A Hora de Desfazer

Meditação do dia 12/01/2018

Gn 8.13 – E aconteceu que no ano seiscentos e um, no mês primeiro, no primeiro dia do mês, as águas se secaram de sobre a terra. Então Noé tirou a cobertura da arca, e olhou, e eis que a face da terra estava enxuta.

A hora de desfazer – Estive pensando na experiência de Noé em ter que desfazer a cobertura da arca para ver a situação com os seus próprios olhos e após isso, Deus falou com ele novamente. Encontrei paralelos interessantes para aplicação na minha vida pessoal e no meu ministério local, como pastor de igreja e creio que ao compartilhar isso, pode ser também de alguma utilidade para você em alguma circunstancia. Seguindo a linha de pensamento da meditação de ontem, quando abordei fatos da nossa realidade de transformar estruturas temporárias em valores definitivos com muito prejuízo para a obra do Senhor. Creio que por causa do pecado, o ser humano perdeu a direção do relacionamento com Deus e enveredou pelo caminho da religiosidade, que além de ser uma atividade intelectual, emocional e puramente anímica, que a torna suscetível de invasão e corrupção maligna. Com o tempo não se distingue mais o que é culto, crendice, idolatria, superstição e na dúvida, junta-se tudo num sincretismo e adoça com uma filosofia de que “tudo que diz respeito a Deus e a fé, é bom e válido.” Com essa tendência religiosa, tendemos também a sacralizar objetos e coisas ligadas à fé ou algum acontecimento de cunho espiritual ou religioso. É por isso que temos tantos lugares, objetos, relíquias e monumentos “sagrados,” (morros, montes, cavernas, grutas, rios, fontes, templos e etc.). Em alguns círculos cristãos, não se pode reformar ou modificar o templo, porque foi feito em 1616 pelos nossos fundadores… essa mesa foi doada por…. aqueles objetos estão aqui desde… a irmão fulana sempre sentou nesse lugar… Imaginem essa turma vendo Noé metendo a marreta na cobertura da Arca? Misericórdia irmão Noé! Isso é sagrado, salvou sua vida, foi feita para Deus, ele mesmo disse como fazer, ela deve se tornar um santuário para peregrinação dos fiéis e nunca mais esquecerem do que aconteceu! Dá para imaginar, no mercado  de hoje, quanto valeria em dinheiro, o cajado de Moisés? A espada de Josué? A Funda do rei Davi, ou sua harpa? Um pedaço das lonas do tabernáculo? O cálice da última ceia de Jesus, já virou filme de sucesso é relíquia a que se atribui altíssimo poder – “o santo gral.” Na idade média venderam-se lascas da cruz de Cristo, suficientes juntas para construir um navio grande. Faz-se coisas para a obra de Deus e destrói-se quaisquer coisas que queiram reivindicar adoração, veneração e espaço para adoração falsa. Interessante que após Noé botar a cabeça para fora, contemplar o quadro à sua frente, foi que Deus falou novamente com ele, para saísse e recomeçasse Será que alguma coisa que fizemos para cumprir determinadas funções, não caducaram e já são obsoletas e precisamos olhar em uma nova direção ou ver a realidade à nossa frente de uma outra forma? Esqueça o passado, o dilúvio já foi, as águas já baixaram, o sol tá brilhando e a vida segue. Antigamente era daquele jeito, agora não é mais e pronto, nada se pode fazer quanto a isso! Deus estava conosco antigamente, está agora e estará em qualquer futuro que vier a acontecer! Quem vive de passado é museu! Que bom que era bom, que foi bom, mas já foi, já era, eis que tudo se faz novo, de novo, segundo Salomão. Confie em Deus de todo o seu coração e dê passos de fé, cresça, atualize sem perder a graça e a verdade.

Pai, obrigado por amar pessoas e utilizar coisas, ao contrário da maioria de nós, que amamos coisas e usamos as pessoas. O que o Senhor tinha de mais precioso nos foi dado amorosamente, para nossa salvação. Queremos visões novas da realidade à nossa frente, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s