A Importancia do Irmão

Meditação do dia: 15/05/2020

 “Mas se não o enviares, não desceremos; porquanto aquele homem nos disse: Não vereis a minha face, se o vosso irmão não vier convosco.” (Gn 43.4)

A Importância do Irmão – Cuidado e canja de galinha não faz mal a ninguém em tempo algum. Então só para não nos perdermos na caminhada em nossas meditações diárias, renovo aqui algumas orientações básicas para mantê-las sempre em mente e coração: Nossa proposta é meditar na Palavra de Deus e nos alimentar espiritualmente com porções diárias, nutritivas e edificantes. Não visamos profundidade teológica e acadêmica, que tem o seu lugar, mas não aqui nesse situação. Procuramos manter uma coerência e fidelidade doutrinária e interpretativa, mas focada na meditação e na busca por alimento. Estamos seguindo uma série baseada em personagens da Bíblia e suas experiencias de vida, família, com Deus, seus erros e acertos, anseios e expectativas, como todos nós temos e somos. Procuramos identificar-nos e aprender e por isso sempre fazemos alguma aplicação ao final. Buscamos orientação do Espírito Santo para não oferecermos palha em vez de alimento de qualidade. Agradecemos ao apoio e incentivos recebidos de muitos irmãos e amigos, que saboreiam como num banquete preparado por Deus. De coração, muito obrigado e que Deus te abençoe ricamente, juntamente com sua família e sua comunidade de fé. Judá estava enfrentando uma situação que requeria sabedoria, mas também graça e firmeza, para convencer o seu pai a liberar a ida de Benjamim com eles ao Egito para comprovarem a veracidade de suas identidades diante do governador, que até então eles não sabiam que era José, o irmão que eles mesmos despacharam para lá, vendido como escravo a muitos anos atrás. A peça-chave aqui, era Benjamim – José estava interessado nele; Jacó estava se apegando nele de forma emocional, com temor de que perdesse a sua última semente da esposa amada, Raquel. Os irmãos todos agora também perceberam a situação, de como o irmão se tornara uma solução para todos os seus dilemas, mas também poderia ser o pivô de uma crise ainda maior, pois havia muitas variantes possíveis e ninguém tinha controle sobre isso. Como costumamos dizer: O futuro insiste em permanecer opaco, invisível, imprevisível e intocável; ou melhor, o futuro insiste em permanecer no futuro. Se Israel permitisse sua viagem e acontecesse algo à caminho do Egito, antes de se apresentar ao governador? Se ele chegasse ao governador e não fosse liberado para voltar? Ainda mais, se fosse liberado para voltar, mas sem Simeão ou outro deles? Se voltassem todos, mas acontecesse algo com caçula na viagem de volta? Perguntas é o que não falta, mas e as respostas? São só conjecturas, suposições, possibilidades. Você já passou por situações assim, quando tudo é muito incerto? Me vem à mente o texto que diz: Nenhum deles de modo algum pode remir a seu irmão, ou dar a Deus o resgate dele. (Pois a redenção da sua alma é caríssima, e cessará para sempre), Para que viva para sempre, e não veja corrupção (Sl 49.7-9). Muitos de nós temos irmãos, familiares e amigos muito amados, mas que estão vivendo longe dos caminhos de Deus e resistem ao amor de Deus. Isso pesa muito e desafia-nos à oração e intercessão por eles. Queremos tê-los conosco na eternidade. Precisamos intensificar nossos esforços espirituais em batalha por suas vidas. Outras versões da importância de algumas pessoas em nossas vidas, como parceiros de fé. Saúda-vos Epafras, que é dos vossos, servo de Cristo, combatendo sempre por vós em orações, para que vos conserveis firmes, perfeitos e consumados em toda a vontade de Deus(Cl 4.12). Paulo quase sempre no final de suas cartas relaciona muitos amados irmãos preciosos que eram batalhadores na causa de Cristo. Eles precisam de nosso amor e apoio em orações. Os pastores e líderes, precisam muito mais de suas orações e apoio de irmão, do que provavelmente você imagina. Eles são pessoas, são humanos, tem suas próprias pressões e necessidades e alia-se a isso o peso da responsabilidade ministerial. Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil (Hb 13.17). Porque há maus obreiros e charlatões, não deixe de amor os seus líderes com quem vocês convivem e conhecem de perto e sabem que podem contar com eles, assim como elas podem contar com vocês. A Lição nossa hoje é evitar a “Síndrome de Caim,” que dizia não saber e não se importar com seu irmão.

Pai, obrigado pela amizade e companheirismo que temos entre a fraternidade dos teus filhos aqui na terra. Amigos são necessários, são importantes e até o Senhor sempre teve amigos e os presava muito. Obrigado por aqueles que intercedem diante de Ti com lutar verdadeiras em oração para que haja graça e favor sobre nossas vidas, nossas famílias e ministérios. Hoje, oramos por aqueles que estão em dificuldade devido a presente situação de isolamento social, pela pandemia do Corona Virus. Pedimos sabedoria e discernimento para apoiarmos uns aos outros e caminharmos juntos na tua direção. Obrigado pelos bons companheiros de jornada, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s