Um Homem Desfilhado

Meditação do dia: 03/12/2019

 “Então Jacó, seu pai, disse-lhes: Tendes-me desfilhado; José já não existe e Simeão não está aqui; agora levareis a Benjamim. Todas estas coisas vieram sobre mim.” (Gn 42.36)

Um Homem Desfilhado – Estamos compartilhando experiências nossas comparadas e aprendidas das experiências vivenciadas por Jacó na sua vida e no seu ministério de servir a Deus e formar uma família para se tornar uma nação escolhida por Deus. Pensando com cabeça cristã, estamos tratando de edificar um projeto de Deus aqui na terra, com propósitos eternos. O fato de Jacó ter que se preocupar apenas em gerar uma família e prepara-la para crescer e se tornar uma nação, não torna o trabalho dele mais fácil ou mais difícil do que os nossos compromissos com Deus e sua obra nos dias atuais. Pregar o Evangelho e fazer discípulos, consolidá-los através de discipulado e integrá-los numa comunidade local e treiná-los para reproduzirem o caráter de Cristo e testemunhar a graça de Deus para gerar novos discípulos, é também muito desafiador e sei que se não fora a ação do Espírito Santo, era literalmente uma Missão Impossível. Como família, eles enfrentavam os mesmos desafios que nós enfrentamos como famílias nos nossos dias. As tentações, as intrigas, os gênios fortes, o ambiente ao redor contradizendo o que estamos ensinando, e os valores mundanos atraindo e fazendo promoções atraentes, são tão perigosos naquele tempo quanto o são hoje. Um pai tem os seus desafios em todo tempo e cultura. Servir a Deus sempre foi uma escolha de fé e sempre estaremos na linha de fogo do inimigo que não podendo atingir a Deus diretamente, quer destruir e arruinar tudo que Deus ama. Olha só o dilema de Jacó, que enviou os filhos ao Egito para buscar provisões e suprimentos, preferindo poupar o mais novo, Benjamim e agora no retorno está acontecendo coisas muito estranhas. Os filhos afirmam que pagaram tudo certinho; relataram que foram tratados com hostilidade pelo homem do faraó e se passaram por espiões e para esclarecer seus atos e condutas, precisariam levar Benjamim, que também seria o elemento de valor para resgatar Simeão que ficará detido até o retorno deles. É muita coisa para um dia só. O sonho de uma tribo grande com doze príncipes, estava sendo dissolvido, pois José desapareceu e foi dado como morto por feras, agora Simeão ficar preso no Egito para comprovar que eram pessoas honestas e Benjamim seria a chave para esclarecer tudo e as chances de dar errado tornava-se grande. O coração do velho patriarca já divisava ficar sem três filhos. Aqui, quero aplicar algo que pode nos ajudar – o futuro, insiste em ficar no futuro e opaco, sem previsibilidade. Foi assim para Jacó e é assim para nós. Quem sabe o que acontecerá amanhã? O mês que vem? O ano que vem? Tudo que estamos vendo e percebendo agora, será de fato realidade em breve? Deus tem como interferir e modificar os rumos dos acontecimentos? Mais importante ainda é perguntar: Qual é a direção das promessas divinas? O que foi mesmo que Deus disse e sobre o que estamos edificando? Assim como ontem não existe mais, amanhã não existe ainda! Como não podemos modificar o que se passou, também não temos como prever o que virá! Só o Senhor tem. Agora, precisamos saber o futuro? Não! Faremos melhores decisões se soubermos? Não! Teremos que confiar na sabedoria de Deus e descansar nos seus cuidados? Sim! A diferença em tudo isso, é que Des cuidará de nós, cuidará do nosso futuro e do que for necessário. É muito difícil fazer previsões, ainda mais quanto se trata do futuro!! Acreditamos no amor e cuidado de Deus ou nos arriscamos a flertar com os charlatões.

Senhor, permita que os nossos corações descansem em ti e nas tuas promessas que são firmes e fiéis. Aceitamos o fato de que não temos condições de cuidar de nós mesmos, agora e no futuro, como não fizemos um bom trabalho no passado. Foi para viver em novidade de vida que nos amaste de um tal maneira que o teu filho deixou a sua glória eterna e veio habitar entre nós, cheio de graça e de verdade. Estávamos perdidos e fomos encontrados pela salvação em Cristo. Agora temos o Espírito Santo para guiar a toda a verdade, isso deve ser bastante para nós de agora em diante. Obrigado por essa ajuda e direção, conforto e consolo que a redenção nos proporciona. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s