Nosso Irmão Menor

Meditação do dia: 17/04/2021

“E nós dissemos: Não poderemos descer; mas, se nosso irmão menor for conosco, desceremos; pois não poderemos ver a face do homem se este nosso irmão menor não estiver conosco.” (Gn 44.26)

Nosso irmão menor – Na Palavra de Deus encontramos inúmeras passagens com vidas sendo apresentadas em termos de famílias e seus relacionamentos. Esses registros nos possibilitam um rico aprendizado em nossa jornada espiritual. Familia é uma instituição presente em todas as partes, em qualquer cultura, por mais sofisticada ou primitiva; podem variar os aspectos culturais nas diversas tribos e formatos de ajustes, mas ainda é família. Temos diversos registros onde um indivíduo membro de uma família, mesmo sendo mais novo se sobressai sobre os demais. Também percebemos situações onde os mais velhos precisam cuidar e proteger os mais novos. Pelo que estamos vendo, nada disso é novo para nós e em nada difere do que vemos acontecer entre nossas famílias e grupos sociais. Então, a oportunidade de aprender e crescer é verdadeiramente real, nos atendo a aprender com quem venceu, ou ajudou a vencer. O primeiro registro bíblico de atividades entre irmãos, foi entre Caim e Abel, e aqui, o mais velho não fez um bom trabalho, muito pelo contrário, escreveu seu nome na história humana, pelo avesso e foi o primeiro e mais destacado exemplo do anti-amor demonstrado entre família e sociedade. Encontramos Esaú e Jacó, que protagonizaram duelos de rivalidades praticamente a vida toda, só se reconciliando depois da meia idade. Os filhos de Jacó, estamos estudando em detalhes e temos bons e maus exemplos, de onde estamos extraindo boas pérolas. Outros registros lindos encontramos entre os irmãos Arão, Miriã e Moisés, onde o cuidado e amor da irmã possibilitou a educação e o treinamento do maior líder da história da nação de Israel e a pessoa de maior aproximação de Deus que conhecemos. Para não prolongarmos nas muitas possibilidades, citaremos Davi, o caçula de Jessé, que já possuía irmãos no exercito real e ele apenas cuidava dos rebanhos e sendo ainda um garoto, foi elevado por Deus a uma condição futura de se tornar o maior e mais famoso rei de Israel e o homem segundo o coração de Deus, o salmista que tanto edifica e alegra o coração de milhares de pessoas com seus salmos por gerações e gerações e um dos seus descendentes, é Jesus Cristo em sua encarnação, que reinará para sempre no trono de Davi. Nenhuma desses histórias voltou a se repetir, porque são únicas, porque as pessoas são únicas; então você e eu, com nossas próprias histórias podemos construir e fazer a diferença, como aqueles vão se destacar, ou não; o importante é cumprir o papel que nos é designado ou que podemos no exercício de nossas capacidades e oportunidades, fazer o melhor, fazer com excelência e sermos a diferença no nosso momento na história. No que nos propomos meditar hoje, os filhos de Jacó lhe disseram que sem Benjamim não poderiam descer ao Egito, mas com sua presença com eles, poderiam e com chances de sucesso na missão de agradar ou satisfazer o governador, libertar o outro irmão que ficara detido, comprar mais mantimentos e voltarem para casa e tocarem suas vidas. Isso são planos, expectativas, embora eles não sabiam que Deus estava escrevendo um novo capítulo em suas vidas e essa viagem, com a presença do irmão mais novo seria um catalisador para eventos novos e transformadores. Ali, começaria um tempo de acerto de contas, um tempo de recompensas e oportunidade de restauração de vínculos importantes. A família se uniria como nunca fora unida e os propósitos eternos tomariam seus lugares de forma mais explícita para todos eles. Quando é o momento da virada em nossas vidas? Não farei uma afirmação científica e taxativa, mas quase sempre o momento crucial de transformação em uma vida, vem numa crise, ou pós crise! As dificuldades produzem mudanças e algumas são transformadoras. Olhe para sua história e veja onde aconteceram as mudanças mais significativas? Na minha também foi assim.

Senhor Deus, obrigado pelos momentos difíceis que produzem mudanças boas e significativas ao nos tirar da zona de conforto e estagnação. Graças de damos pelas pessoas que são instrumentos para a tua vontade ser implementada em nossas vidas e pelo papel tão especial que irmãos, familiares e amigos exercem ao nos motivar, direcionar ou incentivar a nossa perseverança e tomada de decisões que farão sentido depois de um tempo e dedicação. Obrigado pela oportunidade também de sermos agentes de bênçãos na vida de irmãos e familiares para que alcancem a plenitude de suas vocações e façam a seu tempo a diferença onde estarão. Agradecemos em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s