O Vinde A Mim

Meditação do dia: 02/06/2021

“E tornai a vosso pai, e às vossas famílias, e vinde a mim; e eu vos darei o melhor da terra do Egito, e comereis da fartura da terra.” (Gn 45.178)

O Vinde a Mim – Bondade não tem cor e não tem razão para ser recriminada. Assim como a maldade, que não importa quem a faça, ainda continuará tendo o mesmo caráter. No entanto, certas instancias e instituições são esperadas delas uma linha de ação que condiz com sua natureza e propósito de existência. De uma igreja se espera fé, acolhimento, esperança e compaixão. Quaisquer virtudes advindas dela e de seus componentes é considerado natural e esperado. O contrário não! Uma autoridade, em todas as instancias e abrangências é esperado justiça nos seus atos, compromisso com o público alvo e imparcialidade no trato. Essas expectativas se tornam marcas tão acentuadas que imprimem ares de caráter pessoal. Nos nossos dias se utilizam muitas métricas para tudo; temos rankings locais, regionais globais até selos para conferir boas práticas. Certas nações que se mantém no topo de desenvolvimento, bem estar social e ações de combate à corrupção, pobreza, justiça social e educação de qualidade, entre outras coisas boas, são sempre vistas como realmente boas e um pequeno fato toma muita notoriedade. Ao meditarmos na Palavra de Deus, o fazemos por uma questão de fé e prática e a prática já é resultado da fé. O conhecimento adquirido soma-se aos demais níveis e competências que tornam a pessoa um indivíduo melhor, para si mesmo, para sua família e sociedade. Diversificar o conhecimento ajuda a ter um ponto de vista ampliado e mais abrangente. Uma única narrativa, produz só tipo de conhecimento que foca tão somente numa verdade sem equivalências; ou seja, tudo o que se sabe, não é tudo que existe e essa imperfeição conduz a erros. Acreditamos que o nosso Deus é o criador e o sustentador de todas as coisas. Isso não é fato novo, recente ou inconteste. Desde que o mundo é mundo e o conhecimento é disseminado pelas culturas e povos, o livre arbítrio humano tem sido exercido e as teses e antíteses se amontoam aos milhares. As Sagradas Escrituras já foram testadas, contestadas, dissecadas, perseguidas, afrontadas e resistem aos mais duros golpes e embates.  É Palavra de Deus! Só e tudo isso! “As palavras do Senhor são palavras puras, como prata refinada em fornalha de barro, purificada sete vezes” (Sl 12.6). A figura do rei do Egito fazendo o bem à José e abrindo as portas de seu país para abrigar o embrião do povo de Deus, pode ser acolhido por nós como alguém que se tornou instrumento nas mãos de Deus para fazer o bem em nível que só alguém grande em poder e influencia poderia fazer. Ele chegou a esse nível de cooperação de forma quase natural, ao receber ajuda de um escravo e prisioneiro, que já era um instrumento nas mãos de Deus e estava ali para aquele momento delicado. Quando os recursos humanos falham e não podem ajudar, a fé e a providencia divina se apresenta, sempre através de pessoas. Faraó ficou grato a José e respeitou sua fé, sentiu-se atraído para o bem e se propôs fazê-lo. Em cada instancia alguém deve estar disponível a ser a bênção que Deus providenciará. O “vinde a mim,” de Faraó para os hebreus foi uma bênção e eles estavam prontos para serem abençoados. Nos seus dias Jesus também apresentou um “vinde a mim,” de abrangência muito maior. Jerusalém representada por seus povos e moradores, não estavam prontos e nem desejavam ser acolhidos e abençoados, mesmo estando em necessidade. “Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, e apedrejas os que te são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e tu não quiseste! (Mt 23.37). Você e eu estamos prontos para ser abençoado por alguém que Deus vai usar? Pode ser alguém que não esperamos? Terá que ser só do jeito  que imaginamos ou fomos instruídos?

Senhor, dono de todas as coisas. Tens uma multiforme sabedoria e és Senhor de todos os recursos e nada foge ao teu governo e comando. Minha oração hoje é de humilde súplica por uma mentalidade mais abrangente, capaz de ver o teu agir sem preconceitos ou hostilidades contra algo que me seja diferente, inusitado ou estranho. A tua bênção enriquece e não acrescenta dores. Sou grato por receber de tua graça e bondade. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s