Exatores e Oficiais

Meditação do dia: 30/04/2022

“Então saíram os exatores do povo, e seus oficiais, e falaram ao povo, dizendo: Assim diz Faraó: Eu não vos darei palha;” (Ex 5.10)

Exatores e Oficiais – Podem ser palavras que descrevem pessoas e funções que não são gratos para o povo de Deus. Aliás, cobradores de impostos, fiscais públicos e agentes do governo nessas funções nunca são bem vistos pela população. Segundo se diz no mercado financeiro, nesta vida apenas duas coisas são absolutamente certas: A morte e os Impostos. Povos que se utilizavam de mão de obra escrava, lançavam mão de feitores, exatores, que eram funcionários remunerados do governo para fiscalizarem a vida de serviço dos seus escravos. Além do ofício próprio, em muitos casos eles eram ou se tornavam perversos para com os escravos e assim mantinham a rotina e evitavam problemas com os oficiais superiores e mesmo o rei. Se estivermos dispostos a fazermos uma analogia espiritual desse seguimento, em relação a nossa caminhada espiritual, iremos nos deparar com muitas possibilidades. Me permitam entrar um pouco no campo das batalhas espirituais, para alcançarmos uma compreensão que nos sirva minimamente para uma boa aplicação. Atentemos que quando a Bíblia trata da criação ela é bem mais abrangente do que a nossa vaidade permite admitir. “Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele” (Cl 1.16). Há hierarquias espirituais invisíveis, que exercem funções muito além do nosso conhecimento comum. Isso possibilita a existência também de sistemas espirituais tanto bons e divinos, quanto maus e malignos, que travam combates e procuram gerar influencias em toda a criação. Os humanos, por serem muito amados de Deus e para quem Ele tem planos muito grandes, sofrem os efeitos de coisas que estão além da nossa compreensão. Podemos ver na experiencia de Jó, que ele padeceu tudo aquilo que é registrado e foi regiamente recompensado por Deus no final e tudo estava baseado num conflito espiritual fora do alcance das vistas e do entendimento dele e dos demais atores que ali aparecem. Satanás provocou a Deus e fez acusações sérias sobre as razões porque Jó era fiel. Sabemos o que aconteceu. Deus estava agora, lidando com a libertação do seu povo escolhido, que viviam no Egito e tinha um papel muito importante para desempenhar no mundo, pois a obra da redenção de toda a humanidade estava ligado a eles diretamente. Mais e além dos egípcios e Faraó, havia interesses gigantescos de ordem cósmicas, que criavam verdadeiras fortalezas no mundo invisível, que somente sendo verdadeiramente espiritual para entender essas coisas espirituais. “As quais também falamos, não com palavras que a sabedoria humana ensina, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais. Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido” (1 Co 2.13-15). Coisas espirituais se comparam com espirituais e o pessoas naturais (não nascidas de novo ou carnais) não compreendem verdades espirituais, enquanto pessoas espirituais compreendem tanto as coisas naturais quanto as espirituais. Os exatores que infligem sofrimentos, danos, prejuízos e lutas para os cristãos, podem ser agentes malignos de outro plano espiritual; por falta de percepção e discernimento espiritual tudo é visto como sendo implicância, invejas, ciúmes, falta de caráter, violência e injustiças de pessoas, instituições e governos. “Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais” (Ef 6.12). Fique esperto!

Graças te damos, Senhor Deus e Pai, por seu previdente cuidado e amor para conosco. O Senhor tem todo o conhecimento e a sabedoria enquanto somos limitados, mas o teu santo Espírito habita em nós para nos guiar a toda a verdade e capacitar a viver, lutar e vencer as nossas batalhas. Obrigado pelos dons espirituais que são ferramentas preciosas para a igreja lidar e prevalecer nesse mundo espiritual no poder do Senhor. Oramos em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s