Sabe de Nada, Inocente!

Meditação do dia 29/05/2016

Jó 38.1,2 “Depois disto o SENHOR respondeu a Jó de um redemoinho, dizendo: Quem é este que escurece o conselho com palavras sem conhecimento?

Sabe de nada, inocente! – Depois de tantos discursos inflamados, arrogando grandes conhecimentos e sabedoria de alto nível, entra em cena o próprio Deus, autor, ator personagem principal, roteirista e diretor de cena desse docudrama/reality show. Ontem escrevi sobre a presença majestosa de Deus e imagina, eles lá na situação real, quando Eliú parou de falar, eles sentem um ventinho, que vira ventão e aparece um redemoinho; o que há de novidade num redemoinho? Nada? Esse era diferente, ele falava! Vamos ligar uma verdade à outra – “E, quando tira para fora as suas ovelhas, vai adiante delas, e as ovelhas o seguem, porque conhecem a sua voz. (Jo 10.4). “Quem é de Deus escuta as palavras de Deus” (Jo 8.47). Quando Jó ouviu aquela voz no redemoinho, ele não pensou que estava tendo alucinação por causa da febre, ou era o primeiro caso diagnosticado de esquizofrenia… ele sabia que aquela voz era familiar, verdadeira e majestosa, era a voz de Deus, do seu Deus aquém ele sempre orava; no seu íntimo ele já conhecia aquela voz! Todo filho de Deus, conhece essa voz, mesmo que fisicamente nunca a tenha ouvido. Nós procedemos de Deus, e somos atraídos por Ele, pela eternidade, pelo sobrenatural. Todos os registros bíblicos de revelações tais como esta, não deixam dúvidas de que a voz de Deus poderosa, consoladora e que impõe temor e respeito. Confira no Salmo 29, ou um exemplo bem peculiar: O profeta Daniel, no capítulo 10.5-19 descreve sua experiencia de uma manifestação de Deus, o efeito disso nele fisicamente, e o impacto da voz divina e de um simples toque divino nele. Não vou colocar um verso aqui, por que não esclareceria a riqueza da narrativa completa, mas aconselharia ler isso com muito temor e devoção, isso por si só, vai provocar impacto em sua vida. Voltando a experiencia de Jó com aquela revelação, Deus foi direto ao ponto: Quem é este que escurece o conselho com palavras sem conhecimento? Deus não estava ali para brincadeira, e arrepiou logo de cara: “Levante-se, amarra as calças como homem, eu vou perguntar e voce vai me fazer saber.” (v.3) Vai começar o maior vestibular oral do planeta, de todas as perguntas que Deus fez a Jó, a única que seria possível a um mortal responder, seria a primeira, que ele poderia levantar-se e dizer: “Sou eu, Senhor, Jó!” Deus vai demolindo as estruturas de Jó de tal forma, que até a gente lendo isso hoje, ficamos envergonhados e egoisticamente até dar um risinho amarelo dizendo baixinho: “ainda bem que não é comigo!” Mas é comigo sim, é com contigo sim, é conosco sim! Somos todos farinha do mesmo saco em termos de arrogância e espiritualidade de aparências, falando demais e sabendo de menos. Temos mais é que tirar o chapéu para Deus e nos curvar diante de sua presença majestosa. Somos mesmos pó e cinzas, ainda hoje, no século 21.

 

Obrigado Senhor, pelo privilégio de ouvir a tua voz no meu coração e ser confortado e instruído em tua sabedoria. Peço perdão pelos momentos de arrogância e insensatez que abate o meu coração por pensar acima daquilo que efetivamente sou. Mas sou grato pela tua graça que me permite andar como teu filho e assim glorificar o teu santo nome. Quero ser instruído por tua voz, dirigido pelo Espírito Santo. A glória e a honra, pertencem unicamente a ti, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

 

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s