Judá

Meditação do dia: 24/07/2019

 E concebeu outra vez e deu à luz um filho, dizendo: Esta vez louvarei ao Senhor. Por isso chamou-o Judá; e cessou de dar à luz.” (Gn 29.35)

Judá – O significado do Nome Judá tem origem a partir do hebraico Yehudah, que pode ser traduzido para a língua portuguesa como “louvado”, “glorificado” ou “exaltado”. Este nome seria uma derivação da expressão hebraica Yah hu Dah, que era considerada uma exaltação de agradecimento à Deus. Esse é o quarto filho de Jacó e Lia, que dessa vez deixou de lado os desabafo de suas emoções e lutas contra a irmã, o que acabava sobrando também para o marido, Jacó. Dessa vez ela escolheu um nome que atribuía “louvor” a Deus, porque ela ia ganhando mais e mais pontos na sua briga interna pela afeição do marido. Fico pensando, que para Jacó, que viera de uma família pequena, só um irmão, e seu pai fora filho único, ele já estava muito realizado, porque tinha quatro filhos, de forma que dali para formar uma tribo, já era um bom caminho andado. O nascimento de Judá, foi um marco na vida e na experiência de Lia, pois a sua relação familiar tendia a se estabilizar, e o relacionamento com o Deus de Jacó, estava se revelando abençoador. Para uma mulher, naquela cultura e dentro dos contextos de sua vida, em que se casou praticamente com o cunhado, que era apaixonado pela irmã dela, numa negociação duvidosa do pai dela, como consequência, ela teve que viver à sombra da irmã, a esposa predileta. Deus a recompensou regiamente com quatro filhos, o que era uma grande demonstração de ser abençoada e merecer um espaço maior dentro do coração de Jacó. Mas também preciso destacar, que a atitude de reconhecer a Deus em louvor, gratidão e exaltação, sem dúvida é merecer de elogios. O nascimento de um filho é muito gratificante para qualquer pessoa que sempre sonhou em formar uma família e trabalhou para fazer isso da maneira certa, com a bênção de Deus, pois se está comprometido com uma aliança espiritual com Deus. Poder lembrar todas as vezes que se chama o filho, que ele está ali, testemunha viva e material do reconhecimento dos pais pela bondade e fidelidade de Deus, e assim louvam ao Senhor nomeando o filho com um nome cheio de significado, é um belo gesto de gratidão, sem dúvida. Como estamos lidando com uma família tão especial, no projeto de Deus, Judá veio a ser alguém muito e todo especial no futuro da tribo e da nação, pois é dele a descendência e linhagem de onde veio o Messias prometido. Não só, isso, como se tornou a maior e mais importante das doze tribos, que acabou trazendo para si no nome de todos eles, pois são mundialmente conhecidos como “Judeus.” Então, mesmo em meio às lutas e batalhas difíceis da sua vida e da minha, sempre haverá espaço para louvar a Deus e eternizar isso. Sabemos que as lutas passam, mas as bênçãos e o favor de Deus, permanecem sempre com a gente.

Louvado, seja sempre o nome poderoso do nosso Deus e Pai, como também do Senhor Jesus, que ganhou um nome que é sobre todos os nomes, no céus, na terra e em todo e qualquer lugar! Bendito seja o Espírito Santo, nosso grande Conselheiro, Consolador, que nos aproxima da Trindade e revela em nós toda a grandeza e santidade do nosso Deus. Glórias e honras, eternamente, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s