Depois da Morte de Abraão

Meditação do dia 28/12/2018 

 E aconteceu depois da morte de Abraão, que Deus abençoou a Isaque seu filho; e habitava Isaque junto ao poço Beer-Laai-Rói.”  (Gn 25.11)

 Depois da Morte de Abraão – Como o futuro é sempre opaco para todos, tentar fazer previsões de como serão as coisas, é uma temeridade. Mas a vida tem o seu curso natural e a sabedoria nos orienta a ser pacientes e aguardar até que os caminhos comecem se revelar. É absolutamente normal numa família, ninguém conseguir pensar e antecipar como se definirão as coisas após a ausência dos patriarcas. A liderança, as tomadas de decisões, o fator de unidade que eles promovem, não é algo simples de ser substituído; os mais otimistas declaram que tudo irá se ajeitar e em breve tudo atinge o ponto de normalidade novamente. Os mais pessimistas já carregam nos termos “nunca mais, jamais, ninguém consegue…” e tornam a visão do futuro mais tenebrosa do que realmente precisa ser. Aqui teve entrar um cristão com um bom relacionamento com Deus e maturidade para trazer os dois lados para o centro e mostrar que apesar de tudo, Deus ainda está assentado no trono e tem o governo de todas as coisas e nada foge ao seu controle. Em meio as tempestades da vida, sempre me recordo da figura do êxodo; Deus não iria nos tirar do Egito, das garras de Faraó, nos conduzir em triunfo sobre o Mar Vermelho com tanto poder e graça, para simplesmente nos abandonar no meio do deserto e desistir de nós e romper com suas promessas. Então eu nunca alimento um pensamento ou idéia de abandono da parte de Deus, não admito permitir que minhas emoções me arrastem para um lamaçal de areia movediça. Fui salvo para ser vencedor e o amor de Deus me conduzirá em meio às lutas e provas, mas estas não estão ali para me destruir, mas ao contrário, para me fortalecer e me aproximar do Senhor. Veja bem que o texto sagrado é imediato e preciso, após a morte de Abraão a bênção do Senhor veio sobre Isaque. Simples assim! A vida nasce da morte; Abraão cumpriu o seu tempo, o seu ministério, foi recolhido ao descanso eterno e agora a vida continuaria com Isaque no comando e o favor de Deus já estava atuando. O choro e o luto não podem ser elementos destrutivos e depressivos. Eles existem, são reais, devem ser respeitados e vivenciados; mas cumprem o seu papel e bola prá frente, a vida segue o seu curso. Agora era a vez de Isaque. Por favor, quem estiver lendo essas meditações, não me levem a mal, e nem tampouco me considerem desrespeitoso com o luto e a dor de quem perdeu entes queridos de grande expressão e verdadeiros líderes. Líderes se sucedem! Deus vai levantar outro, ou compartilhar a liderança entre mais de uma pessoa; mas a vida de vocês continuam e tanto aquela pessoa que se foi, quanto o próprio Deus, esperam que vocês e nós, assumamos o nosso papel e tomemos as rédeas e façamos o que precisa ser feita. Ainda que somos como eles, não temos os mesmos dons e habilidades, mas temos a bênção do Senhor e o ministério continua até chegar a nossa vez ou Jesus voltar. O que de fato importa é que sejamos fiéis.

 

Pai, obrigado por definir o papel de cada um dos teus filhos nas sucessões que se fazem necessárias. Obrigado pela liderança firme e forte de nossos pais e avós, mas também somos amados por ti e podemos aceitar os desafios como fatores de crescimento e não de aniquilação. Pedimos sabedoria e graça para a luta de cada dia e a capacidade de discernir os próximos passos. Em nome de Jesus, amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s