Rebeca

Meditação do dia 27/02/2019 

 Seja, pois, que a donzela, a quem eu disser: Abaixa agora o teu cântaro para que eu beba; e ela disser: Bebe, e também darei de beber aos teus camelos; esta seja a quem designaste ao teu servo Isaque, e que eu conheça nisso que usaste de benevolência com meu senhor.”  (Gn 35.27)

 Rebeca – Esperei por um bom tempo para escrever uma meditação sobre essa pessoa maravilhosa. A história dela é misteriosa, mas bonita e vale a pena encontrar pessoas assim, que nos inspirem e acrescentem algo novo e bom. Quem não gosta de uma boa história de amor e especialmente com final feliz? Todos nós gostamos, afinal nos clássicos mundiais de literatura e dramaturgia, poesia e músicas, o que não faltam são musas inspiradoras e suas histórias que ultrapassam fronteiras e épocas. Romeo e Julieta, Lara do Doutor Zhivago e tantas outras. Aquilo que não podemos ver com nossos olhos, ou saber por informações mais claras, acaba por despertar em nós, uma enorme curiosidade e daí surge até mitos e lendas, que vão crescendo a cada vez que se conta a história. Quando olhamos a história de Rebeca, a conhecemos na beira de um poço na entrada da sua cidade natal. Até aí, ela existia, sonhava e tinha planos, mas não estavam disponíveis para nós. Como entendemos que Deus trabalha de tempo integral na vida dos seus filhos e alinha os eventos para que aconteça exatamente dentro das possibilidades de continuidade. Gosto muito de uma chave de sabedoria, que li em um livro, que afirma o seguinte: “Você precisa estar no lugar que a pessoa que Deus vai usar para te abençoar te veja.” Não se trata apenas de uma frase bonita, bem colocada ou de uma filosofia interessante; mas de um princípio de interação com os desígnios de Deus. Assim como somos instrumentos para abençoar e afetar pessoas, também somos abençoados e afetados por outros, que foram colocados ali para justamente fazer aquilo de que precisamos para catalisar o potencial para a realização da nossa missão de vida. Rebeca tinha sua própria agenda diária de serviços e obrigações em casa, e também seus compromissos sociais; mas naquele dia, Deus havia reservado um espaço extra na agenda dela para um encontro inesperado que mudaria a sua vida inteira e de milhares de pessoas por gerações e gerações. Sendo de boa família, com bons recursos disponíveis como empregados e servos, ela certamente não precisa fazer certas tarefas, que poderiam muito bem ser delegadas para subalternos. Também no seu íntimo ela tinha sonhos de constituir família, ter filhos e vê-los crescer. Mas por alguma razão, ela ainda não estava comprometida com algum moço, o que não era tão natural para aquela época e especialmente para uma donzela de qualidade e de boa procedência familiar. Digamos se ela vivesse sonhando acordada, com a hora em que encontraria seu príncipe encantado, que lhe arrancaria suspiros e deixasse sua respiração ofegante, suas pernas trêmulas e fizesse o rosto corar de timidez ou recato social imposto pelos padrões de comportamento esperado de uma donzela. Quem diria que em vez de um rapaz bonitão e ousado, estava lhe reservado encontrar com um viajante cansado, escravo, mordomo, que lhe pedisse ajuda, para fazer serviço de serva e muito serviço, afinal mitigar a sede de uma cafta cansada do caminho, não seria pouco serviço. O cartão de visita de Eliézer não agradaria a maioria das moças sonhadoras, pode acreditar.

 

Senhor, obrigado por permitir que muitas ações transformadoras e maravilhosas para nossas vidas venham disfarçadas em embalagens pouco atraentes. O Senhor valoriza muito o valor do conteúdo acima da aparência e dos rótulos, por isso a simplicidade sempre aparece nas grandes realizações da obra do Pai em nossas vidas. Obrigado por aprendermos com a vida de Rebeca, sobre simplicidade, serviço e amor ao próximo. Em nome de Jesus, amém.

 

P Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s