Temer Sem Temor

Meditação do dia: 15/12/2022

“E aproximando Faraó, os filhos de Israel levantaram seus olhos, e eis que os egípcios vinham atrás deles, e temeram muito; então os filhos de Israel clamaram ao Senhor.” (Ex 14.10)

Temer Sem Temor – No nosso bom e velho português, temer tem mais de uma acepção e entre as principais: 1. Sentir medo ou temor de; recear. 2. Ter receios por; preocupar-se. 3. O temor a Deus é um sentimento de respeito e reverência praticada pela doutrina cristã, segundo previsto no livro de Hebreus da Bíblia Sagrada: Por isso, recebendo nós um reino inabalável, retenhamos a graça, pela qual sirvamos a Deus de modo agradável, com reverência e santo temor” (Hb 12.28 ARA). Os israelitas naquele início de caminhada, se viram apertados pela perseguição de Faraó e toda a sua força militar disponível. Para aquelas pessoas comuns, sem treinamento militar e toda a vida passaram como escravos, limitados à obrigações e sem nenhuma experiencia de guerra ou de combates, era absolutamente razoável que temessem por suas vidas. Provavelmente qualquer grupo de pessoas, em jornada, com crianças, jovens, mulheres e animais domésticos, sendo perseguidos por um exército bem treinado e sem piedade, sob o comando de um rei perverso e vingativo, em circunstancias normais, temos que entender que o medo deles era justificável. O que poderia ser o antídoto a esse medo, seria exatamente a confiança no Deus a quem eles serviam e que lhes dava total proteção e cobertura. Eles tinham a Palavra de Deus, que lhes protegeria e os conduziria até a terra de Canaã, para que eles herdassem a terra que lhes pertencia por herança. Trazendo isso para as nossas vidas e experiencias, precisamos deixar o temor, de ter medo e receios e acolher no coração o temor, de reverenciar, apreciar, respeitar a Deus que tudo pode e disse estar do nosso lado. O apóstolo João, disse na sua carta algo muito interessante que quero compartilhar com vocês: No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo. Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor” (1 Jo 4.18 ARA). Olhando para esse texto, entendemos sem legendas, sem precisar desenhar, que amor e medo não combinam e onde está um, o outro não é bem-vindo; como nossos corações foram e são cheios do amor de Deus, o perfeito amor, ou seja, esse amor trabalhado, vivenciado, desenvolvido, cultivado, é forte o suficiente para botar pra fora qualquer medo. Já que “o temor do Senhor é o princípio da sabedoria…” (Pv 9.10), um coração temente é sábio e isso leva a boas escolhas. Escolhamos não ceder ao medo, ao pânico e à incredulidade; pois Deus deu-nos a sua Palavra que estaria conosco todos os dias.

Obrigado Senhor, por teu amor derramado em nossos corações e pela graça para superarmos os nossos medos e preocupações porque a tua Palavra é tão poderosa hoje quanto o era no dia em foi dita e escrita. Em Ti está a nossa confiança, que nos afastará das decisões precipitadas e que podem nos levar ao fracasso. No Senhor nós somos mais que vencedores por Cristo Jesus, no nome de quem oramos, amém.

Pr Jason

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s