Deixa O Meu Povo Ir

Meditação do dia: 24/06/2022

“E lhe dirás: O Senhor Deus dos hebreus me tem enviado a ti, dizendo: Deixa ir o meu povo, para que me sirva no deserto; porém eis que até agora não tens ouvido.” (Ex 7.16)

Deixa O Meu Povo Ir – Deus deu uma ordem para Faraó e ele deveria acatar, deixando o povo ir. Faraó não foi o primeiro homem a desafiar a Deus em não obedecendo suas instruções, mas também não foi o primeiro a arcar com as consequências de suas desobediências. O povo de Deus tem um chamado para ir. Nossa principal missão de nossas vidas é um “IDE.” Abraão foi chamado para deixar sua terra natal e IR para uma outra terra que Deus lhe mostraria e ele foi e as bênçãos estão circulando entre nós e sobre as nossas vidas até hoje e para todo a sempre. Os patriarcas tiveram cada um e a seu tempo os seus próprios “IDES.” Agora era a vez do povo hebreu todo, de uma só vez, saírem do Egito, de forma espiritual e literalmente. A soberania de Deus não necessitaria pedir permissão ou ter que dialogar com um rei humano, para realizar seus planos eternos e cujo propósito era abençoar todos os povos da terra. Quero refletir sobre a necessidade do povo de Deus estar em movimento, mas isso não deve significar ativismo; isso geraria apenas correria para cima e para baixo sem muita produtividade. Os ciclos da vida e da própria natureza também tem servido como instrumento para o povo de Deus se mexer e não cair na estagnação. Já ouvimos dizer que tempos difíceis produzem homens fortes; homens fortes produzem tempos bons e tempos bons produzem homens fracos; homens fracos produzem tempos difíceis. Sendo assim, quando a acomodação começa a produzir inércia e descaminhos, Deus providencia uma situação que leva o povo a se mobilizar novamente. Abraão passou por ciclos de fomes e secas que forçavam a migração e com isso o testemunho do conhecimento de Deus crescia entre os povos. A igreja passou por semelhantes ciclos, quando Jerusalém estava em franco crescimento e muitos sinais e maravilhas aconteciam, ninguém estava com planos mudanças e ou sair para proclamar o Evangelho; então aparece Saulo perseguindo, prendendo e espalhando cristãos por todos os cantos do mundo e o avivamento seguiu junto. Um dia, muito em breve, assim esperamos, Jesus volta e um novo IDE se nos apresenta. Estou dizendo que a ordem de Deus através de Moisés e Arão para o Faraó permitir a saída do povo hebreu, era também uma oportunidade para o testemunho de Deus ser efetivamente dado ao Egito e ao próprio Faraó. A queda de braço que o rei do Egito proporia, seria aceito por Deus para evidenciar a sua revelação como Deus poderoso, que o rei não conhecia e não sabia que deveria respeitar e reverenciar. Lembrando que ouvir falar de Deus, pode ser mera informação, mas Deus quer ser conhecido, experimentalmente.

Senhor, nós te conhecemos e te amamos, desejamos agradar e seguir as instruções que recebemos para nossas vidas sejam abençoadoras. Buscamos sabedoria e discernimento para te servir e proclamar o teu reino. Te agradecemos por tudo que tem sido dado a nós e nos permitido ir em fé e obediência. Oramos em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s