Sistema de Segurança

Meditação do dia 03/11/2017

Gn 3.24 – E havendo lançado fora o homem, pôs querubins ao oriente do jardim do Éden, e uma espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da árvore da vida.

 Sistema de segurança – Como já escrevemos antes, praticamente tudo que conhecemos nos nossos dias e consideramos modernos, já existiu e mui provavelmente teve seu início no Gênesis. Aqui estamos vendo um sistema privado de segurança, com ronda ostensiva armada para evitar a penetração de qualquer intruso no Jardim. Era um sistema bem preparado e atento, uma vez que o que se guardava ali era valioso e a quem poderia ter a pretensa ousadia de querer voltar do exílio e banimento, conhecia muito bem tudo por ali. O homem já estivera diante da árvore da vida, e teve aceso a ela por todo o tempo que durou sua vida de obediência e comunhão com Deus. Adão fora criado com vida eterna, seu corpo não era mortal e participar dessa árvore e os benefícios proporcionados por ela sempre fora algo natural e normal para eles. Mas agora, as coisas haviam mudado, e muito, acredito que à princípio Adão não tinha plena consciência dos estragos produzidos por sua atitude. Ele ainda estava absorvendo o impacto de tudo e parece que a cada dia, ou a cada nova ação, ele já se deparava com modificações que exigia novo aprendizado e interação. Observando a ficção, tão presente em nossos entretenimentos modernos, como jogos, filmes e literatura e muitos outros setores, que provocam curiosidade e expectação nos participantes e especialmente nos assistentes, com novas surpresas a cada novo quadro, como em filmes de ação ou suspense, que até deixa impregnado o ambiente de onde se assiste, de tanta adrenalina pelas possibilidades por vir. Procuro transferir esse princípio para a experiência de Adão, que deve ter experimentado um estresse e uma expectativa fora do comum, com sua situação. Tudo o que ele conhecia, sabia, tinha controle e domínio, de uma hora para outro, não valia mais nada. Animais se tornaram ferozes e hostis; plantas agora feriam com espinhos, coceiras, alergias e etc. Não dava para confiar em mais nada em relação aquilo que era antes! Ele também fora afetado no seu corpo físico e nas suas emoções. O hábito e caminho de saborear o fruto da árvore da vida, poderia atraí-lo para dirimir o sofrimento e as novas sensações que apareciam. Mas agora, mortal, o fruto da árvore da vida, não poderia ficar-lhe acessível. Posso imaginar o efeito de Adão no estrutura mortal, alimentado por algo que lhe dava vida eterna. Eu pergunto? Será que ele poderia estar entre nós até hoje? Num corpo em processo de definhamento e aniquilamento, mas ao mesmo tempo impossível de extermínio, como seria? Para não ter que responder a essas perguntas difíceis, Deus antecipou e protegeu a entrada do Jardim e o caminho de acesso à árvore da vida, tudo muito bem vigiado, para o bem de todos nós. Você e eu, podemos ainda ter nossas idéias e conceitos de como as coisas poderiam ou deveriam ser; mas na verdade, Deus fez o que deveria ser feito e foi o certo, o necessário e o suficiente. Palmas para ele. Glórias para ele. Nós, na verdade, somos um perigo, até para nós mesmos.

Senhor Jesus, certamente não foi uma decisão prazerosa, mas era o que deveria acontecer. Obrigado por ter feito tudo para nos trazer de volta à presença e à comunhão com o Pai. Obrigado, pelas muitas vezes que tens nos protegido de nós mesmos, em nossa egoísta insanidade, pensando e julgando saber tudo, quando na verdade, nada sabemos e se não fora a tua misericórdia, estaríamos perdidos mesmos. Graças, Pai, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s