Um Pedaço da Terra à Mais

Meditação do dia: 07/08/2021

“E eu tenho dado a ti um pedaço da terra a mais do que a teus irmãos, que tomei com a minha espada e com o meu arco, da mão dos amorreus.” (Gn 48.22)

Um Pedaço da Terra à Mais – Aqui está outro daqueles textos bíblicos maravilhosos, intrigantes e que nos faz tão bem pensar no seu sentido e na aplicação dele em nossas vidas. A Bíblia, a nossa Bíblia é um livro, uma coleção de livros, de origem oriental, escrita por orientais para um público eminentemente oriental, que pensa com cabeça de oriental – diferentemente de nós ocidentais, muito jovens em termo de civilização se comparando aos orientais, que data desde a origem do homem e da própria civilização humana. Eles tem histórias para contar e tem passado firme, sobre tradições fortes e que são perpetuadas de geração em geração e que eles se orgulham de manterem as coisas assim. Nós, no caso, brasileiros, estamos com quinhentos e vinte e um anos e nossas bases são tão sólidas quanto um prego fincado na areia ou mingau no espeto. A frase é boa e conhecida. “No Brasil, até o passado é incerto.” Alguns a atribuem ao ex-ministro Pedro Malan, outros ao ex-presidente do Banco Central Gustavo Loyola. Vários a repetiam. Ela se consolidou como uma frase antológica sobre o Brasil. Agora até a autoria da frase é incerta! Mas a ideía não é criticar ou zombar do que viemos a ser, em comparação a outras civilizações bem mais consolidadas. O que admiro e me encanta no texto da meditação de hoje, é o fato de Jacó declarar a seu filho José que lhe doava um pedaço à mais de terra do que aos demais irmãos, e que esse pedaço específico de terra, ele teve que lutar por ele, fisicamente, tomá-lo dos amorreus. Não haveria nada demais na história, porque naquele tempo eles precisavam se valer da força bélica para se protegerem e até mesmo conquistar e depois manter o território conquistado. Abraão se viu numa batalha, com seus servos e amigos aliados, contra reis poderosos, para resgatar seu sobrinho Ló e os bens que foram saqueados. Jacó, na volta de Harã para Canaã, teve que enfrentar um anjo em luta corporal e ele prevaleceu, o que lhe garantiu o novo nome de Israel, por lutar como um “Príncipe de Deus.” Também não temos a explicação de o porque esse conflito surgiu e ele teve que atacar e defender com espada e arco um território. Posso pensar em alguma parte de terras boas que eles habitavam ou mantinham como posse para pastagens e outras atividades e algum amorreu “sem terra” resolveu se meter com a possibilidade de tomar à força e se deu mau. Mas o que me leva a pensar de outra forma, é a razão de Jacó, que não mais voltaria para Canaã, senão para ser sepultado e todos os seus descendentes não ou alguma parte deles não voltarem para ficar na posse daquela terra ou de qualquer outra, e ainda assim, ele separar aquela porção para José e declarar isso em testamento. Quando José iria para Canaã? Dando um spoiler, sabemos que ele recomendou aos seus irmãos e descendentes que levassem seus restos mortais para Canaã, quando eles fossem. E disse José a seus irmãos: Eu morro; mas Deus certamente vos visitará, e vos fará subir desta terra à terra que jurou a Abraão, a Isaque e a Jacó. E José fez jurar os filhos de Israel, dizendo: Certamente vos visitará Deus, e fareis transportar os meus ossos daqui (Gn 50.24,25). Jacó deu na certeza da fé na fidelidade de Deus em cumprir a sua Palavra e José recebeu na fé das promessas de que Israel sairia dali do Egito para SUA TERRA PROMETIDA. Viver pela fé, morrer na fé, acreditando por saber que as promessas de Deus vão muito além de nós e de nossos dias aqui na terra. Isso nos leva a exortação de Paulo aos Coríntios: Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens (1 Co 15.19).

Pai, graças te rendemos por sua bondade e misericórdia demonstrado a nós os teus filhos. Somos gratos porque em nossa finitude, tendemos a trazer todas as coisas para o mesmo nível de mentalidade que lidamos. Mas somos cidadãos de um reino muito melhor, muito maior e acima de todas as nossas melhores expectativas. Queremos crescer e levar as marcas da eternidade em tudo que fazemos e acreditamos. Em nome de Jesus, amém

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s