Montanha de Gileade

Meditação do dia: 29/08/2019

  Alcançou, pois, Labão a Jacó, e armara Jacó a sua tenda naquela montanha; armou também Labão com os seus irmãos a sua, na montanha de Gileade. (Gn 31.25)

 Montanha de Gileade – Nomear lugares, acidentes geográficos ou regiões, tem quase sempre a origem em um episódio com alguém importante, ou um acontecido ali origina o nome. Quando lemos a nossa Bíblia, encontramos muitas origens desses nomes, que em grande parte permanece até hoje. Quando meditamos sobre a vida de Abraão, testemunhamos ele nomeando um local – E chamou Abraão o nome daquele lugar: o Senhor proverá; donde se diz até ao dia de hoje: No monte do Senhor se proverá (Gn 22.14). O nosso Jeová-Jirê. Isaque também passou por experiências que o levou a nomear lugares, “Cavaram, pois, os servos de Isaque naquele vale, e acharam ali um poço de águas vivas. E os pastores de Gerar porfiaram com os pastores de Isaque, dizendo: Esta água é nossa. Por isso chamou aquele poço Eseque, porque contenderam com ele. Então cavaram outro poço, e também porfiaram sobre ele; por isso chamou-o Sitna. E partiu dali, e cavou outro poço, e não porfiaram sobre ele; por isso chamou-o Reobote, e disse: Porque agora nos alargou o Senhor, e crescemos nesta terra” (Gn 26.19-22). Jacó começou a sua jornada de experiência fé e isso o levou a nomear também aquele local do seu encontro com Deus – E chamou o nome daquele lugar Betel; o nome porém daquela cidade antes era Luz (Gn 28.19). o que acontece na verdade é o ato de nomear algo, significa que estamos marcando um espaço, um território, no sentido de celebrar algo de importante, que queremos que seja lembrado. São chamados também de “memoriais” e estão relacionados com a vida da pessoa ou comunidade. Pode ser que antes dessa experiência, aquilo tenha um outro nome, ou para outras pessoas ou povos tenha um significado diferente. Aqui, Labão estava em busca de alcançar a Jacó, que se dirigia para sua terra natal, e como suas jornadas eram marcadas pelo compasso do andar do gado e das crianças, acontecia paradas obrigatórias em lugares que ofereciam melhores condições de acampamento, com segurança e recursos para os viajantes. Numa dessas paradas, num território, que hoje ficaria situado na Jordania, ao lado dessa montanha, veio acontecer o encontro do perseguidor e do perseguido. Labão já estava advertido por Deus para não incomodar a Jacó, mas já que ele estava ali, então resolveu transformar o confronto numa visita social de despedida da família. A Montanha de Gileade ficou então com o significado de “Lugar de Testemunha” por ter presenciado esse encontro entre as duas partes. Gileade era também o nome daquelas terras ou região; adiantando o tempo uns quinze a dezessete anos, temos o relato bíblico da venda de José, por seus irmãos – Um relato conhecido no livro bíblico de Gênesis conta que José foi vendido por seus irmãos a uns comerciantes ismaelitas a caminho do Egito. A caravana vinha de Gileade, e os camelos transportavam bálsamo e outros itens para o Egito. (Gn 37:25) Esse breve relato indica que no Oriente Médio antigo o bálsamo de Gileade era muito valorizado por suas propriedades curativas especiais. No entanto, no sexto século A.C. o profeta Jeremias perguntou com tristeza: “Não há nenhum bálsamo em Gileade?” (Jr 8:22) O que levou Jeremias a fazer essa pergunta? Veremos isso em outra oportunidade. Mas Gileade ficou sendo importante na vida de Jacó e sua família, consequentemente para Israel e por que não, para a Redenção que abençoa a você e a mim ainda hoje.

Pai amado, lembramos com gratidão o teu cuidado e a proteção dada aos teus filhos que espiritualmente estão em peregrinação rumo à tuas promessas. Aqui não é o nosso lugar definitivo de descanso, pois tens conquistas maiores e mais importantes para todos nós. o Senhor continua sendo o nosso lugar de descanso e segurança. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s