Gado Israelita e Gado Egípcio

Meditação do dia: 06/08/2022

“E o Senhor fará separação entre o gado dos israelitas e o gado dos egípcios, para que nada morra de tudo o que for dos filhos de Israel.” (Ex 9.2)

Gado Israelita e Gado Egípcio – Aparentemente que diferença faz um rebanho pertencer a uma pessoa e outro rebanho pertencer a outra e ambos serem criados lado a lado? Exceto se forem de raças ou espécies diferentes, diríamos que não há nenhuma diferença e o que suceder a um sucederá ao outro. Mas isso é apenas aparentemente. A vida piedosa das pessoas afeta ou influencia suas propriedades; incluindo os seus animais. Um texto do livro de Provérbios afirma o seguinte: “O justo tem consideração pela vida dos seus animais, mas as afeições dos ímpios são cruéis” (Pv 12.10). Uma história verdadeira e muito interessante aconteceu no tempo do grande avivamento no País de Gales. Os trabalhadores das minas de carvão tiveram que retreinar todos os animais de cargas que serviam nas minas porque durante muitos anos o palavreado utilizado por eles na condução dos animais era cheio de xingamentos e palavrões imorais. O avivamento gerou conversões aos milhares entre os mineradores, que se arrependeram e se converteram a Cristo e com isso deixaram os velhos hábitos de xingamentos e palavras indecentes e também o seu trato com os animais. O fato é que os animais não mais obedeciam os comandos como antes, obrigando-os a readequar o linguajar e assim tiveram que criar novos comandos para as tropas. A dureza do coração de Faraó traria agora uma nova possiblidade de castigo, desta feita sobre os seus animais; todos os rebanhos sofreriam com pestilências terríveis que dizimaria os rebanhos de todo o país. Podemos imaginar o efeito devastador na economia da nação, que isso causaria. Aqui no Brasil, quando acontece um foco de alguma doença no rebanho, como a febre aftosa, o que obriga a sacrificar todos os animais daquela propriedade imediatamente; ainda impõe-se barreiras sanitárias na região e até no estado inteiro, sem poder oferecerem quaisquer produtos e param as exportações de carnes e derivados. É uma lástima! Mesmo num mundo globalizado como o atual, as consequências alcançam proporções muito abrangentes. Quem não se lembra da febre da vaca louca na Inglaterra? Ou da gripe suína na China, e a gripe aviária? Todas com focos regionais, mas com danos na economia de muitos países. Lá no antigo Egito, Deus prometeu a Moisés e a Faraó, que a pestilência seria devastadora, mas apenas para o gado dos egípcios, isso seria um sinal de que não era um acidente da natureza ou uma casualidade; antes era algo intencional, dirigido especificamente aos rebanhos de propriedade egípcia, enquanto os animais dos israelitas não sofreriam nenhum dano ou efeito. Podemos imaginar, analisar e repensar os nossos conceitos sobre o poder de Deus em agir em favor daqueles que lhe obedecem e quando precisar exercer disciplina, ele o faz com extrema maestria. A escolha estava nas mãos do rei do Egito. Avisado ele foi e com tempo hábil. A minha convivência com irmãos de denominações diversas, me permite ver que alguns cultivam um temor ou até mesmo medo, de que a mão de Deus pese contra eles, por fazerem ou não fazerem determinadas coisas. A bem da verdade, devemos cultivar uma comunhão e uma obediência completa, de forma que não precisemos ser disciplinados para então descobrir o porque da disciplina. A obediência precede a revelação e a paz de Deus que excede todo entendimento deve ser o árbitro em nossos corações, é assim que a Palavra de Deus nos ensina. “Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus (Fp 4.6,7).

Senhor Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, somos teus filhos graças a obra perfeita de Jesus lá na cruz. Reconhecemos as nossas limitações, mas também reconhecemos a grandeza do teu poder e sabemos que a tua poderosa mão está estendida para abençoar e proteger aqueles que te amam e se submetem aos teus conselhos. Tudo o que temos e somos pertence a ti e assim somos abençoados e protegidos no todo. Graças, sejam dadas a ti em todo tempo. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s