Os Antecedentes

Meditação do dia: 18/11/2021

“O qual disse: Quem te tem posto a ti por maioral e juiz sobre nós? Pensas matar-me, como mataste o egípcio? Então temeu Moisés, e disse: Certamente este negócio foi descoberto.” (Êx 2.14)

Os Antecedentes – Quando garoto, trabalhei alguns dias em cartório, no que já foi chamado de “Office boy.” Dentre as lembranças das atividades ali, ficou retido na minha memória os muitos formulários de “Bons Antecedentes” que preenchíamos na velha máquina de escrever; então a pessoa assinava e se reconhecia a firma e dava-se o encaminhamento na papelada. Para quase tudo que alguém fosse fazer em órgãos públicos e até empregos, se exigiam atestados os mais variados; entre eles o de bons antecedentes, que atestava que a pessoa não tinha dívidas com a justiça ou pendencias legais que desabonassem a sua conduta. Burocrático mesmo e hoje até parece insano, era o atestado de vida e residência, outro documento muito exigido, onde na delegacia de polícia era preenchido um formulário e o delegado assinava, atestando que a pessoa estava viva e que morava no endereço citado. Essas coisas e jabuticaba só dão no Brasil. Mas virando a página, antecedentes, como a própria palavra já exprime, é tudo aquilo que aconteceu antes. Assim, todos temos antecedentes. Como sabemos que o passado não pode ser alterado, apenas podemos corrigir atos e efeitos daquilo que foi praticado. Na experiencia cristã, somos alcançados pela graça misericordiosa de Deus, através da fé em Jesus Cristo como Redentor perfeito. O efeito da obra redentora de Cristo na cruz é aplicada na vida de todo aquele que põe sua fé em Cristo; assim sendo, os atos cometidos que foram desagradáveis a Deus e agora foram confessados e admitidos, são perdoados e portanto são canceladas as sentenças proferidas. “E, quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas, Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz (Cl 2.13,14). Mais à frente na mesma carta, o apóstolo Paulo recomenda que os cristãos façam do mesmo modo, nos relacionamentos com so demais irmãos. “Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também” (Cl 3.13). Precisamos cuidar bem de nossas ações no presente, porque amanhã elas constituirão nosso acervo de antecedentes. As pessoas não costumas serem tão generosas e compreensivas com o passado dos outros, tal qual Deus é. Então, poderá haver cobranças ou lembranças com propósito de desestabilizar a pessoa, ou desautorizar seu ministério no presente. Foi esse o caso com Moisés naquele dia, quando o hebreu que fora interpelado por maltratar e ferir um outro homem. Ele questionou a autoridade e a legalidade de Moisés devido ao seu antecedente intempestivo, quando para defender um patrício seu, ele matou um egípcio. Isso foi para sua ficha, e agora lhe foi lançado em rosto num momento muito inapropriado. É preciso deixar o passado no seu devido lugar, isto é, no passado mesmo; mas para tal, é necessário tratar todas as pendencias e só então prosseguir. Todos os pecados CONFESSADOS são perdoados e é recebido a purificação necessária. “Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado” (I Jo 1.7).

Graças te rendemos, oh! Senhor, por tua grande bondade e misericórdia para conosco em Cristo Jesus. Recebemos com muita alegria o perdão de nossos pecados já confessados e aceitamos a purificação e a plena restauração da comunhão com o Deus criador. Obrigado por prover meios de consertar o nosso passado, onde andamos contrário à tua perfeita vontade e ofendemos a tua santidade. Agora, com a nova vida em Cristo, desejamos te agradar e também contribuir para a edificação de todos no Corpo de Cristo, no nome de quem oramos, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s