Ismael

Meditação do dia 13/04/2018

E Agar deu à luz um filho a Abrão; e Abrão chamou o nome do seu filho que Agar tivera, Ismael.”  (Gn 16.15)

Ismael – O primeiro filho biológico de Abrão, Ismael significa “Deus ouve,” certamente Agar, sua mãe decidiu por esse nome após ser socorrida por Deus, que através de um anjo lhe confortou e anunciou-lhe promessas de bênçãos para o futuro dela e de seu filho. Para o lado cristão, esse homem, e sua história desde a concepção até sua separação final e definitiva da família paterna, tem muitos ensinamentos que levamos para nossa vida. Ismael se tornou um símbolo, ou a materialização da ação humana na tentativa de produzir resultados na obra de Deus. Ao interpretar os desígnios divinos com uma mente carnal, supondo-se fazer a vontade de Deus, a pessoa deixa de confiar na capacidade do Senhor de suprir e realizar sua vontade, através de seus próprios meios. Assim, o homem intervém e faz do seu jeito e o resultado é um Ismael. Deus havia prometido uma herança biológica para Abrão e Sara, mas eles acharam que já estavam ficando velhos e o tempo estava passando e quanto mais demorasse, menos chances eles teriam. Então tiveram a “brilhante” idéia de gerarem um filho pela conveniência humana. Todo o processo foi difícil, com problemas familiares, intrigas, pirraças, provocações, desprezo, desrespeito e opressão e algumas coisas mais, até que o menino nasceu e mesmo assim, as coisas não se ajeitaram bem. Ainda na adolescência, Agar e Ismael foram novamente e definitivamente banidos por Sara, mesmo com pesar de Abrão pelo filho. Quase todas as pessoas servem a Deus e buscam uma vida de obediência e serviço, em alguma etapa da jornada, passa pelo drama de gerar um Ismael. Seja por desobebiencia, seja por falta de fé, abuso de poder, negligencia aos princípios conhecidos, o fato é que geramos um Ismael e ele nos acompanha para o resto das nossas vidas. Não é uma maldição e nem uma desgraça, mas está ali para nos lembrar que existe outros meios  de vermos as promessas do Senhor se realizando, sem que tenhamos que intervir e fazer do nosso jeito. Talvez algum amado leitor está pensando, sobre o que seria de fato um Ismael que produzimos. Pode ser uma compra impulsiva, e logo em seguida Deus providencia o que ele queria ou da forma menos sacrificante. Pode ser uma decisão precipitada para produzir resultados e eles não acontecem e arcamos com responsabilidades desnecessária. Pode ser a contração de algo ou alguém da nossa preferencia em detrimento do que Deus iria estabelecer no tempo dele. Pode ser a entrada ou saída de algum lugar ou projeto, antes ou depois do tempo determinado por Deus. O Espírito Santo tem como revelar a cada um de nós onde está ou onde geramos um ou o nosso Ismael. Eu também lido com os meus, com turbante, camelo, espada e tudo mais que ele tem direito.

 

Pai amado, graças te rendemos por suas muitas misericórdias e não desistir de nós mesmo quando erramos feio. Ao invés de abraçarmos as tuas promessas e esperar o teu tempo e modo, fabricamos por conta própria os nossos resultados; Pedimos sabedoria, para não os produzirmos em série e nem provocar a destruição de pessoas e projetos dos quais há pessoas amadas por ti, envolvidas e trabalhando sério e buscando servir com fidelidade e podem sofrer por nossas atitudes precipitadas. Tem compaixão delas e de nós que estamos na liderança e temos a responsabilidade pelas decisões. Em nome de Jesus, amém.

 

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s