Os Filhos de Adão

Meditação do dia 07/11/2017

Gn 5.3 – E Adão viveu cento e trinta anos, e gerou um filho à sua semelhança, conforme a sua imagem, e pôs-lhe o nome de Sete.

 Os filhos de Adão – Uma das características dadas à criação, foi que elas reproduziriam segundo a sua espécie. E disse Deus: Produza a terra erva verde, erva que dê semente, árvore frutífera que dê fruto segundo a sua espécie, cuja semente está nela sobre a terra; e assim foi. E a terra produziu erva, erva dando semente conforme a sua espécie, e a árvore frutífera, cuja semente está nela conforme a sua espécie; e viu Deus que era bom (Gn 1.11,12). Isso é básico no processo reprodutivo, e segue imutavelmente fiel à esta ordem recebida. Os seres humanos, não são diferentes e nem escapam por algum privilégio, ao contrário, seguir esse padrão é o grande privilégio de participar como co-criador de novas vidas. Como sabemos, Adão foi criado por Deus, à sua imagem e semelhança; Eva foi “clonada” de uma das costelas de Adão, então ela já trazia a semelhança de Adão. Agora vem a primeira geração de humanos, não mais criados, mas nascidos, pelo processo de procriação na forma natural em que todas as espécies participariam. Aos cento e trinta anos, nasceu o terceiro filho do casal; tal qual os outros dois, à imagem do pai. Rodando todos esses milênios, estamos agora no século 21 depois de Jesus Cristo ter nascido em Belém, e todos os seres humanos que pisaram esse planeta, trouxeram essas marcas da semelhança de seus pais. Com as recentes novidades da ciência moderna e o estudo do DNA já se sabe que todos os seres humanos de todos os continentes, derivam de uma única raiz comum, partindo de um único casal… Pontos para Gênesis! Como seres morais e gregários, que gostam de viver em comunidades, além das proteções e outras facilidades que isso proporciona, também contribui para perpetuar ou prolongar características culturais e valores tribais ou sociais. Com esse aprendizado quase que induzido por observação, os pais sem perceberem produzem filhos semelhantes a eles e isso é um potencial muito grande a ser explorado por ambos os lados. O discipulado que produzimos na vida de nossos filhos sempre irá marcar e contribuir para as suas escolhas. Assim, precisamos primar por ser bons exemplos e modelos, para que eles cresçam e reproduzam em suas vidas características boas e construtivas; senão, por omissão, estaremos dando maus exemplos e influenciando negativamente suas vidas. Que o Senhor nos conceda a graça de realizarmos bem a tarefa de gerar pessoas à nossa imagem.

Obrigado, Senhor, por ser participante do teu propósito em criar uma geração de adoradores e filhos fiéis a ti e à tua vontade. Conceda-nos força e sabedoria para que venhamos a influenciar construtivamente as novas gerações para tua glória. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s