Quando Chega a Hora de Partir

Meditação do dia 13/07/2018

 “E Abraão expirou, morrendo em boa velhice, velho e farto de dias; e foi congregado ao seu povo;”  (Gn 25.8)

 Quando chega a hora de partir – Cada cultura tem seu modo de vivenciar a fim de uma vida terrena. Em termos rasos, pensamos como fomos formatados pela nossa cultura, convivência e como vimos as pessoas reagirem na convivência com esse importante momento quando se encerra a vida terrena. Tendemos a pensar que o nosso modo é o certo, ou que pequenas variações nas concepções são permitidas. Algum tempo atrás aprendi uma verdade que me ajudou muito e até modificou o meu modo de ver algumas situações registradas na Bíblia. Alguém ensinando disse: “temos que admitir que a Bíblia foi escrita por orientais, para pessoas orientais, dentro de um contexto oriental.” Dentro do contexto desse ensino, ele não nega a universalidade da Palavra de Deus e sua revelação, apropriada e adequada para todos os povos de todas as línguas e culturas. Aceitamos a inspiração divina das Sagradas Escrituras e isso faz dela uma palavra fiel e infalível, que verdadeiramente “jamais passará.” Todos os rituais, as cerimônias e costumes que vemos nos personagens, eram registros fiéis do que era corrente entre eles ali no Oriente Médio. Aqui diz que Abraão foi congregado ao seu povo; existe uma forte ligação entre as pessoas e suas gerações de forma que eles tem uma percepção que cada um serve aqui em vida e ao findar o seu tempo, ele vai se reunir com seus ancestrais e descansar, etc. Davi, findando os seus dias disse a Salomão: “E aproximaram-se os dias da morte de Davi; e deu ele ordem a Salomão, seu filho, dizendo: Eu vou pelo caminho de toda a terra; esforça-te, pois, e sê homem” (1 Rs 2.1,2). Como essa expressão seria vista por um brasileiro nos dias atuais? Outro Registro interessante sobre Davi: “Porque, na verdade, tendo Davi no seu tempo servido conforme a vontade de Deus, dormiu, foi posto junto de seus pais e viu a corrupção” (St 13.36). Sou ocidental e minha cabeça só funciona como ocidental e aprender a ver a vida e seus fenômenos com os olhos e o entendimento de outra cultura, com outros valores, precisa de esforço e especialmente estar aberto ao novo e diferente. A convivência com cristãos de mentalidade oriental, como os amados da comunidade nipônica, me ensinou muito e pude aprender a apreciar e a respeitar outras formas de se ver a morte, por exemplo. Mas, dentro do nosso texto em apreciação, vemos um homem de Deus chegando para cruzar a linha de chegada e terminar uma jornada de forma digna, linda e tão edificante e inspirativa como foi a sua vida. Não só pelo fato dele estar idoso e já realizado na vida, mas pela forma como viveu e como se preparou para essa etapa. É de fato triste, ver pessoas idosas inseguras e até temerosas com o que lhes aguarda pela frente. Alguns até mesmo amedrontados e nem aceitam falar no assunto, por que não se consideram preparados e certamente isso mostra que realmente não estão, não se prepararam e o inevitável ronda suas portas e cada novo dia é uma possibilidade. O cristão precisa estar consciente do que sua fé lhe oferece e de como estar pronto para encontrar com o Criador. Servir a Deus e andar em intimidade com ele na vida, certamente faz muito bem, quando se está chegando no final da missão. Eu gosto muito de pensar na opção de Paulo: “Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho” (Fp 1.21). Isso é o reflexo de uma vida inteira consumida pela consagração e obediência ao Senhorio de Cristo.

 

Jesus, tu és a fonte da vida, tu és a vida e a distribui para todos os que creem em ti. Obrigado porque não o que temer, para quem foi temente e andou contigo o tempo todo. Abraão viu os seus dias porque andou lado a lado com o Possuidor dos Céus e da Terra, a quem ele carinhosamente chamava de “Altíssimo!” Obrigado pela vida e poder viver para ti, todos os dias. Amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s