Atitudes de Servo

Meditação do dia: 20/09/2019

  “E ordenou-lhes, dizendo: Assim direis a meu senhor Esaú: Assim diz Jacó, teu servo: Como peregrino morei com Labão, e me detive lá até agora; (Gn 32.4)

 Atitudes de Servo – Ninguém foi melhor do que Jesus em servir e amar ao próximo. Isso, claro, é indiscutível. Então Jesus, chamando-os para junto de si, disse: Bem sabeis que pelos príncipes dos gentios são estes dominados, e que os grandes exercem autoridade sobre eles. Não será assim entre vós; mas todo aquele que quiser entre vós fazer-se grande seja vosso serviçal; E, qualquer que entre vós quiser ser o primeiro, seja vosso servo; Bem como o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos (Mt 20.25-28). Houve uma disputa entre a turma de discipulado de Jesus, cada um querendo assumir um posto maior e superior aos demais. Aqui, o grupo rachou, dez contra dois e olha, que os dois apenas tiveram uma petição encaminhada pela mãe deles; Jesus não havia prometido nada e nem dado a entender que o caminho seria aquele; mas já foi o suficiente para elevar os ânimos da turma. Foi então que Jesus mostrou para eles o padrão utilizado pelo mundo do poder; lá quem pode mais, chora menos e cada um faz o que puder para estar por cima e vale tudo para não deixar ninguém se aproximar. Mas o mestre disse que “entre nós” não seria assim. Ao longo da minha caminhada, percebi por observação própria e também estudando as conclusões de outros cristãos, que via de regra, as pessoas não tem problemas em serem chamadas de servos. O problema mesmo aparece quando elas são tratadas como servos. Ser chamado de servo, servo de Deus, um irmão servo etc. massageia o ego e os pregadores elitizados e nos seus ternos bem cortados, são recebidos nas plataformas como “grandes servos de Deus” e a galera vibra! Apenas sendo bem humorado, não azedo, fico pensando com meus botões: “Se é grande, não é servo – se é servo, não pode ser grande!” Nas considerações de Jesus, ele não proibiu alguém de querer ser grande – ele disse que se alguém quer ser, que sirva aos demais. No Reino de Deus a capacidade de grandeza e primazia é medita pela capacidade amar e servir. Não é por títulos, méritos, feitos, condecorações e etc. Foi assim que Jacó se fez apresentar a seu irmão Esaú. Como servo, tendo Esaú como senhor. Alguém poderia arrepiar: mas um justo se dobrando e se curvando diante de um ímpio, não é errado? Jacó saiu como presunçoso, arrogante, trapaceiro que roubou a bênção e os direitos do irmão, e agora ele volta como homem de Deus, abençoado de fato, convicto de que só Deus pode dar ao homem aquilo que não se pode conseguir por esforço e violência.

Obrigado, senhor, pelas lições de humildade e serviço. Amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s