Cada Coisa no seu Lugar

Meditação do dia 19/02/2016

2 Cr 8.12 “Então Salomão ofereceu holocaustos ao Senhor, sobre o altar do Senhor, que tinha edificado diante do pórtico.”

Cada coisa no seu lugar – A vida profissional ou as profissões e ofícios em si, oferecem muitas lições que podem ser adaptadas nas aplicações para vida espiritual e o relacionamento com Deus. Exemplo disso, é uma oficina mecânica, que sua aparência imediata já diz muito sobre os profissionais que trabalham ali e daí, já se tira uma conclusão de como tratarão o seu carro. Se ela se apresenta limpa, organizada, sem objetos, peças e ferramentas espalhadas, mas cada coisa no seu devido lugar; as chaves alinhadas por dimensões etc. sabe-se que são cuidadosos e atenciosos. Se for o contrário, a menos que seja sua única alternativa, saia dela o quanto antes. Costumo dizer aos membros da igreja que trabalho, que o estado em que se apresenta as suas bíblias, também revela a vida da pessoa. Bíblias limpas, com marcadores bem colocados, textos marcados com delicadeza e organização, sem orelhas nas pontas das páginas é bom sinal. Já Bíblias sujas, rasgadas, cheias de objetos e todo tipo de papelada dentro e nem se falando de objetos totalmente estranhos a devoção e leitura, xiiiii!!!! Assim também esses conceitos de organização e cuidado, aparecem na vida espiritual e nas ações de culto dessa pessoa. Há tempo para tudo e lugar para tudo! Com isso a pessoa consegue trabalhar, estudar, ter atividades sociais e de lazer, cultivar hábitos esportivos e outros mais, sem nenhum prejuízo para a vida espiritual e o exercício de seu ministério e trabalho na igreja. Você já encontrou ou conhece pessoas, que fazem muitas coisas e parece que nada lhes limitam? E também conhece pessoas que não produzem quase nada, se enrolam com qualquer coisa e estão sempre atrasadas, sem tempo e a vida toda bagunçada? Então você já entendeu o que estou falando! Salomão era rei, tinha muitas obrigações, foi uma pessoa estudiosa e observadora, que fazia muitas experiências, escreveu, e ainda cultuava a Deus e seguia aqueles rituais exigidos pela sua fé conforme as instruções de Moisés nos textos sagrados. Ele construiu o templo, arrumou lugares para tudo e cada atividade era praticada no devido lugar. Ele oferecia holocaustos ao Senhor sobre o altar do Senhor que tinha edificada para aquilo. Estou referenciando sobre pessoas que se dizem adoradoras, ministros, obreiros, com chamados específicos e especiais, mas que fazem coisas nos lugares errados, da forma errada, em lugares onde Deus não quer, não aceita…. Não se serve a Deus nos nossos próprios termos; não se faz do jeito que se entende, com qualidade duvidosa e consagração supérflua! Misericórdia! Deus é Espirito e importa que os que o adorem, o façam em espírito e em verdade! Não é verdade que Deus aceita tudo, de qualquer maneira, com se Ele não tivesse senso crítico e muito menos bom gosto! O que encontramos na Palavra é que em situações nas quais pessoas bem intencionadas mas desavisadas se aproximaram de Deus, ele os advertiu de imediato: “Tire os sapados dos teus pés, pois o lugar que pisas, é santo!”

Senhor, obrigado pelo exemplo de organização e bom uso de todos os recursos disponíveis. O Senhor é sempre fiel, pontual, exato, correto, santo e justo em todos os teus caminhos e está sempre perto daqueles que te invocam em verdade. Sou um adorador e desejo muito aprender e crescer diante de ti! Ensina-me, ó Espírito Santo, e me capacita para que eu seja tudo que desejas, em nome de Jesus, amém!

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s