Chamado e Resposta

Meditação do dia: 22/12/2021

“E vendo o Senhor que se virava para ver, bradou Deus a ele do meio da sarça, e disse: Moisés, Moisés. Respondeu ele: Eis-me aqui.” (Êx 3.4)

Chamado e Resposta – Já conheço a história inteira de Moisés e o seu chamado para servir ao povo de Deus, libertando-os do cativeiro no Egito. Acredito que os três leitores mais assíduos dessas meditações também a conhecem bem. Mas ao vivo e à cores, naquele dia lá no deserto, ao ouvir aquela voz lhe chamando pelo nome, do meio de uma sarça em chamas, Moisés sabia que era Deus que o chamava e sabia que deveria responder, como de fato respondeu; Ele poderia ter uma certa noção sobre o tema da conversa – a libertação do seu povo, mas de forma alguma ele tinha alguma noção de como seria a missão e quanto tempo levaria para cumpri-la. Como eu não tive e não tinha quando entendi o chamado de Deus para servir no ministério cristão. Deus não nos dá a visão completa de uma única vez e isso é por necessidade de exercitar a fé e o relacionamento com Deus e com as pessoas. Existem muitas variáveis na execução de uma mesma vocação e a cada ministério há uma demanda diferente. Podemos pensar por exemplo, quando Deus chamou a Noé e o ordenou a construir a arca. Esse chamado foi bem específico e consequentemente tinha começo, meio e fim; Noé iria trabalhar etapas sequenciais até a conclusão e entregar a obra para que então o Senhor complementasse a ordem com a etapa de ocupa-la e navegar sobre as águas até findar essa nova etapa e recomeçarem a vida em terra firme. Moisés, mais à frente, recebe a missão de construir um tabernáculo ao Senhor e essa tarefa também tinha começo, meio e fim, quando estivesse montado e pronto para ser inaugurado, como de fato foi. O que quero dizer com essa reflexão, é que a nossa consagração ao chamado do Senhor, deve estar fundamentada em termos a certeza de estarmos na presença dele, daí respondermos: “Eis-me aqui!” O que virá em seguida, já é uma outra etapa do relacionamento e precisaremos receber as devidas instruções e assim começar a dar os passos necessários para obedecer a Deus e cumprir a sua vontade. Já houve um tempo e não tão distante, que a igreja como Corpo de Cristo, não tinha uma clareza maior sobre a aplicação das vocações ministeriais e de como aproveitar os potenciais dos dons, habilidades e capacidades dos seus membros e realizar melhor e com mais precisão a sua missão aqui na terra. Há períodos em que só os ministros, os clérigos tinham oportunidades e as responsabilidades, e isso hoje, entende-se que contraria os ensinos apostólicos bíblicos, onde todos os santos de Deus são chamados à participar da construção do Reino de Deus. Gosto muito de pensar na comparação paulina do corpo humano e seus muitos membros com o Corpo místico de Cristo na terra, que é a igreja e suas muitas possibilidades através de cada parte cumprir a sua função. “Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros, sendo muitos, são um só corpo, assim é Cristo também. Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito (1 Co 12.12,13). Você sabe para o que, Deus te chamou ou está chamando?

Senhor, eis-nos aqui, reconhecendo a tua santa presença, digna de toda a nossa adoração, louvor, honra e glória. Queremos manter a nossa consagração inicial e reiterar que desejamos te servir, onde, como e pelo tempo que lhe apraz estabelecer. Sabemos que a tua vontade é boa, agradável e perfeita e sempre será a melhor decisão, andar contigo e servir com amor e excelência, com a ajuda da graça e bondade do Senhor. Reconhecemos a importância a presença do Espírito Santo com sua sabedoria, poder e influencia para fazer do nosso serviço um verdadeiro culto de adoração ao Senhor nosso Deus. Oramos em fé, no nome poderoso de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s