O Pastor de Israel

Meditação do dia 21/08/2016

Sl 80.1 “Tu, que és pastor de Israel, dá ouvidos; tu, que guias a José como a um rebanho; tu, que te assentas entre os querubins, resplandece.

 O Pastor de Israel – Sou um admirador da Bíblia também como literatura e como tal ela enriquece o meu conhecimento com valores que se revestem de significados espirituais saudáveis. Cada nação e cada povo tem características próprias, algumas delas são muito peculiares e isso também influencia a crença, tal qual a cultura e os costumes. Israel, como nação, surgiu de uma raiz pastoril; Abraão era um fazendeiro do ramo da pecuária. Seus descendentes também o foram e de certa forma, traços da vida agrícola e pastoril, estão presentes em tudo na vida deles, pois suas artes, cultura, costumes, hábitos alimentares, legislação e administração levam esses traços e influencia. Na fé não foi diferente; O Senhor Deus expressava o seu amor e cuidado para com eles, como se fossem um rebanho que precisava de presença, direção, proteção e atenção como um pastor de ovelhas fazia com um rebanho animal. Figuradamente cada pessoa era uma ovelha e fazia parte de um aprisco e recebia cuidados tão personalizados qual uma ovelha literalmente falando. O rei mais famoso, mais querido e celebrado da história da nação, fora pastor de ovelhas na sua juventude e de lá fora tirado por Deus para ser treinado e preparado para ser o líder da nação. Davi também foi poeta e escritor e um dos seus escritos mais conhecidos e admirados no mundo todo até hoje, é o Salmo 23, que inicia dizendo que “…o Senhor é o meu pastor e nada me faltará…” desenvolve todo um relacionamento de Deus com seus filhos em amor cuidadoso e gentil tal qual é  o papel de um verdadeiro pastor. Nas suas orações os antigos hebreus, não tinham nenhum constrangimento em se colocarem como ovelhas e rebanhos sob os cuidados do supremo pastor. O altíssimo era também “o pastor” de Israel. Nossa maior afinidade com Deus veio em Jesus Cristo, enviado pelo Pai numa missão de agregar de volta os seus filhos e formar um único rebanho e assim ficar sob os cuidados de um só pastor. Jesus também adotou essa mesma postura de tratamento e de relacionamento, afinal, ele era um judeu, um adorador e sua herança humana era daquela cultura e costumes. Ele se nos apresentou como o bom pastor, não só bom, mas O BOM PASTOR; “Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas” (Jo 10.11). Os seguidores de Jesus foram conclamados a viverem um estilo de vida simples, humildes, embora prudentes e diligentes nos cuidados, fervorosos de espírito e no amor fraternal, zelosos na missão de comunicar o amor de Deus e o plano eterno de salvação e a vida no reino de Deus. Já que cada nação e povo tem suas peculiaridades e isso também os conecta a Deus e ao relacionamento espiritual, eu me pergunto e pergunto a você que lê essa meditação: Os israelitas se vêm como povo de Deus, seu rebanho e oram a Deus que é o seu Pastor. Nós, brasileiros, como expressaríamos nossas características de povo e nação e como Deus se apresenta para nós? Já pensou nisso? Entre os as características de povo e que entendemos ser redentivos, ou seja, são os dons e qualidades dados por Deus para influenciar outros povos e distinguir-nos com uma identidade única estão a ALEGRIA, a MUSICALIDADE, a DIVERSIDADE e ADAPTABILIDADE (mais conhecido como “o jeitinho brasileiro). São coisas tão nossas quanto o verde e o amarelo. Essas qualidades devem servir de culto, adoração e evangelização e por isso mesmo, são aspectos alvos de tão grandes ataques malignos e de uso destrutivos e pecaminosos. Quando oramos pela nossa nação, precisamos lembrar o que Deus nos deu e para quê, e como isso tem sido corrompido pelo pecado e a depravação, para ofender a Deus em vez de glorifica-lo. Você já se tinha ligado, que uma expressão muito popular no nosso país é: “Deus é brasileiro!?”

Senhor, Deus te todas as nações, povos e línguas, te reconhecemos como acima e muito além dessas conveniências e coisas dos homens; mas também entendemos que somos o que somos por tua determinação e graça. Fomos criados por obra planejada de tua parte, para um propósito muito especial e ocupação um lugar entre os povos que é só nosso e temos uma capacidade de unir e sermos aceitos e amados por todos, pelas características tão próprias que só os brasileiros tem. Obrigado, por esses dons e características redentivas. Queremos te honrar e adorar da forma toda especial verde e amarela cheia de alegria e aberta para receber a todos e viver juntos e misturados em santidade e justiça diante daquele que tudo vê, tudo sabe e tudo pode. Em nome de Jesus, amém

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s