Querer a Bênção

Meditação do dia: 05/10/2019

  “E disse: Deixa-me ir, porque já a alva subiu. Porém ele disse: Não te deixarei ir, se não me abençoares. (Gn 32.26)

 Querer a Bênção – Dede criança eu conheço uma anedota, uma dessas histórias populares contadas para ilustrar uma verdade importante. Essa fala de um homem muito preguiçoso, até chegar o extremo de desistir de viver de tanta preguiça. Pediu que uns amigos o levassem para ser enterrado vivo. Durante o trajeto, alguém o abordou tentando dissuadi-lo, prometendo-lhe um saco de arroz; ele então perguntou se o arroz já estava cozido e ao saber que não, disse: “Segue com o enterro!” Claro, se não fosse trágico, seria cômico! Faço uso dessa história para dizer sobre a preço ou o trabalho que é necessário para ser apossar de determinadas bênçãos. No mercado financeiro  é conhecido o chamado risco/retorno – quanto maior o retorno, maior o risco; quanto menor o risco, menor o retorno. Gosto do principio espiritual ensinado por Davi, naquele episódio de uma mortandade como exercício do juízo divino sobre a nação por pecados do rei e do povo. Ao receber a mensagem para oferecer um holocausto em determinado local, a praga cessaria, Davi recebeu uma proposta de ajuda, que ele prontamente rejeitou e explicou o por que: Porém o rei disse a Araúna: Não, mas por preço justo to comprarei, porque não oferecerei ao Senhor meu Deus holocaustos que não me custem nada. Assim Davi comprou a eira e os bois por cinqüenta siclos de prata (2 Sm 24.24). Qualquer coisa que não tem preço, não vale nada. Davi não aceitava oferecer a Deus uma oferta que não lhe custasse algum valor. Isso é bem o contrário do vemos em voga nos dias atuais, onde todos vivem a caça de promoções e descontos. Quanto mais barato, melhor! Quando menos custo, melhor! Se não tiver esforço nenhum, melhor ainda! Então criou-se uma cultura de resultados sem valor. Nos tempos do início da Renovação Espiritual no Brasil, os pioneiros como o pastor Eneas Tognini pregavam: “Muita oração, muito poder; pouca oração, pouco poder; nenhuma oração, nenhum poder!” A bênção de salvação de almas aos milhares, igrejas renovadas no poder de Deus, curas e milagres estavam dentro de um custo de muita oração, santidade, arrependimento, quebrantamento e joelhos calejados de tempo de oração. Qual o tempo médio de oração praticado na geração atual? Quantas vigílias hoje passam a noite em oração três períodos ajoelhados? Jesus passou uma noite em oração antes de escolher os doze apóstolos. As igrejas atuais escolhem seus obreiros numa churrascaria, durante um rodízio; Depois perguntamos, por que não acontece mais aqueles sinais… Jacó estava cansado, uma noite sem dormir, sozinho, lutou uma madrugada inteira, teve uma coxa deslocada por um golpe e ainda assim, se atracou ao hoje e não o soltou e disse que não soltaria, a menos que o abençoasse. A razão disso é estar convicto do valor da bênção! Por que lutar por algo que não vale tanto, senão por insensatez? O que Jacó estava disposto a dar tudo de si para conseguir, tinha valor eterno, ia muito além daquela noite, daquela viagem, da sua própria vida e da vida de sua família e bens de propriedade. Jacó sabia que ele abençoaria todas as famílias da terra, por todas as gerações por toda a eternidade. Quanto vale isso? O que você e eu fazemos em nossas vidas e ministérios, que valor tem? Que alcance tem? Contribui com o Reino de Deus de que forma? Estou dizendo: nossas lutas tem algum propósito realmente valioso? Se não há uma causa pela qual valha a pena morrer, então a vida não vale a pena ser vivida!

Senhor Deus e Pai, graças te rendemos por sua bondade demonstrada em Cristo Jesus para com todos nós. Sabemos que as lutas e as provas tem propósitos bons e grandes, para nos aperfeiçoar para uma melhor qualidade de vida e serviço. Jesus pagou um peço alto e precioso para nos ter na família e contar conosco na propagação do Evangelho. Queremos muito louvar e honrar ao Senhor, com tudo o que somos e tudo o que temos. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s