Quando a Boa Idéia é Boa

Meditação do dia: 1°/06/2021

“E disse Faraó a José: Dize a teus irmãos: Fazei isto: carregai os vossos animais e parti, tornai à terra de Canaã.” (Gn 45.17)

Quando a Boa Idéia é Boa – Mais de uma vez já tive idéias muito boas que na verdade não eram boas, elas pareciam boas. Os romanos tinham um provérbio que dizia: “A mulher de César não basta ser honesta, ela precisa parecer honesta!” Já por esse Brasil à fora, diz-se que “de boas intenções o inferno está cheio.” Mas quando as idéias se confirmam, é muito bom, como vimos nesse texto, onde José tomou iniciativas para trazer sua família para habitar no Egito. Quando Faraó ficou sabendo da presença dos irmãos de José, já se empolgou com a possibilidade de demonstrar ainda mais sua generosidade e gratidão para com José e lhe apresentou a sugestão, já quase em estilo ordem real, para enviasse com rapidez os seus irmãos para a terra de Canaã e levasse o convite para que toda a família viesse morar no Egito, à convite do soberano e sob boas condições. A boa idéia de José era também uma boa idéia para Faraó. Podemos também chamar de confirmação; quando estamos diante de uma importante decisão e todas as coisas convergem para uma mesma direção, apontando as soluções e as portas vão se abrindo uma a uma. A vida deve ser vivida intensamente e com elevados números de iniciativas novas e ousadas. Grandes conquistas são precedidas por grandes medidas de coragem e ousadia. A acomodação ou o medo de arriscar, produz resultados previsíveis e geralmente pequenos. Já houve tempos em que a sociedade humana precisava expandir suas fronteiras, mas o consenso da época pregava que a terra era plana, (embora ainda haja quem defenda essa teoria) e navegar além do conhecido era um erro, e um risco que não valeria a pena. O abismo engoliria os aventureiros. Alguém com muita coragem e ousadia, ou muita loucura e rebeldia, provou o contrário e o mundo nunca mais foi o mesmo. Abraão, nosso Pai na fé, foi ousado, para uns foi insano, para os que creêm, ele só agiu firmado em uma Palavra mais poderosa que a dele mesmo. Os israelitas sob o comando de Moisés ao se apresentarem no Mar Vermelho, fizeram o que nunca alguém tentara antes, e deu certo, não pelo a caso, mas pela promessa. Como nos diz o escritor da Carta aos Hebreus; “E que mais direi? Faltar-me-ia o tempo contando de Gideão, e de Baraque, e de Sansão, e de Jefté, e de Davi, e de Samuel e dos profetas, Os quais pela fé venceram reinos, praticaram a justiça, alcançaram promessas, fecharam as bocas dos leões, Apagaram a força do fogo, escaparam do fio da espada, da fraqueza tiraram forças, na batalha se esforçaram, puseram em fuga os exércitos dos estranhos” (Hb 11.32-34). Não teríamos tempo para registrar os muitos atos que testemunham as grandes vitórias, as conquistas dadas como impossíveis e inviáveis. Acredito que as boas idéias são originadas na intimidade com Deus em um ambiente de apropriação de capacidades que fogem ao convencional. O lugar comum, o consenso e a aprovação pela maioria não produzem assimetrias nos resultados. Gostaria de desafiá-los a pensarem grande, pensarem alto, e buscarem em Deus e na sua Palavra as garantias de que obterão bons resultados. Não se trata de prepotência, arrogância ou orgulho vazio; é uma assimilação da condição de filhos de Deus; mentalidade vencedora, atitude de fé e a convicção de que Deus será mais glorificado em vidas mais satisfeitas nele. Somos servos e mordomos, portanto quanto maior as nossas vitórias, maior é a glória e a demonstração do poder do Senhor a quem servimos.

Pai amado, graças te rendemos nesse dia, o tempo que nos pertence para servir, louvar e adorar por tudo que o Senhor significa para nós. somos adoradores por natureza, para isso fomos criados, sustentados, redimidos e acolhidos na família da fé. Podemos realizar grandes coisas, porque servimos a um Deus grande, generoso e mais que suficiente para cada um de nós. O teu poder é imenso e não somos merecedores de nada, mas somos gratos por tudo que em Cristo Jesus ficou disponível pela Nova Aliança, através da fé. Bendito seja o Senhor, de eternidade em eternidade, para todo o sempre, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s