Caminhos & Merecimentos

Meditação do dia 29/04/2017

Ez 7.27 – O rei lamentará, e o príncipe se vestirá de desolação, e as mãos do povo da terra se conturbarão; conforme o seu caminho lhes farei, e conforme os seus merecimentos os julgarei; e saberão que eu sou o Senhor.”

Caminhos & Merecimentos – Gosto de brincar com as palavras no bom sentido, quando os trocadilhos e ou verdades, ensinam grandes verdades com ar de brincadeira ou bom humor. Tipo: “Calça é algo que se bota e bota é algo que se calça!” Pode ser uma mera graça sem graça, mas faz alguém pensar ao menos por um instante. Hoje estou pensando na graça e na misericórdia divinas; quando por definição a graça nos concede algo que não merecemos, enquanto a misericórdia não no concede algo que merecemos. Na fé cristã, a salvação é pela graça, através da fé, se obras, conforme nos escreve Paulo, Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie (Ef 2.8,9). A misericórdia, não permite que recebamos o que realmente merecemos, nessa mesma fé, seria a morte, porque esse é o seu salário ou recompensa. Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor (Rm 6.23). Merecíamos a morte e não a ganhamos, não merecíamos a vida eterna e a alcançamos. A misericórdia não nos permitiu receber o merecimento que seria a morte e a graça nos concedeu a vida eterna, que de fato e de verdade não tínhamos como merecer ou receber. Que graça misericordiosa ou que misericórdia graciosa! Eequiel trouxe palavras de juízo e sentenças duríssimas para o povo e no verso que escolhi hoje, o Senhor citou essa questão, e não da maneira mais consoladora, mas de forma de juízo justo e verdadeiro. Estaria sendo reservado para aquele povo e naquelas circunstancias, indistintamente, a reis, príncipes, nobres e plebeus, o que os caminhos deles faziam jus, e vão receber o que merecem. Sinceramente, prefiro viver na graça e na misericórdia divina! Receber de Deus o que merecemos, até em termos de presentes e bênçãos, não é grande coisa não! Tudo, tudo mesmo que recebemos, é por obra e graça celeste. Eu nem tento imaginar como seria minha vida se tivesse recebido de Deus o que mereço, misericórdia, literalmente, misericórdia Senhor! E você? Acha que merece mais do que tem? Acha que merece melhor do que tem? Experimente a graça, a bondosa graça! O dia que você entender esse expressão com a qual eu encerro esse meditação, sua vida será revolucionada, de verdade! E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza(2 Co 12.9a).

Senhor, isso é suficiente, porque o Senhor diz que é suficiente. Foi para Paulo, deve ser para mim e para os teus filhos! Revela essa profundidade aos nossos corações e permita que vejamos a vida com os teus olhos e do teu ponto de vista. Em nome de Jesus, por obra e graça misericordiosa, enquanto é tempo. Amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s