Quando é a Velhice?

Meditação do dia 02/02/2019 

 E aconteceu que, como Isaque envelheceu, e os seus olhos se escureceram, de maneira que não podia ver, chamou a Esaú, seu filho mais velho, e disse-lhe: Meu filho. E ele lhe disse: Eis-me aqui.”  (Gn 27.1)

 Quando é a velhice? – Isaque estava com cem anos e já pensava que estava velho e que a morte poderia estar por perto. Ele começou a tomar atitudes de colocar a casa em ordem e delegar os papeis de cada um na família, assim, não precisaria haver disputas ou alguém tentar impor alguma coisa sobre o outro. Mas era mesmo  o tempo de fazer isso? Cronologicamente Isaque viveu muitos anos depois disso, quase o dobro. A questão que desejo trazer para nós nos dias de hoje, é a consciência de quando nos tornamos velhos e precisamos adiantar certas decisões para que a família não fique sobrecarregada depois e as vezes sem saber o que fazer. Ninguém deve viver pensando no dia da morte, isso não seria viver; mas também não é prudente viver como se isso nunca fosse acontecer com a gente. Numa certa idade, quando ainda jovens, agimos como se fôssemos indestrutíveis, imortais e nos expomos a muitos riscos absolutamente desnecessários. Nessas ações e pelo mesmo caminho, perdemos muitos amigos e conhecidos, que se foram em acidentes estúpidos e por excesso de confiança. Alguns, dos hoje sexagenários, trabalharam tanto e em serviços pesados e perigosos, onde eles se orgulhavam de suas forças e capacidades hercúleas e hoje sofrem as consequências do pouco ou nenhum cuidado ou proteção que dispensaram na época. Quando escrevi sobre gerações e ministrei muito sobre isso na Monte das Oliveiras e produzimos duas revistas em formato de devocionais sobre o tema e até mesmo nessas meditações do dia, cheguei a citar sobre quando é que deixamos de ser crianças e nos tornamos adultos. Até mesmo usei a citação de Paulo: “Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino (I Co 13.11). O  texto mostra que houve um momento em que ele deixou de ser menino e começou a agir como adulto. Hoje, a pergunta é quando é que nos tornamos velhos? Gosto mais da expressão “maduro,” porque tem muito à ver com atitudes e ações de pessoas que mudaram de etapa na vida. Haverá sempre aqueles que nunca cresceram e agem de forma infantil e imatura em todo tempo; outros que nunca foram infantis e outros que vão adiante de seu tempo e etc. Estou pensando na sabedoria, na saciedade das conquistas e na capacidade de priorizar exatamente o que de fato importa. Uma boa pergunta para se refletir aqui é: “O quanto é o bastante?”

Obrigado, Pai amado, por não sabermos quando será o ultimo dia e assim precisarmos da sabedoria dos céus e das virtudes da fé para viver com qualidade e ser bênção em todo tempo. Estamos aqui para realizar uma missão e influenciar muitas pessoas e abençoar o máximo possível, deixando um legado forte e marcante para muitas gerações. Quero sabedoria para experimentar a minha cota de cada dia, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s