O Nascido e o Comprado

Meditação do dia 20/04/2018

 “O filho de oito dias, pois, será circuncidado, todo o homem nas vossas gerações; o nascido na casa, e o comprado por dinheiro a qualquer estrangeiro, que não for da tua descendência. Com efeito será circuncidado o nascido em tua casa, e o comprado por teu dinheiro; e estará a minha aliança na vossa carne por aliança perpétua.”  (Gn 17.12,13)

O Nascido e o Comprado – Quanto mais lemos as Escrituras, mais preciosas elas se nos tornam. Atentar para os detalhes e pormenores dos textos bíblicos para o cristão não é questão de minuciosidade ou preciosismo literário, ou pegar ao pé da letra; na verdade, isso faz parte do processo espiritual e mental de se digerir a Palavra de Deus, também chamado de MEDITAÇÃO BÍBLICA. Meditar no conceito cristão, não apenas ler e pensar, refletir, mas ler com atenção e com intenção de absorver dali o precioso alimento para o espírito. Tal qual na culinária, o ápice de uma receita necessariamente não é o ingrediente principal do prato, mas um detalhe pequeno que pode ser de um tempero, tempo, corte, etc. Os línguas de trapos não dizem “que o diabo mora nos detalhes?” A conversa entre Abraão e Deus era séria, coisa de gente grande, estavam tratando de assuntos que influencia o tempo e a eternidade; tinha à ver com vidas que iriam ser salvas ou perdidas. Mesmo que o projeto seja imenso, eterno e acima da compreensão humana, não significa que pequenos detalhes não sejam importantes e vitais para o sucesso do mesmo. Quero voltar a salientar aqui, o que venho escrevendo em varias meditações e o faço com uma preocupação da sua necessidade; que não podemos olhar a vida e as Escrituras com uma cabeça e uma mentalidade ocidental, secular e profana, com base no que politicamente se chama de estado democrático de direito, aplicando esses caminhos tortos humanos para Deus, sua palavra e seus propósitos. Somos formatados desde criança a ser cheio de direitos e privilégios e sem a necessidade de prestar contas a ninguém. Assim quando as pessoas se convertem (quando se convertem) e entram para a igreja, querem aplicar seus conceitos às verdades eternas; aceitam ser salvos, abençoados, prosperarem, “mas Deus não PODE me obrigar a fazer o que não gosto, afinal, onde estão os meus direitos?” Cada um quer servir a Deus nos seus próprios termos; Deus é que tem de se enquadrar nas conveniências das pessoas; e como “igrejas” que se prestam a isso, para agradar o cliente… dá no que dá! Deus disse a Abraão os termos da aliança e o sinal será esse, cada homem, todo homem, nascido em casa ou comprado (escravo, empregado) será circuncidado, perpetuamente se fará isso. Os filhos biológicos de Abraão já nasceriam dentro da Aliança e portanto sem opção de aceitar ou não a circuncisão. Quem viesse de fora, comprado, contratado e irá viver sob as benesses da aliança, estão participando da aliança, portanto precisam se enquadrar. O corpo de Cristo é uma unidade gerada pelo Espírito Santo que batiza cada um que nasce de novo ao receber a Cristo como Senhor e Salvador; portanto ao nascer de novo ele já nasce dentro da aliança da redenção e da unidade do corpo de Cristo, ele não tem como escolher ser ou ser parte do corpo de Cristo. Os filhos dos cristãos, nascem biologicamente dentro de uma aliança de bênção estabelecida já com os pais e devem ser ensinados e preparados para viver isso, porque são filhos de servos de Deus e propriedades exclusivas dele. Deixar as crianças crescerem soltas, e não treiná-las e prepara-las para assumir e desempenhar seu papel é ser irresponsáveis. Isso é papel dos pais, a perpetuidade da aliança com Deus passa de pai para filho, sempre. A igreja não é e não deve a responsável pela vida espiritual e o preparo das crianças; quem vai prestar contas disso são os pais e não os pastores e tias da ebd. Cada um tem seu papel e assim deve ser.

 

Senhor, obrigado por sermos filhos e servos. Obrigado por ter um papel no processo todo e precisamos de graça para realizar a nossa tarefa. Em nome de Jesus, amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s