O Arco e a Espada

Meditação do dia 15/07/2016

Sl 44.6 “Pois eu não confiarei no meu arco, nem a minha espada me salvará.

O arco e a espada – Vamos pensar juntos sobre meios de proteção e segurança, e por que não até mesmo dar uma espiada na disputa brasileira sobre o desarmamento pessoal entre os civis. Para uns, arma é fator de segurança diante do clima de extrema violência e incapacidade da autoridade pública de cumprir seu papel; para outros as armas fomentam ainda mais o instinto de violência entre os cidadãos, pois uma pessoa de bem pode se tornar vítima de sua própria arma, porque ele tem escrúpulo e valoriza a vida, enquanto um delinquente não pensa assim. Quem tem uma arma em casa, espera não precisar utilizá-la, mas numa emergência é possível que ele lance mão dela e faça algo que nunca imaginaria fazer e que trará consequências de longo prazo. Em determinadas regiões do pais, ter uma arma é uma necessidade para proteção contra animais ferozes, para caça para sua alimentação, uma verdadeira questão de sobrevivencia, mas também o mesmo instrumento que trás o alimento para casa, também pode produzir violência e crime; como diz um dos nossos provérbios populares: “A ocasião faz o ladrão!” Por outro lado, quero pensar na acepção figurada dos termos usados pelo autor do salmo, que afirma não confiar no seu arco e que sua salvação ou livramento não dependia de sua espada. Literalmente, Davi era perito em armas, afinal ele se tornou famoso e entrou para a história por derrubar um gigante usando uma funda e uma pedra. Também sabemos pelo tipo de armas e equipamentos de guerra da sua época que ele deveria ser bom com uma espada na mão e há descrição de que ele o cunhado Jônatas eram flecheiros, inclusive no início de suas amizades o Príncipe o presenteou com seu arco de guerra. Mesmo ele sendo perito no uso desse tipo de armas, ele acreditava piamente que no fundo, a causa das suas vitórias e de sua proteção não eram aquelas armas e nem mesmo a sua perícia, mas o favor divino sobre sua vida. Fui muito impactado com uma palavra do falecido vice presidente da República José Alencar, que lutando contra um câncer devastador, se mantinha sereno e confiante, como cristão que era, ele certo dia afirmou em entrevista que sua vida estava nas mãos de Deus e que ele só morreria no dia que Deus assim o determinasse, por o Senhor Deus não precisava de uma doença daquela se o quisesse levar, e caso ele não quisesse, não seria um câncer que o mataria. A minha pergunta para mim mesmo e para todos nós é: Davi podia confiar em arco e espada, e eu? Quais são as coisas que posso achar que é isso que vai me proteger? Meu plano de saúde? Aposentadoria da previdência pública? Minha capitalização de longo prazo? Malhação? Vida e alimentação balanceada? Dinheiro, recursos? De onde é que vem o meu livramento? Onde Deus fica nisso tudo?

 

Senhor meu Deus e pai, o meu socorro vem de ti que fez todas as coisas e sustenta todas elas. Por mais que sejamos previdentes e cuidadosos e por mais que juntemos forças, ainda assim é vão o nosso esforço, pois a tua palavra diz que se o Senhor não guardar cidade, em vão vigia a sentinela. Reconhecemos nossa insuficiência diante de um mundo violento e hostil, mas o nosso coração precisa estar firmado nas tuas promessas e no teu caráter santo e justo. Os anjos do Senhor acampam ao redor dos que o temem e os livra. Em nome de Jesus os abrigamos debaixo de tuas asas seguros de que o Senhor é poderoso para fazer infinitamente mais do que pedimos ou pensamos, segundo o seu poder que opera em nós. É nesse nome, que oramos a ti. Amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s