Uma Criada Foi Enviada

Meditação do dia: 22/10/2021

“E a filha de Faraó desceu a lavar-se no rio, e as suas donzelas passeavam, pela margem do rio; e ela viu a arca no meio dos juncos, e enviou a sua criada, que a tomou.” (Êx 2.5)

Uma Criada Foi Enviada – Com o passar dos tempos os costumes vão se alterando e os conceitos da vida seguem novos cursos e depois de muitas idas e vindas, algumas coisas se perdem e nem mais são reconhecidas. Um exemplo disso é o conceito de criados e servos que faziam desde serviços até mesmo servirem companhia ou uma associação de tudo isso. O conceito foi rejeitado no mundo moderno, mas a prática nem tanto; pois aparece disfarçado com roupagens diferentes, mas no fundo ainda se trata da exploração humana. Nos tempos da antiguidade histórica, a nobreza se servia ou valia-se de certos privilégios sobre os menos afortunados e poderia até se tornar status pelo número e qualidade da criadagem disponível. Quando olhamos as situações dentro do contexto bíblico, não é só as questões espirituais que se tornam relevantes, pois os princípios de boa convivência social e trabalhista aparecem nas Escrituras Sagradas judaico-cristãs com uma proposta de amor e respeito ao ser humano e a uma condição de dignidade e valor. Devemos ter em consideração que as distorções humanas em termos de comportamentos se devem ao caráter das pessoas e não aos princípios divinos. Pessoas boas e conscientes da origem e valor de cada ser humano respeitam e valorizam a vida e trabalham para que haja verdade e justiça a favor de todos. Nós, por exemplos nos consideramos “servos” de Deus! A bondade e o caráter perfeito do nosso Criador faz toda a diferença no relacionamento. O propósito da criação humana por Deus foi para comunhão e amizade com base num projeto de família. O que deu errado foi a escolha da independência feita por nossos primeiros pais, ainda no Éden. A degeneração causada pelo pecado, produziu um distanciamento à partir da origem e necessidade de proximidade com Deus. Esse vazio é uma das principais causas das buscas intermináveis por sentido e propósito das pessoas. Uma insatisfação tão grande e complexa até para ser diagnosticada, levou o ser humano a buscar em tantas e variadas fontes, que vão se mostrando insuficientes, desapontadoras e paliativas. Um homem muito sábio concluiu nos seguintes termos: “Vaidade de vaidades, diz o pregador, vaidade de vaidades! Tudo é vaidade” (Ec 1.2). Estou ponderando isso, porque ainda eu do ponto de vista legal e civil, em nossa cultura, aqui no Brasil e na maioria dos países, os cidadãos são livres e há leis que regulam as condições de trabalho e serviço, as condições de cada pessoa pode coloca-la com poucas liberdades de escolhas. O cristão tem o incentivo de sua fé e do exercício de sua mordomia para mudar sua condição de vida e trabalhar para isso. Paulo citou isso: “Cada um fique na vocação em que foi chamado. Foste chamado sendo servo? não te dê cuidado; e, se ainda podes ser livre, aproveita a ocasião. Porque o que é chamado pelo Senhor, sendo servo, é liberto do Senhor; e da mesma maneira também o que é chamado sendo livre, servo é de Cristo. Fostes comprados por bom preço; não vos façais servos dos homens” (1 Co 7.21-23). Já escrevemos muitas meditações sobre pessoas em situação de servos e escravos que foram importantes no plano de Deus e do seu povo. Aquela criada da princesa egípcia aparece no registro apenas ao ser enviada para pegar a arca entre os juncos à pedido da sua senhora. Um pequeno e até insignificante gesto de serviço. Mas o conteúdo da arca era muito valioso e seria e foi capaz de mudar o curso da história; sendo assim, ela teve nas suas mãos um instrumento poderoso, com um potencial de transformação muito grande. Naquele momento, ela era importante e isso é que fez dela e do seu serviço um ministério para Deus. Estar no lugar certo, na hora certa para fazer o serviço certo. Outros podem assumir à partir dali, mas o momento que é meu, ou seu, não pode ser ignorado.

Senhor, obrigado por colocar pessoas para fazer trabalhos que parecem tão simples ou sem importância, mas podemos reconhecer o valor delas pelo momento e significado do todo no plano do Senhor. Obrigado por essas vidas despojadas de vaidades e sempre disponíveis a fazer o bem e o certo. Agradecemos o privilégio de podermos estar nessas condições em muitos momentos da vida. Jesus esteve na condição de ser ajudado por pessoas e ele também serviu a pessoas e abençoou a todos nós, a toda a humanidade com sua vida e seu exemplo. Agradecemos em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s