Assentada Sobre o Pecado

Meditação do dia: 04/03/2020

Mas tinha tomado Raquel os ídolos e os tinha posto na albarda de um camelo, e assentara-se sobre eles; e apalpou Labão toda a tenda, e não os achou. (Gn 31.34)

Assentada Sobre o Pecado – O Clima de tensão estava quase à níveis insuportáveis naquela tarde. À começar pela visita indesejada de Labão que acabara de chegar, vindo em alcance e perseguição de Jacó e sua família, que saíra furtivamente aproveitando ausência do patriarca do clã. Depois pela intempestiva maneira de tratar a todos, além de tê-los como fugitivos, ainda ladrões de seus ídolos. Para completar a dose, se pôs a vasculhar acintosamente as tendas de um por um, começando pela de Jacó, Lia, depois das duas servas e por último a tenda de Raquel. A idéia é que ele fora revirando tudo, abrindo, jogando de qualquer jeito os pertences, de forma que Jacó estava com os nervos à flor da pele. Enquanto tudo isso acontecia, a promotora da confusão estava assistindo tudo de camarote e confiada num trunfo pessoal para não ser pega com as provas do crime. Como ninguém sabia, e provavelmente os tais ídolos estavam embalados ou guardados em alguma sacola ou algo semelhante, fora de quaisquer suspeitas na sela de montaria de um camelo. Pode parecer até infame, mas me vem à memoria, aquele texto de Apocalipse: E levou-me em espírito a um deserto, e vi uma mulher assentada sobre uma besta de cor de escarlata, que estava cheia de nomes de blasfêmia, e tinha sete cabeças e dez chifres(Ap 17.3). Sei, que aqui se trata da igreja falsa, comprometida com o pecado e a corrupção dos reinos da terra. Mas fico apenas com a comparação da nossa personagem, que deveria promover a justiça e a verdade, sendo a genitora de duas tribos do povo da promessa; mesmo já estando de saída da velha vida, caminhando para a nova vida que lhe avizinhava, mas se envolve com velhas práticas e hábitos reprováveis, colocando em risco o testemunho e a fé de todos. A minha lição de hoje é que pessoas boas podem tomar atitudes e decisões erradas e ruins na sua caminhada, mesmo estando sendo abençoadas e em condições favoráveis. Amamos as pessoas e desfrutamos da amizade e comunhão delas, mas precisamos saber que em muitas situações teremos que tomar posição sozinhos, se quisermos manter o foco e o compromisso com Deus. O erro dos outros não deve nos desanimar e nem passar uma mensagem de que tudo é falso e todos são ruins e não se pode confiar em ninguém. Decepções também fazem parte do processo de aprendizagem e crescimento. Repetindo algo que escrevo sempre: fazemos o certo, porque é certo; não porque é mais fácil, mais lucrativo ou favorável. Raquel continuará maravilhosa e tendo o nosso respeito e admiração, mas pisou na bola!

Pai, obrigado por não ocultar os erros e os pecados das pessoas boas e a quem nos serve de espelhos e modelos. Aprendemos com a verdade completa. E sabemos que a verdade liberta. Os pecados dos outros próximos de nós, deve despertar em nós o senso de vigilância e temor do Senhor. Quem está de pé, deve vigiar e perseverar olhando para as tuas promessas e se firmar na graça do Pai. Livrai-nos do mal, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s