Como Funciona o Sistema

Meditação do dia 10/07/2017

 Am 2.11.12 – E dentre vossos filhos suscitei profetas, e dentre os vossos jovens nazireus. Não é isto assim, filhos de Israel? diz o Senhor. Mas vós aos nazireus destes vinho a beber, e aos profetas ordenastes, dizendo: Não profetizareis.

 Como funciona o sistema – Entrei para um seminário em regime de internato em 1981 e éramos inicialmente uma turma grande, na verdade, a maior já recebida no Semib. Naqueles tempos havia vocacionados aos montes em todas as igrejas e de todas as denominações por todo o Brasil. Os seminários denominacionais ou não eram lotados e selecionava-se candidatos. Discutíamos o crescimento da igreja evangélica e a crise vocacional católica, que na época tinha o mesmo número de sacerdotes dos últimos cinquenta anos, uma grande defasagem. Agora somos nós que estamos em crise, tanto vocacional, quanto de treinamento e qualidade. Muitos seminários fecharam, outros se arrastam e outros tentaram se adaptar, mas os resultados não foram nada tão animador. As grandes igrejas criaram os seus próprios para suprir a demanda do seu próprio “reino” e muitos outros oferecem treinamento que é apenas teoria diluída com forte ênfase acadêmica, mas sem nenhuma preocupação com o caráter e o testemunho dos alunos e futuros ministros. A era da net oferece teologia a preços módicos, já com a carteirinha de ministro com validade em todo território nacional e outras facilidades mais.  Movimento pós denominacional se valeu disso e faz ministros que nem sabem onde fica o livro de Amós na Bíblia. Parece que estamos revivendo a dramática situação espiritual e moral que Israel viveu nos dias do profeta Isaías. A situação chegou a tal ponto de apresentar a seguinte opção: Quando alguém pegar de seu irmão na casa de seu pai, dizendo: Tu tens roupa, sê nosso governador, e toma sob a tua mão esta ruína (Is 3.6). Quem tivesse uma roupa mais apresentável se tornava autoridade, independente do conhecimento, e da responsabilidade. Hoje, vemos nos arraiais evangélicos, alguém que faz uma pregação meia boca e sabe orar alto e dar gritos, já vira pastor e presidente da denominação dele mesmo, com sede mundial no salão na frente da casa dele, ou alugado. Amós estava apontando os pecados das nações e dizendo em nome do Senhor que não haveria livramento, mas o juízo viria sim; mas o povo de Amós, a nação israelita, que por alegoria é hoje representada pela igreja, não ficou fora da lista negra apresentada pelo profeta. Eles deram um jeito de contornar a verdade de Deus e estabelecer suas ideologias caiadas por fora de piedade, para encobrir o triste estado pútrio que havia por dentro. Mas Deus retrucou: Ele levantava profetas, nazireus (pessoas comprometidas espiritualmente com a vocação), mas o povo induzia socialmente por baixo dos panos, para que esses vocacionados quebrassem seus votos com a aprovação social e silenciava os profetas, para não ouvirem a verdade. Ainda hoje, Deus salva pessoas, chama para o ministério e tem meios e ferramentas para preparar os seus servos e atender a demanda da igreja. Quem estabeleceu a igreja foi Jesus e nem o inferno inteiro é capaz de detê-la, isso são palavras de Jesus: Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela; (Mt 16.18). O inferno sabe que se não pode prevalecer contra a igreja fazendo pressão e perseguição externa, ele consegue enfraquece-la bem infiltrando nela com seus pseudos ministros, que fazem um verdadeiro estrago com seus sermões bem elaborados e recheados de grego e hebraico, boa retórica e muita motivação pessoal, onde a vontade humana é soberana e Deus é apenas um detalhe. Ministros profissionais, equipamentos de primeira linha, conforto e muito comodismo disponível para satisfazer o gosto do cliente, que precisa ser cativado, porque na próxima esquina tem outras promoções gospel, quem oferecer mais, leva. Amós não ficaria nada assustado hoje. Mudar? Voce acha que a “turma do deixa-disso” permite? Ah! Laodicéia, eu avisei: “Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz as igrejas!”

Senhor, os dias são maus, mas o Senhor continua sendo bom e a tua misericórdia dura para sempre; mas os teus juízos também são justos e verdadeiros e as tuas Palavras não caem por terra e nem tampouco voltam vazias. O justo viverá da fé e se recuar o prazer do Senhor não estará nele. Susta,  ó Pai os teus fiéis, e manifesta a tua glória sobre a igreja verdadeira e sobre os que amam a verdade no íntimo; em nome de Jesus, amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s