Um Poço de Águas Vivas

Meditação do dia 20/01/2019 

Cavaram, pois, os servos de Isaque naquele vale, e acharam ali um poço de águas vivas.”  (Gn 26.19)

 Um Poço de Águas Vivas – Pensando num contexto de viver em locais desérticos e insólitos como Isaque vivia, falar de um povo de águas vivas é sem dúvida uma bênção e motivo de muita alegria. Foi um achado, verdadeiro tesouro. A idéia que também nos vem à mente sobre águas vivas é uma imagem água cristalina, fresquinha e abundante; tudo isso nos remete a bênçãos, provisões e vida produtiva. Essa expressão “aguas vivas” está ligada à pessoa e ministério do Espírito Santo na igreja e nas pessoas individualmente, citadas tanto no Velho Testamento, quanto na Nova Aliança. Uma das que mais nos chama a atenção é aquela de quando Jesus pregou nas escadarias do templo: E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, venha a mim, e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre(Jo 7.37,38). Em rápidas palavras, (1) “Se” alguém tem sede – alguns tem sede e alguns estão saciados, ainda que não seja água viva e té nem seja água. A sede é necessidade vital e quem tem, procura intensamente mitigar e se não conseguir, sabe que morre. Não é algo que se não for satisfeito, dá-se um outro jeito. (2) “vá a Cristo e beba” – só há uma fonte legítima que pode satisfazer o sedento. (3) “Quem crer em Cristo como diz as Escrituras” – Fé bíblica, não focada em argumentos e pressuposições humanas e ideológicas. A igreja verdadeira, o cristão verdadeiro não precisa ser pentecostal ou tradicional, renovado ou carismático, isso ou aquilo – ele precisa ser bíblico e ponto. (4) “Fluirão do ventre” – do íntimo, do homem interior, digamos, lá no âmago do ser. Muitos confundem a plenitude do Espírito com conhecimento intelectual, sabedoria humana, recursos tecnológicos ou sensacionalismo emocional. Lembro muito bem de uma palavra recebida direta do Espírito Santo: “Barulho não é poder e sonoridade não é espiritualidade.” Voltando ao deserto e as lidas de Isaque, entendemos que a vida espiritual, a plenitude do Espírito Santo, as águas vivas fluindo no ministério e a vida cotidiana, familiar, com seus trabalhos e obrigações são de fato inseparáveis. Como foi que Isaque conseguiu essas águas vivas? A Resposta não é nada do que se espera nos arraiais do “fogo e poder!” porque foi conseguido num poço, e poço tem que ser cavado é isso dá muito trabalho, é cansativo, claustrofóbico e tem que se sujar e suar muito, calejar as mãos – você conhece muita gente disposta a isso? A Agua viva, tá lá em baixo e não sai automática, tem que ser tirada, quantas vezes quiser ou precisar. Não é de uma vez por todas e não pode armazenar, senão deixa de ser água viva para ser “agua parada, estagnada.” Estamos falando de ação contínua o tempo todo. Resumindo: A bênção de ter águas vivas para nós e para abençoar aos outros é uma dádiva de Deus, obtida por graça, mas é conseguida com trabalho humilde e dedicado e quando alcançado, não termina, precisa ser mantido e conservado diariamente. Não pode ser escondido e nem economizado ou impedir o aceso dos outros a ela, pois quanto mais se tira, mas ela brota e mais aumenta sua capacidade de fluir. São lições da vida de Isaque, de Jesus, dos santos do Senhor, que vale muito aprendermos com eles e cultivar.

Senhor, renova hoje a nossa sede de ti, para que o busquemos como a única condição de vida e continuidade de serviço e adoração verdadeiras. Graças damos por te reconhecer como a fonte legítima das águas vivas que podem fluir se tornar rios de águas vivas que abençoam o teu reino através das pessoas ao nosso redor. Santo Espírito, renova-nos hoje e a cada dia para que vivamos os teus propósitos, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s