As Palavras e os Carros de José

Meditação do dia: 15/12/2019

 “Porém, havendo-lhe eles contado todas as palavras de José, que ele lhes falara, e vendo ele os carros que José enviara para levá-lo, reviveu o espírito de Jacó seu pai.” (Gn 45.27)

As Palavras e os Carros de José – Promessas são palavras jogadas ao vento se o caráter de quem falou não for confiável. Falar, até papagaio fala, dizem os caipiras no interior do Brasil. Políticos falam, e falam muito; filósofos, teóricos, pensadores e fanfarrões, todo mundo fala! Mas todos sabemos que só falar não basta. É preciso mais, faz-se necessário materializar as palavras com ações que de fato traga algum benefício. Jacó ficou paralisado, como que em estado de choque ao saber que José estava vivo. Era muitas emoções para um velho coração cansado e com muitas marcas de desilusões. Mas desta vez, as notícias não vieram sozinhos ou apenas em forma de informações; elas vieram acompanhadas de ações que de fato expressavam a veracidade de que José estava realmente vivo; estava vivo e em boas condições financeiras e sociais; estava em posição de autoridade e capacidade de proporcionar o cumprimento de suas palavras. O menino que se destacava por ter uma túnica de várias cores, agora vestia linho fino, era o segundo homem mais poderoso do Egito, o maior império do seu tempo. Mandou dizer para Jacó que o queria no Egito e não foram apenas palavras graciosas de um convite, mas ali estavam os carros de José, para levar todos. Agora, ao contrário da primeira notícia, que fez o velhinho desmaiar, agora elas revitalizaram o coração de Jacó. Palavras acompanhadas de ações verdadeiras, produzem vida! Numa conversa com alguém que tentava ajudar, mas não dava para confiar no que ela falava, recebi uma lição interessante; a pessoa tentou me convencer de sua autenticidade afirmando: “uma pessoa vale tanto quanto a palavra dela!” Aquilo encerrou momentaneamente nossa conversa, mas posteriormente ficou comprovada que realmente, baseado na sua própria filosofia, ela não valia muita coisa mesmo. Como cristãos, precisamos levar a sério não só as nossas palavras, mas fazer que elas expressem de fato o nosso estilo de vida. Como José, nossas palavras precisam vir acompanhadas dos carros. Pois as palavras vão, mas são os carros que voltam e trazem as riquezas, os valores, as bênçãos e as recompensas. Quando as palavras são acompanhadas dos “carros” elas não pedem condições ou impõem limites; mas elas produzem ações, produzem revitalização. Olhem, Jesus mandou pregar o evangelho no mundo todo. Nunca se pregou tanto nesse mundo! As igrejas pregam, as missões pregam, Ongs pregam, sistemas pregam, veículos de comunicam pregam, preletores motivacionais pregam… mas cada vez menos pessoas se convertem ou são transformadas; afinal, a maioria são só palavras desacompanhadas. Belas frases de efeito, bem boladas, bem articuladas, com boas artes e trilha sonora e até efeitos especiais! Deus faz diferente: E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade (Jo 1.14).

Pai, graças te rendemos, porque a tua Palavra se tornou uma pessoa, cheia de graça e de verdade! Foi isso que transformou nossas vidas! Foi isso que nos atraiu para ti! As tuas palavra são Espírito e Vida! Elas não satisfazem plenamente, e é por elas que nos te louvamos e engrandecemos o teu santo nome. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s