Quem Fala Com o Faraó?

Meditação do dia: 31/05/2022

“Estes são os que falaram a Faraó, rei do Egito, para que tirasse do Egito os filhos de Israel; estes são Moisés e Arão.” (Ex 6.27)

Quem Fala Com o Faraó? – Os ratos se reuniram sob forte pressão porque o novo gato da casa estava sendo impiedoso com eles, matando, comendo e impondo o terror. O que faremos? Alguém sugeriu que colocassem um guizo no pescoço do gato enquanto ele dormia, assim eles saberiam a sua localização e poderiam se precaver de novos ataques. Todos aplaudiram a idéia brilhante; quanto então surgiu a pergunta: “Quem vai colocar o guizo no pescoço do gato?” Uma idéia teórica brilhante pode não ser viável porque coloca-la em prática pode ser mais difícil do que se imagina. Partindo dessa fábula, podemos aplica-la a muitas situações da vida em que os grandes desafios aparecem e surgem também as grandes “sacadas” de como contornar ou resolver a questão. O difícil mesmo é quem fará o serviço pesado. Todos os hebreus queriam a libertação e todos ficaram felizes e eufóricos com a notícia de que Moisés aparecera e se dizia o libertador do seu povo. Quando viram os sinais que ele tinha autorização divina para exercer diante do Faraó, ninguém teve dúvidas de que o tempo deles havia realmente chegado. Nem mesmo o aviso que o Senhor dera a Moisés que Faraó seria duro de coração e exigiria um mover poderoso de Deus para convencê-lo, nem isso fora suficiente para deixa-los com os pés no chão. Até Moisés e Arão imaginaram que seria difícil, mas não tão difícil como de fato se tornou. Alguma semelhança com a prática da vida com Deus que temos experimentado? Como cristãos, quando lidamos com questões de autoridade, reconhecemos o Senhor nosso Deus como a maior autoridade e também a necessidade de acolher seus ensinos, mandamentos e recomendações para termos uma vida bem sucedida em tudo que fizermos. Quando se trata de autoridade humana, as reconhecemos e estamos comprometidos em obediência e cooperação plena até onde ela não tentar sobrepor às ordens de nossa fé. Mas uma coisa muito importante precisa ser colocado aqui: a desobediência civil da parte de um cristão à uma autoridade legitimamente instituída, pode e deve acontecer quando suas ordens confrontar diretamente a Palavra e a autoridade de Deus, mas teremos que assumir a responsabilidade pela decisão de desobediência. “Sujeitai-vos, pois, a toda a ordenação humana por amor do Senhor; quer ao rei, como superior; quer aos governadores, como por ele enviados para castigo dos malfeitores, e para louvor dos que fazem o bem” (1 Pe 2.13,14). Se o ato é passível de multa, prisão ou reparação, o cristão para não violar sua consciência de fé, desobedece, mas arca com as consequências prescritas e paga a multa, vai preso ou faz os reparos que a lei prescreve. É assim, que os cristãos perseguidos no mundo todo fazem. Se não podem pregar o Evangelho, e isso contraria a nossa fé, eles pregam e arcam com as consequências disso, são presos, torturados, mortos ou isolados, tem os bens confiscados. Fazer coisas erradas e ser alcançados pela justiça e tentar se passar por vítima e perseguido, isso não tem nada a ver com a nossa fé. Quem vai falar com o Faraó, tem que estar pronto para enfrenta-lo.

Obrigado Senhor por nos chamar para uma vida de fé e desafios grandes. Compreendemos a necessidade de andar na luz e fazer o que é certo e bom, podendo assim contar com a tua graça e favor para nos tirar ou nos dar forças para suportar as adversidades. Oramos nesse dia pelos irmãos em Cristo que enfrentam perseguições e sofrimentos pela tua causa. Como membros do mesmo Corpo nos identificamos com eles e oramos abençoando suas vidas e fortalecendo suas mãos para que perseverem firmes até o fim, porque a vitória lhes pertence. Oramos em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s