Aquela Noite

Meditação do dia: 30/09/2019

  “E passou ali aquela noite; e tomou do que lhe veio à sua mão, um presente para seu irmão Esaú: (Gn 32.13)

 Aquela Noite – Medimos nosso tempo em diversas medidas ou subdividimos para adaptar aos diversos afazeres; mas basicamente, temos duas principais divisões: O dia e a Noite. O dia é claro e a noite é escura; o dia é regido pelo sol e a noite pela lua e as estrelas. Consideramos o dia um símbolo do bom, belo, esperança, luz etc. e a noite fica com as trevas, o medo, a insegurança, o perigo, o mistério e o desejo que passe logo. O dia é para trabalhar e a noite para dormir e descansar. Mas também sabemos que na modernidade, com a superpopulação e o ativismo necessário da indústria, comercio e entretenimento, nada disso é válido para tudo e todos. As grandes cidades não dormem à noite e há gente trabalhando e fazendo de tudo em todas as vinte e quatro horas. Pode não ser o ideal, mas é o que nos impusemos a nós mesmos; é o preço pelo estilo de vida adotado. Em tempos passados, os negócios eram feitos presencialmente entre as pessoas e isso demandava viagens e respeito à fusos horários. Com a globalização, os mercados funcionam em função das demandas e não da conveniência local. Pensando hoje sobre uma noite na vida de Jacó, trazemos nossas experiências à luz do que também já experimentamos e assim lançamos luz para a compreensão daquilo que o patriarca passou. Qual foi a pior noite de sua vida, de sua própria experiência? Me recordo de duas noites especiais de terror, uma em 1976, quando morávamos em Mato Grosso, no sítio e tivemos que acolher uma pessoa vitima de violência, para evitar sua morte, e o agressor, rodeava a casa em vigilância na busca de uma oportunidade, e era uma casa frágil de pau-a-pique. E dava para ver pelas frestas. Oh! Noite! Outra, em 1983, no período de estágio do seminário. Não vou descrever, para preservar coisas e pessoas boas importantes da minha vida. Mas até hoje, 36 anos depois, há uma trilha sonora de abertura de sessão de filmes na tv que me faz lembrar muito bem aquela noite. Voces também tem suas noites marcadas e hoje podemos olhar para trás e ver o cuidado e a mão de Deus cuidando da gente e assim, temos uma perspectiva diferente. Se não for assim, você deve orar sobre isso ou buscar orientação pastoral e espiritual para cura interior e se libertar de traumas e limitações advindas daquela experiência. Gosto de lembrar aqueles textos bíblicos que produzem consolo e conforto espiritual para nossas almas. “…O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã (Sl 30.5). Para Jacó, aquela noite o separava de uma experiência de tragédia fatal, ou de um livramento imensurável; porque pelos canais normais de se ver, não lhe restava alternativas de pacificar o irmão, sedento de vingança e com capacidade e poderio para realizar seus intentos. Aquela noite, deve ter sido muito longa, mesmo para alguém habituado a passar noites inteiras ao ar livre, no relento de frio e perigos na vida pastoril, mas agora, era diferente. Mas não somos da tragédia e nem da derrota e como tal, após toda noite longa e difícil, sempre haverá um novo dia e com ele as provisões da misericórdia divina. Acredito que se não for possível tirar Esaú da cabeça, poderemos permanecer com o Senhor no coração! As promessas de Deus são maiores e mais firmes do que as ameaças de Esaú. Deus pode mudar o coração e os planos de Esaú, mas Esaú não pode mudar e nem anular os planos de Deus.

Senhor, são muitas as aflições do justo, mas sempre haverá livramento da parte do Senhor. Nossa fé nos leva a confiar naquele que tudo pode e tem todos os meios e recursos para reverter as intenções do mal. Oro em fé pelos meus irmãos que estão em momentos difíceis e não conseguem divisar livramento e solução; mas a bênção do Senhor está além da compreensão humana e aqueles que estão em aliança contigo poderão contar com a tua ajuda. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s