso estar preparado diante do senhor todos os dias e servir como se hoje fosse o último, mas também como se fosse o primeiro de muitos que virão. Peço, bênção de vida e saúde para mim e aos meus amados, para que cumpramos em vida, os planos e propósitos estabelecidos para serem executados. Viver a tua vontade, é um desafio gratificante, todos os dias. Obrigado por tua graça e sabedoria. Em nome de Jesus, amém!

Pr Jason

Uma questão de Atitude

Meditação do dia 08/01/2016

2 Rs 19.1Ao ouvir o relato, o rei Ezequias rasgou as suas vestes, pôs roupas de luto e entrou no templo do Senhor.

Uma questão de atitude – Angústia, mas muita angústia, a ponto de se entrar em desespero e rasgas as próprias vestes do corpo e se prostrar no chão inerte, de dor e identificação com a miséria e a tragédia. Temos visto muita coisa ruim que nos trás pesar e dor, mas em mui poucas oportunidades eu pude me identificar com algo assim. Um líder, que realmente se importa com o destino das vidas sob seu comando, fica, de fato arrasado, quando as coisas saem do controle e pouco se pode fazer. Um líder de um povo, vendo seus cidadãos sendo levados cativos, ou derrotados em batalhas e com isso, além das perdas humanas em batalhas, ainda sobre as calamidades, com as invasões, saques e destruição, não só de bens materiais, mas de vidas, preciosas vidas, jovens, crianças, e idosos indefesos. Quando olhamos para nossa realidade atual, em termos de nação, e também vemos as condições de sobrevivência com dignidades, que muitos conquistaram com muito trabalho e esforço, e da noite para o dia, numa canetada política administrativa, as esperanças dos mais pobres e menos favorecidos se vão; é de doer no coração! Todas as vezes, que o noticiário mostra as condições na área de saúde e pessoas deitadas e largadas por horas e até dias, sem leito, feridas, com condições mínimas de serem atendidas em tempo, outros vendo os familiares sofrendo e eles sofrendo juntos sem poder fazer nada, me constrange e angustio muito. Por que não precisaríamos chegar a tanto, sabendo que tem gente lucrando e se dando bem com a desgraça dos outros. Rasgar o coração e prostrar-nos diante de Deus em oração e intercessão é uma das poucas coisas que podemos fazer, que sabemos que ainda surte efeito. Foi o que Ezequias fez, ao ser ameaçado e intimidado pelo rei da Assíria, um império grande, belicoso e cruel, que vinha fazendo campanhas sistemáticas de invasões e pilhagem em todos as nações no seu caminho e agora, já próximo de Jerusalém, envia um embaixador tão arrogante quanto ele próprio, para aterrorizar o rei de Judá e sua população. Ezequias, sabia que militarmente não havia como enfrentar tamanha oposição, e então se propôs a fazer o que é efetivamente bom e capaz de trazer paz ao seu coração e resposta as suas indagações; Deus o socorreu e o livrou e sentenciou o arrogante inimigo a se retirar e nem sequer uma flecha atirar contra o povo de Deus. Voce, que lê isto, está sendo convocado para orar, e orar com fé em favor da nossa nação, independente de sua cor ideológica e política, o povo, a nação é maior que tudo isso e precisa do favor de Deus. Ore pelas autoridades, mais do que critica e se coloque em condições de ser canal da bênção de Deus para a nação. As coisas indo bem, será bom para muitos, mas elas indo mal, é terrível para todos. Dedique um minuto do seu tempo, em favor dessa causa!

Senhor, o Brasil é a terra que o Senhor nos deu como nosso chão, onde plantamos e colhemos de tudo e onde o teu favor tem trazido anos de prosperidade e paz, e agora, nesses dias de angústia e dificuldades, nós unimos a nossa fé, no teu amor e no teu poder de ajudas os fracos e desvalidos e ser a justiça do pobre e o socorro daquele que não tem quem o livre, sê nosso ajudador, por amor do teu nome; Salva a nossa nação e socorre o nosso povo; Sara a nossa terra, é a nossa oração, em nome de Jesus, amém!

Pr Jason

O Incomparável

Meditação do dia 07/01/2016

2 Rs 18.5Ezequias confiava no Senhor, o Deus de Israel. Nunca houve ninguém como ele entre os reis de Judá, nem antes nem depois dele.

O Incomparável – Ser uma boa referencia é muito bom, se puder ser uma referencia de elite, de primeira grandeza, melhor ainda. Mas chegar ao patamar de ser descrito como alguém incomparável, é gratificante e se torna um referencial para outros e até para outras gerações. Depois de uma série de reis ruins e más administrações, aparece Ezequias, fazendo a diferença! Embora ele tivesse todo um histórico negativo para lhe servir de guia, ele fez sua escolha e firmou-se nela e não se perdeu e nem permitiu que nada lhe desviasse do caminho. Hoje eu sei que cheguei onde cheguei, graças a referencias de muitas pessoas que me serviram de guia; sei que todos nos servimos dessas referencias boas e produtivas. Nós as imitamos, até termos condições de andar com as próprias pernas, reproduzimos seus estilos e assim vamos andando e firmando nossos passos. Jovens pregadores e oradores se valem dos grandes modelos e assim vão se aprimorando até criarem seus próprios estilos. No pastoreio, no aconselhamento, no lidar com as questões mais complexas da vida e do ministério, sempre estamos olhando para uma luz à nossa frente. Um dia, começamos a servir de modelos para outros tantos que estão vindo atrás; então chega o momento de começarmos a pesar melhor nossas ações, pois de uma forma ou de outra estaremos sendo imitados e copiados. Nos negócios, no mundo empresarial, também sempre tem alguém ou alguma empresa notável que segue na ponta e serve de parâmetro para as demais. É muito gratificante ver uma pessoa ser descrita como incomparável em alguma área, assim como foi Ezequias. Muitos reis foram bons e piedosos, demonstraram muita fé e confiança em Deus, mas ninguém chegou ao nível de Ezequias. Nosso alvo não deve ser nos tornarmos incomparáveis, mas sermos boas referencias e o melhor naquilo que nos propusermos a fazer. A dignidade está no trabalho honesto, bem feito, com carinho e dedicação e abençoa a vida de outros. A recompensa maior é o fato de atingirmos o que havíamos proposto fazer e de fato fizemos. Tudo o que somos e fazemos, tem como motivo principal a gratidão a Deus e servirmos ao nosso próximo e isso nos traz realização.

 

Obrigado Senhor pelas vidas que serviram de referencia para mim, e me permitiram aprender boas coisas e seguir caminhos corretos. Minha gratidão por elas e minha petição por sabedoria e bom senso para ser uma boa referencia para irmãos de caminhada. Em nome de Jesus, amém!

 

Pr Jason

Lembrando nossas raízes

Meditação do dia 06/01/2016

2 Rs 17.36Mas o Senhor que os tirou do Egito com grande poder e braço forte, é quem vocês adorarão. Diante dele vocês se inclinarão e lhe oferecerão sacrifícios.

Lembrando nossas raízes – Por muito tempo, me perguntei porque os textos bíblicos do Velho Testamento, repetiam tanto a história da saída dos hebreus do Egito, e principalmente, por que Deus insistia tanto em lembra-los desse fato e do modo poderoso como ele aconteceu. Com o passar dos anos e o crescimento na caminhada de fé, vim a compreender a razão desses fatos. Todos nós temos uma história e fazemos parte de um contexto, no qual as vezes somos protagonistas e em outras somos meros coadjuvantes, num grande cenário onde interagimos com outros que também estão indo na mesma direção. Ninguém vive só e isolado, sem depender da presença e dos préstimos que outras pessoas podem oferecer. Assim, a nossa história se cruza com outras tantas, e fazemos parte da história de outros tanto quanto eles fazem da nossa. Não iniciamos ontem e tampouco terminaremos amanhã, somos a continuidade de nossos ancestrais e pretendemos deixar um legado para nossas próximas gerações. Entre essas coisas, há algumas que tem cunho permanente e não devem ser esquecidas, nem agora e nem nunca, porque fazemos parte de um projeto divino que inclui a eternidade; e eternidade não pode ser feita de coisas efêmeras, transitórias e de tão pouco valor, que podem ser susbstituídas a qualquer momento. Então, Deus estava sempre lembrando e relembrando aquele povo de suas origens, quem eles eram e em que se tornaram, especialmente por causa da presença e da ação de Deus em favor deles. Começando com Abrãao e os demais patriarcas, até se tornaram uma nação e necessitarem de sua libertação, de um território e de uma formatação como nação, com identidade e destino. Então eles não poderiam jamais esquecer isso, para se fundirem com outros povos, culturas e cultos, perdendo assim a sua essência. O mesmo se dá conosco, precisamos ser lembrados sempre de onde partimos e assim sabermos quem somos e onde estamos, para termos uma referencia para onde ir e como chegar lá. Nossa história pessoal e familiar, tem uma marca especial, quando Deus passou a fazer parte da nossa vida, e assim a nossa história passou a ter um novo foco, para um novo final; esquecer isso, é comprometer tudo. Um povo que não tem memória, é um povo sem futuro. Assim como um cristão que omite ou ignora sua origem, dificilmente se manterá focado na sua vocação. Nosso acordo é com Deus e nosso culto, também é para ele.

Senhor meu Deus e Pai, sou grato pela minha história e pela nova direção que propuseste a mim. Sei que a minha história faz sentido ao abençoar outras vidas que andam próximas de mim. Desejo que a tua graça me fortaleça e a cada irmão de caminhada, para juntos suportemos uns aos outros em amor e sirvamos de apoio nas duras horas que teremos que enfrentar. Que hoje seja um dia de bênção e oportunidades de ver a tua mão agindo poderosamente por nós e através de nós. Amém!

Pr Jason

Inovação no Altar

Meditação do dia 05/01/2016

2 Rs 16.10Ele viu o altar que havia em Damasco e mandou ao sacerdote Urias um modelo do altar, com informações detalhadas para a sua construção.

Inovação no altar – Melhorar deve ser parte integrante de nossas vidas. Buscar o aperfeiçoamento, melhorar os resultados, atingir metas cada vez mais ambiciosas e primar por inovações que tragam benefícios. Uma parte significativa das pessoas tem perfil pessoal como inovadores; são pessoas que não se conformam com a rotina e a mesmice e por isso estão sempre em busca de novidades. Inovadores não tem medo de riscos e erros, para eles isso faz parte do processo de descobrir e crescer. Graças aos inovadores temos muita coisa boa e novos modos de realizar tarefas. Imagine um mundo dominado por pessoas de perfil conservador? Fatalmente andaríamos bem mais devagar e as descobertas e as invenções não seriam tão constantes. E quando se trata de questões espirituais? O perfil pessoal exerce influencia? Sim, com toda certeza! Foi Deus que nos criou com essas competências, exatamente para expressarmos sua multiforme sabedoria e graça. Não há nada de errado no fato de ser inovador ou conservador, a questão só aparece quando as ações e atitudes são expressas de forma que violam as ordens de Deus e de sua palavra. Quando as motivações estão erradas ou mal intencionadas. Quando temos bem claro o padrão de Deus em determinado campo, e então, por razões que não são as de Deus, ou sua permissão, modifica-se ou inova-se, isso pode resultar em desastre. Podemos lembrar aquele episódio em que o rei Davi, com a motivação certa, quis levar a Arca da Aliança para Jerusalém, mas lançou mão de um método inovador errado no transporte da mesma, o resultado foi tristeza e frustração, e ainda a perca da vida de um sacerdote, que tentou ”ajudar” a protege-la. Aqui, o rei de Judá, foi visitar o rei da Síria, em Damasco e lá viu um modelo de altar que lhe chamou a atenção e imediatamente fez cópia da planta com todos os detalhes e pormenores e enviou para Jerusalém, para que fosse replicado no templo de Jeová e no culto judaico. Todos os utensílios, móveis e objetos do templo e dos rituais de culto haviam sido dados por Deus e eram sagrados e consagrados. Agora o rei traz uma inovação no templo, no culto e nos rituais, copiando um altar de um culto idólatra, introduzindo no culto a Deus. Isso tem alguma importância? Isso faz alguma diferença? Sim, faz! Ao continuar a leitura do texto verá que ele foi gradativamente substituindo peças e mobiliários  por outros inferiores e qualidade e simbologia. Quando a comunhão e o fervor na vida se arrefece, logo se percebe nas ações de culto e devoção da pessoa e da igreja. Havendo culto na vida, haverá vida no culto! Substituir o que Deus fez ou ordenou, por algo parecido, ainda que artística e aparentemente mais formoso e elaborado, não significa necessariamente mais espiritual e fervorosamente. Me desculpem, mas o mover do Espírito não pode ser trocado por cores, luzes, sons, coreografias e mídias! Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa! E em se tratando de culto a Deus, o altar é de suma importância! Ali, o fogo não deve se apagar, mas arder continuamente!

Senhor, hoje na Nova Aliança, nós somos o templo de tua morada e os nossos corações servem como o altar onde nossos sacrifícios e ofertas são dedicadas ao Senhor. Nosso altar precisa ser tão consagrado e tão puro, quanto às ofertas ali dedicadas. Mantenho a minha consagração ao Senhor e ao seu serviço; ajude-me a discernir a diferença entre o altar do Senhor e os demais altares e permita que somente ofertas preciosas e agradáveis sejam oferecidas a ti no altar do meu coração. Em nome de Jesus, Amém!

Pr Jason

Tal Pai, Tal Filho

Meditação do dia 04/01/2016

2 Rs 15.34Ele fez o que o Senhor aprova, tal como seu pai Uzias..

Tal Pai, Tal Filho – Ser parecido com o pai pode ser uma experiência muito boa, ainda mais quando se está imitando práticas boas e abençoadoras. No caso desse jovem rei, que estava sentando no trono de um rei que governara por mais de meio século e considerado um bom rei, então sobre ele agora pesava as expectativas de todos do reino, para saber se ele conseguiria reproduzir o melhor do seu pai ou ao menos, ser como ele. Todos nós, de uma forma ou de outra sempre sucedemos outras pessoas e também somos sucedidos nas muitas áreas em que lidamos. Nas nossas igrejas é comum, ao final de cada ano, eleger-se novos líderes de departamentos e ministérios, para atuarem já no início do ano novo. Muitos pastores e ministros, empreendem novos trabalhos e assim geramos expectativas nas pessoas que nos cercam. Nos locais de trabalho, na empresa ou onde for, está sempre chegando gente nova e sucessões acontecendo, e também as expectativas estão ali presentes. Estamos começando um novo ano em que estamos desejosos de boas notícias e queremos que as coisas deem certo, para que a crise seja superada e a bênção chegue aos lares de todos os brasileiros. Ao longo dos anos temos orado para que o Senhor Sare a nossa terra e nos permita ocupar um lugar de honra entre nações que temem a Deus e cuja palavra seja amada e respeitada. Sei que muitas pessoas ao ver cenários desoladores como vimos em 2015, ficam até perplexos, sentindo que parece que o mal vai prevalecer sobre o bem. Mas precisamos ter fé, e agir baseado na fé que temos. O certo é certo, em qualquer lugar, tempo e circunstancia e deve ser pratica, ainda muitos não o façam; nosso compromisso é com o bem, o certo e o que Deus espera de nós. O mal sempre será  mal e o errado sempre será errado, ainda que muitos o pratiquem e defendam. Não fazemos o certo por que é mais fácil, lucrativo ou mais conveniente. Fazemos o certo, por que é certo! Evitamos o erro e o mal, porque somos do bem e as circunstancias ou os fins não justificam fazer o que cremos ser errado. Para nós cristãos, agradar a Deus tem um peso muito grande na importância das nossas ações. Não se esqueça, o bem sempre prevalecerá, porque Deus está do lado do bem, sempre!

Senhor, eu desejo abençoar o dia dos teus filhos e ministrar aos seus corações a força que vem de Ti, para que eles não desanimem e não desistam. Que a tua graça esteja fortalecendo os seus corações. Renova para com eles as tuas promessas para que saibam que a fé não é em vão. Em nome de Jesus, Amém!

Pr Jason

Ponto de Referencia

Meditação do dia 03/01/2016

2 Rs 14.3E fez o que era reto aos olhos do Senhor, ainda que não como seu pai Davi; fez, porém, conforme tudo o que fizera Joás seu pai.

Ponto de referencia – Você já parou para pensar sobre a importância dos pontos de referencia? Mesmo com os modernos meios de orientação via satélite e outras formas, sempre precisamos de pontos de referencias. Os atletas precisam de referencias para atingir metas e alvos, no trânsito, as faixas fazem mais do que sinalizar, sem falar nas placas, outros meios indicativos. Na vida, também aplicamos esses mesmos princípios. Alguém sempre está à frente servindo de parâmetro para novos caminhantes. Moralmente, buscamos pessoas de boas atitudes para espelharmos e para exemplificar para os filhos e os mais novos. Espiritualmente, olhamos para a palavra de Deus e para pessoas que já trilharam os caminhos que agora estão à nossa frente. Os personagens do passado, que andaram com Deus e venceram, são nossas principais referencias. Nenhuma delas, supera o Senhor Jesus, que foi perfeitamente bem sucedido em tudo e é o Mestre por excelência. Entre os reis do Israel antigo, tiveram basicamente duas grandes referencias positivas e negativas: O rei Davi serviu de guia para todos os bons reis e todos eram comparados ao homem segundo o coração de Deus. Aqui no texto de hoje, vemos um novo rei de Judá, amazias, que foi muito bom, mas não como Davi, seu pai… Ele deixou a desejar em alguns aspectos e mesmo que isso não o desqualificasse, ele não atingiu o patamar de integridade e retidão do seu ancestral famoso. O outro rei que se notabilizou como parâmetro de maldade, impiedade e provocação a Deus, foi Jeroboão, que reinou em Israel (norte) e ninguém se igualou a ele, embora o rei Acabe tenha se esforçado bastante para fazer o mal, ainda ficou aquém. Como pastor de igreja local, constantemente falo aos irmãos para adotem um postura de imitar sempre as melhores pessoas e as referencias positivas e construtivas de destaque e não se basear em referencias ruins, em condições piores que a deles mesmos. Ao observar várias possibilidades e concluir que ao menos não sou a pior, ou a última em algum quesito, isso não é nada bom! O foco deve estar nos primeiros, nos melhores e ambicionar se aperfeiçoar a cada dia. Quais seus alvos e metas para 2016? Ser apenas menos ruim do foi em 2015 ou ganhar muitas posições? Você leu a Bíblia toda? Não! Nunca? Que tal colocar isso como meta a ser atingida? Com a leitura de quatro capítulos diários, a meta se torna possível. Oração – Qual foi a constância e o tempo diário em média? Que tal subir isso? Crescimento espiritual, evangelismo, beneficência, voluntariado. Esse ano, completo quarenta anos de fé, preciso fazer um balanço e ainda dá tempo de corrigir e melhorar alguns índices. Vem comigo nessa experiência de progredir sempre?

Senhor Jesus, obrigado por guiar os nossos passos no caminhar contigo nesse novo ano e no desejo de alcançarmos maiores e melhores objetivos. Precisamos da ação do se Espírito Santo para nos conduzir a uma vida plena de serviço e dedicação ao teu reino. Abra novos horizontes diante de nossos olhos e capacita-nos a lutar e vencer um dia de cada vez. Rejeitamos o desânimo e a negligencia e acatamos os teus conselhos de sermos diligentes e prudentes. Obrigado pela força diária, no teu santo nome, oramos. Amém!

Pr Jason

Pessoas de Fé Ficam Doentes?

Meditação do dia 02/01/2016

2 Rs 13.14E Eliseu estava doente da enfermidade de que morreu, e Jeoás, rei de Israel, desceu a ele, e chorou sobre o seu rosto, e disse: Meu pai, meu pai, o carro de Israel, e seus cavaleiros!

Pessoas de fé ficam doentes? Essa discussão é tão antiga quanto a própria doença e a própria fé. Nos últimos tempos temos sido bombardeados com muitas informações em forma de ensino bíblico e pregações, especialmente por tele-evangelistas e pregadores de curas milagrosas, que em muitos casos incutem uma fé deficiente nas pessoas que os ouvem, para assim angariarem mais ou ganhar a simpatia de seguidores. Quero deixar claro, que acredito em milagres, creio em cura pela fé, através da oração e praticamos isso na igreja local. Acredito no que a Palavra de Deus diz sobre o tema, em todas as passagens, porque toda a Bíblia é Palavra de Deus. O profeta Isaías por exemplo, escreveu uma das mais utilizadas passagens sobre cura: “Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados” (Is 53.4,5). Jesus, curou nos dias de ministério terreno, curou nos dias da igreja primitiva, curou durante toda a história da igreja e continua curando hoje, como sempre o fez. Deus na sua soberania, exerce o direito de fazer as coisas da sua maneira, quer gostemos, quer não, Ele não precisa nos dar satisfação! Conhecendo o seu caráter, podemos confiar no seu cuidado e nossas vidas estão muito bem cuidadas em suas mãos. Não é uma enfermidade, breve ou prolongada, ou mesmo a morte física, que vai abalar a nossa fé e o nosso relacionamento com o Pai. Se eu adoeço, ou um querido é recolhido em qualquer situação, isso não altera o caráter Deus e muito menos o seu propósito. Veja o parecer de Paulo, o apóstolo: “Segundo a minha intensa expectação e esperança, de que em nada serei confundido; antes, com toda a confiança, Cristo será, tanto agora como sempre, engrandecido no meu corpo, seja pela vida, seja pela morte. Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho” (Fl 1.20,21). Nossa fé, precisa estar acima do material, passageiro e trivial. Eliseu, foi um profeta de estatura espiritual gigantesca. Ele substituiu o profeta Elias, que tem registrado sete grandes milagres ou sinais, Eliseu pedira a capa de Elias e porção dobrada de seu espírito, e recebeu! Há o dobro de sinais portentosos no ministério de Eliseu, incluindo ressureição de Mortos, e até seus ossos ao serem tocados ressuscitou uma pessoa. Mas ele adoeceu e morreu de uma enfermidade! É possível? É, tanto é que aconteceu. Deus continua sendo soberano e verdadeiro, seu poder continua atuante e sua graça, imensa e maravilhosa! E a minha fé nele e em sua Palavra? Tá firme e forte! Vamos orar?

Senhor, tu és infinitamente grande, além das nossas capacidades de compreensão, mas a nossa fé nos aproxima de ti e do teu agir. Estamos começando um novo ano e grandes coisas poderão surgir diante de nós a qualquer momento, permita que tenhamos sensibilidade para percebê-las e discernimento para agir por fé e não por vista ou sentimento. Pai Santo, há muitos dos teus filhos, hoje sofrendo com alguma enfermidade e outros tantos hospitalizados e em tratamentos, pedimos-te que sobre eles estendas a tua mão e traga cura e saúde, conforto,  perseverança e vida plena. Ainda temos sonhos que podem ser realizados, que abençoarão muitas vidas e fará diferença para o teu reino. Sonda os nossos corações e guia-nos por caminhos planos, pelos teus caminhos, pelo poder do nome do seu santo filho, Jesus. Amém.

Boas Expectativas Para Um Novo Tempo

Meditação do dia 1º/01/2016

2 Rs 12.2 “E fez Joás o que era reto aos olhos do Senhor todos os dias em que o sacerdote Joiada o dirigia.

Boas expectativas para um novo tempo – Não há palavras que exprimam melhor o sentimento de começar algo novo, com tão boas intenções do que estas, a respeito desse rei do povo de Deus. Ele estava iniciando o seu reinado, que durou quarenta anos. Nós estamos começando um novo ano e usando o jargão dos discursos que se tornou famoso, “nunca na história desse país” os brasileiros precisam tanto de esperança e boas idéias para esse novo ano. Sou um otimista, não porque as circunstancias prenunciam coisas boas ou melhoras, mas porque meus olhos permanecem fitos naquele que pode todas as coisas e as tem a seu dispor. Começar algo com o coração focado em fazer bem feito e de forma que agrada a Deus é importante, seja qual for o seu negócio. Acredito que o trabalho e a função que cada pessoa exerce, é o seu ministério. Ali você deve se realizar como pessoa, extrair o sustento de seu e de sua família e prosperar, assim abençoando outros, dando vida a uma roda, uma ciranda de coisas boas. Como ministro do Evangelho de Cristo, quero pregar em 2016 no poder do Espírito Santo, de forma que pessoas sejam abençoadas e suas vidas influenciadas para o bem, e assim elas serão produtivas em suas áreas de atuação e juntos em efeito cascata, iremos mudar o cenário atual. Desejo sucesso aos jovens que entrarão nas faculdades, muitos deles realizando sonhos, deles mesmos e até de pais e familiares, que não tiveram tal oportunidade, mas se esforçaram para eles pudessem alcançar isso. Outros já estarão concluindo seus cursos e com a cabeça cheia com teses, tcc, formatura e tudo mais. Alguns iniciarão no seu primeiro emprego, outros iniciando a carreira e todos sonhando com dias melhores e eles virão, em nome de Jesus. Quantos estarão hoje e ainda nesta primeira semana viajando para curtir as férias, esquecendo as preocupações e dificuldades de 2015; Não esqueça de ser grato por aqueles que ficarão ou estarão trabalhando para lhe proporcionar conforto e bem estar e para que as coisas estejam no devido lugar quando voltar. Entre os seus alvos, espero que esteja o de andar com Deus e como aquele rei, no nosso texto, ter alguém que lhe sirva de referencia espiritual no caminhar com Deus. Não ande sozinho, tenha amigos, companheiros de caminhada, eles fazem muito bem a todos nós. Feliz ano novo. Feliz tudo novo. Vou fechar esse meditação orando com você e por você! Querido Pai celestial, sou muito agradecido por iniciar um ano novo, e podendo contar com a amizade e companhia de tantas pessoas boas e especiais que estão fazendo parte da minha vida e da minha caminhada. Oro a ti, confiante que em tua sabedoria, irá nos abençoar em todos os próximos 365 dias que temos pela frente. Em ter nome, declaro a bênção e a graça do Senhor nestas pessoas que leem e apreciam a meditação do dia que escrevo; que eles sejam prósperos, saudáveis e sábios para tomarem boas decisões e fazerem escolhas que alegram o teu coração. Livra-os de todo o mal, revele o teu amor aos seus corações, em nome de Jesus! Amém.

Pr Jason