Isaque Filho de Abraão

Meditação do dia 11/11/2018

 “E eis que veio a palavra do Senhor a ele dizendo: Este não será o teu herdeiro; mas aquele que de tuas entranhas sair, este será o teu herdeiro.”  (Gn 15.4)

 Isaque filho de Abraão – Passamos por este texto e meditamos nele, quando estávamos estudando a vida e a história de Abraão. Agora que estamos vendo a vida e a história de Isaque, voltamos aqui, porque estamos na raiz e na origem da promessa de uma bênção geracional. Isaque existia no coração de Deus antes mesmo de Abraão saber disso e também existia na vida de Abraão antes dele mesmo existir e ter autoconsciência. As Escrituras recomendam muitas vezes que os pais contem as coisas aos seus filhos e filhos dos filhos e assim de geração em geração as histórias vão sendo passadas e vivenciadas; isso é muito mais do que apenas lembradas. Já sabemos pelo pelas ciências sociais que um povo que não preserva sua história, que não tem memória, também não tem futuro. Não se vocês prestam atenção nas leituras bíblicas que fazem, ao verem registros de histórias que aparecem em muitos lugares sendo repetidas e quase sempre com um novo aspecto ou aplicação. Nos salmos encontramos descrições da criação, dos patriarcas, do êxodo e suas aventuras no deserto, da conquista de Canaã, dos tempos dos juízes, dos reis e profetas, etc. No Novo Testamento, vemos os discípulos, especialmente em Atos repetirem trechos das histórias, vemos Paulo recontando em mais de uma vez. Quando leio aos Hebreus, ainda hoje as vezes me pego lendo e relendo as aplicações que o autor faz de fatos e histórias do Velho Testamento e em primeira vista parece que não faz o menor sentido a aplicação ali apresentada; mas faz e eles sabiam disso. Esse autor, quem quer que seja ele, conhecia profunda e piedosamente a historia do seu povo. Nossa igreja local, a Monte das Oliveiras, completou agora em 02/11/18 51 anos de fundação; destes, vinte e sete anos eu tenho sido o pastor titular dela. Todos os anos numa das celebrações, convida à virem à frente os membros fundadores que ainda estão conosco para receberem uma oração de gratidão a Deus por suas vidas, perseverança e fidelidade e sempre incentivo a todos a honrá-los e trata-los com carinho, porque tudo o que somos hoje, começou com eles, e pela fé, obediência, comprometimento e dedicação eles viram aquele grupo de dezessete adultos e algumas crianças crescerem e hoje ser o que somos e ter o que temos e em condições de fazer o que fazemos. Eles merecem. Só para constar, aqui ainda temos quatro deles, em Bauru na co-irmã Betel, ainda tem três e em Santo André na grande São Paulo temos um. Cinquenta e anos depois, ainda temos oito membros originais; são nosso orgulho, nossas joias. Antes de Isaque nascer, seu pai teve conversas de gente grande com Deus, sobre a promessa de um filho e Abraão sempre era fortalecido por Deus para perseverar crendo na fidelidade daquele que lhe prometera, por ao longo da caminhada ele se via na condição de aceitar um plano alternativo e ter uma opção humana e racional, que poderia sublimar uma possível decepção, caso não desse certo. Contudo Deus se mantinha irredutível: O filho será teu; sairá das entranhas e mesmo quando ele via a infertilidade da esposa como porta de saída para um plano B, o Senhor dizia não, será seu e de Sara. Essa historia, esse relato foi passado para Isaque posteriormente, não apenas para ele saber suas raízes, mas para instruí-lo e fazer com que sua fé fosse forte e sua aliança com o Deus de seu pai, fosse firme e com sua própria experiência. Quando me pergunta sobre o tempo certo de começar a se preparar a instrução dos filhos, eu gosto de brincar com o meu interlocutor, dizendo que o momento certo para isso é dois dias antes… de dizer sim para a namorada/o. não dá para tentar descobrir como se pousa um avião, quando já está em pleno voo – isso deveria ser aprendido antes de entrar em um pela primeira vez e levantar voo. Pensar em educar filhos da maneira de Deus, depois que eles já estão grandes, endurecidos e dando dor de cabeça aos pais, significa que houve anos e anos de pura negligencia deliberada. Antes de qualquer jornada é preciso ter planos, mapas, rotas e referencias, senão pode ser tarde demais para improvisar.

 

Senhor, obrigado por ter um plano eterno, grande, abrangente e personalizado para a minha vida. Quando não posso ver longe, posso crer nas orientações da tua Palavra e no guia maravilhosa que é o teu Espírito Santo para me ajudar a chegar em segurança e entre a partida e a chegada final, ser bem sucedido nas tarefas que determinaste para mim. Obrigado também pelos irmãos e amigos que estão na mesma jornada, seguindo suas jornadas e suas ocupações; podemos ajudar e apoiar uns anos outros e atravessar juntos os pontos mais difíceis. Obrigado por toda ajuda, em nome de Jesus, amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s