O Mal Que Entra Pelos Olhos

Meditação do dia 22/05/2016

Jó 31.1 “Fiz aliança com os meus olhos; como, pois, os fixaria numa virgem?

 O mal que entra pelos olhos – Os poetas dizem que os olhos são a janela da alma! È uma frase muito bonita e não deixa de ser verdade. Mas a janela necessariamente não tem responsabilidade pelo estado da alma, mas contribui e participa dos gostos, preferencias e escolhas de sua alma. Esse ser interessante que existe no interior de cada pessoa, aliás, a pessoa é esse ser, que chamamos de espírito, que possui uma alma que lhe qualifica e lhe atribui valor e qualidades, além de animar o corpo, compõe uma dupla de natureza metafísica com grandes poderes. Teologicamente chamamos isso de “homem interior,” e o seu estado ou condição é que faz aparecer o tipo de escolhas praticadas pelo corpo e pelos instintos e desejos da pessoa. Assim sendo, o bem ou o mal vem de dentro. É bem aqui, que quero trabalhar hoje, sobre essa verdade dita por Jó, sobre a responsabilidade que a pessoa tem sobre os seus olhos, no sentido de que eles veem ou focam naquilo que a pessoa interessa. Para Jó, a pureza de alma estava diretamente ligada a sua comunhão e relacionamento correto com Deus e dessa relação, se acessava os demais relacionamentos dele com a família, amigos, empregados ou servos, sociedade e tudo mais. O que Jó fez questão de afirmar, era que a imoralidade sexual, estava fora de sua vida e de suas conveniências por uma questão de aliança com Deus. Pornografia, imagens eróticas ou erotizadoras, não é coisa do mundo moderno e nem tampouco é coisa da “era da imprensa.” Desde que o mundo é mundo e tem gente nele, e o pecado anda livremente no meio da sociedade, essas coisas acontecem. O mal em si não existe, filosoficamente falando; o mal existe, porque alguém o pratica, sem um praticante de mal, o mal se extinguiria por si só. Todo tipo de mal, de perversidade, de perversão moral, sexual, administrativo, financeiro familiar e tudo mais, é uma torção da do certo, do bem, do bom e do correto. Alguém se apropria do direito de fazer algo de forma errada, prejudicial a outros, mas que lhe satisfaz egoisticamente. Então, havendo mercado, há demanda, então o que era algo pessoal e restrito, começa a ser praticado em maior escala, como produto acessível a quem desejar e poder pagar e assim ter acesso. Porque existe literatura pornográfica? Porque existe consumo. Porque há filmes e entretenimentos na área de imoralidade sexual e perversidade de conduta? Porque há mercado de consumo. A verdade é que as pessoas consomem isso não porque existe disponível, ao contrário, ele está disponível exatamente porque há interesse e mercado de consumo. Temos perdido muita gente boa, e muitas famílias e casamentos e relacionamentos tem sido arrasados e destruídos, pela acessibilidade, ainda mais à mão, com a disseminação de mídias de fácil acesso dentro de casa ou á mão. A mesma net que possibilita boas pesquisas, informações, serviços e entretenimentos, também trás o lado negro para dentro de sua sala, escritório ou na palma de sua mão. O mal e o mau, não estão nos aparelhos ou fontes de fornecimento de dados; a fonte do mal está no coração humano e os olhos são as janelas por onde deixamos o lixo entrar na mente e no coração. Sendo você cristão, comprometido com o reino de Deus, ou não, mas comprometido com o bem, com sua família e um estilo de vida de boa qualidade, faça uma aliança com seus olhos e não os ponha em nada que corrompa e destrua sua capacidade de sensatez. Como diz o profeta Oséias no capítulo 4.11 “A sesualidade, o vinho e a bebida misturada, tiram inteligência.” Cuidado! O que os olhos veem, pode destruir o coração!

 

Obrigado Senhor por nos dar a vida e todos os meios para a plena realização, felicidade e alegria, sem precisar desvirtuar nada. Toda a tua criação é bela e tem destinação honrosa e cheia de glória e propósito. Permita que nossa vida íntima, seja vivida em luz e alegria. Conceda ao nosso coração o desejo justo e reto de servir e amar as pessoas sem fazer delas objetos de uso e consumo. Abençoa, Senhor a nossa família e os valores que a tornam tão preciosa e amada. Livra-nos do mal e de fixarmos os nossos olhos naquilo que desagrada ao Senhor e ao mesmo tempo corrompe a nossa alma. Hoje é dia de santidade e de olhar com pureza e santidade, celebrando ao Senhor com corações limpos, lavados no sangue de Jesus. Em nome de quem oramos, amém.

 

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s