Palavra por Palavra

Meditação do dia 27/08/2015

Js 11.15Como ordenara o Senhor a Moisés, seu servo, assim Moisés ordenou a Josué; e assim Josué o fez; nem uma só palavra tirou de tudo o que o Senhor ordenara a Moisés.

Palavra por Palavra – Uma pessoa que influenciou muito a minha vida cristã e me ajudou em novas perspectivas espirituais para o ministério, foi um professor no Seminário; ele tinha jeitão paternal e muita sensatez; fora chamado muito jovem para o ministério da Palavra e iniciou sua carreira ministerial sendo missionário entre os esquimós no Alaska. Pastor Ricardo Linder costumava dizer em tom jocoso que o alfabeto de Deus era um pouco diferente do nosso, pois em vez de “a,b,c…” no do Senhor é: “o,b,d,c….” É fato que Deus valoriza muito a obediencia e igualmente é fato que essa virtude trás consigo muitas bênçãos e segurança para nossas vidas. Quantos danos e prejuízos teriam sido evitados na história, se alguém tivesse sido obediente em algo que considerou insignificante. Quem de nós, não tem um cicatriz, ainda que emocional ou figurada, adquirida por violar alguma confiança em nós depositada e resolvemos fazer do nosso jeito ou da melhor maneira! Hoje, estudamos a vida e os feitos de pessoas que foram bem sucedidas e até consideradas modelos e exemplos e sempre descobrimos que uma de suas marcas era a obediencia, quer às regras, leis e normas, quer à pessoas em autoridade, líderes e colegas de caminhada. Moisés, recebeu certo nível de revelação e conhecimento de Deus e de sua natureza, acima dos demais mortais; para Josué, isso não era motivo para ciúmes ou ter que provar que “não é à toa que fui escolhido, para sucedê-lo!” Josué não se importava de ser a sombra, ou o eco da voz de Moisés! Ele sabia quem fora Moisés e o crédito que o seu mentor tinha com Deus; portanto servi-lo e seguir suas instruções era o caminho da sabedoria e do sucesso. Josué não sofria dessas síndromes de ser mais, ser melhor, que o antecessor. Por essas razões simples, tudo o que Deus ordenou a Moisés, para que instruísse a Josué, Moisés o fez e Josué recebeu isso e guardou bem e aplicou em sua vida e no seu trabalho. Ele fez questão de obedecer às instruções, “palavra por palavra.” Como alguém sabiamente falou: “Deus disse, eu creio e isso me basta!” O sucesso do servo, ou do mordomo, é a satisfação do senhor! Um dia, chegaremos diante do trono da graça e o que vai realmente contar e valer é receber um “bem vindo” e melhor ainda acrescido de um “foste fiel…” Façamos reavaliações constantes e vamos primar por fazer e ser exatamente o que nos foi determinado. A obediencia é uma bênção e Deus gosta!

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s