Boas Notícias São Bem-Vindas

Meditação do dia 28/06/2018

 “E sucedeu depois destas coisas, que anunciaram a Abraão, dizendo: Eis que também Milca deu filhos a Naor teu irmão.”  (Gn 22.20)

 Boas notícias são bem-vindas – Para uma pessoa egoísta, a vitória e a bênçãos dos outros lhe trazem mais dissabores do que sua própria derrota. O contrário também oferece um fundo de verdade muito forte: Para alguém generoso e abençoador, a vitória e a benção de outros lhe fazem tão bem quanto uma vitória e bênção recebida por ela. Abraão passou grande parte de sua vida alimentando um sonho e uma promessa de ter filhos e isso era muito significativo para ele, porque o seu andar com Deus e o resultado dessa comunhão precisaria ser passada para frente e não como uma filosofia, uma religião u ideologia, mas como uma herança, de pai para filho, de geração em geração e perpetuando isso através de alianças e comprometimento de fé através de um relacionamento com o Senhor Deus, o Altíssimo, o Possuidor dos Céus e da Terra. Se tinha alguém que sabia o quanto ter filhos era importante, esse alguém era Abraão; e ele teve que aprender a lidar com sua limitação para receber da ilimitada capacidade de Deus. Ele teve que aprender a dar para então receber; aprender que o amor é sacrificial e que a vida nasce da morte; alguém tem que se doar para que alguém se beneficie e viva para cumprir um propósito maior. Quando ele ainda estava se fortalecendo na fé, glorificando a Deus, crendo em esperança que viria a ser pai, para ser o pai de uma multidão de nações, ele teve que orar e abençoar a vida do rei de Gerar e das mulheres daquele povo, que estavam estéreis e impossibilitadas de gerar filhos, porque se apropriaram de Sara. Ele orou e todas elas sararam e puderam ter filhos, quando ele mesmo ainda não tinha. Já escrevi sobre isso; é como alguém com o dom de curas, estando doente, orar por outros e vê-los curados primeiro do ele; sem ficar ressentido, amargurado ou aborrecido. Foi assim que Abraão se provou e foi aprovado para ser um pai e um modelo de pai que perpetua pelo tempo e pela eternidade. Quem de nós, não quer chegar no céu e o ser apresentado a ele, correr para um abraço bem apertado e chama-lo de pai, pai Abraão. Você se lembra de algum outro personagem da
Bíblia, que se encaixa tão bem nesse perfil? Gosto muito de uma expressão que aparece muito nas Escrituras e é mais que um advérbio temporal: depois (advérbio. 1. em tempo posterior; mais tarde. 2. em seguida; posteriormente). Depois de tudo aquilo que aconteceu no Monte Moriá; depois que eles voltaram para Berseba… chegou a notícia de que seu irmão também havia entrado na era da bênção da paternidade, e em dose cavalar, pois gerara oito filhos. Abraão tinha perdido um irmão ainda em Ur dos caldeus, deixando um sobrinho para ser criado pelo avô e o tio, e quase foi destruído quando levado cativo na invasão daqueles reis e que Abraão teve que lutar para resgatá-lo; depois veio o juízo sobre Sodoma e Gomorra e lá estava Ló novamente em risco de extermínio, salvando-se por pouco apenas com as duas filhas; ele só foi pai aos cem anos e Deus lhe pediu o filho, que ele não negou; até as últimas notícias, seu outro irmão que vivia em Harã, não tinha filhos também. Tudo conspirava, mas a fé e a obediência de Abraão foram abrindo portas e quebrando resistências e trazendo saúde e cura para todos. Voce e eu podemos imaginar a alegria do patriarca, ao receber essas notícias? Mas não era só isso, que a notícia significava… é uma revelação para outra meditação, talvez de amanhã, e como dizia o Âncora Boris Casoy: “Quem viver, verá!”

Deus de boas novas e grandes alegrias, obrigado por essas boas notícias se sucederam uma após outra, até aquele dia em que os anjos anunciaram aos pastores nos arredores de Belém, trazia novas de grande alegria, porque hoje, na cidade de Davi vos nasceu o Salvador, Cristo, o Messias. De lá até hoje, são muitas e muitas boas notícias que temos recebido, e somos gratos por cada uma e Jesus é a melhor de todas. No nome dele, é que podemos fazer a ti essa oração, Pai. Muito obrigado, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s