Quando Entendemos o que é Palavra de Deus

Meditação do dia 28/03/2017

Jr 32.8 Veio, pois, a mim Hanameel, filho de meu tio, segundo a palavra do Senhor, ao pátio da guarda, e me disse: Compra agora a minha herdade que está em Anatote, na terra de Benjamim; porque teu é o direito de herança, e tens o resgate; compra-a para ti. Então entendi que isto era a palavra do Senhor.

 Quando entendemos que é Palavra de Deus – Estamos às portas da volta de Cristo, do arrebatamento da igreja. Os sinais não deixam nenhuma dúvida quando ao cumprimento das profecias bíblicas. É questão de detalhes! Coisas que demoravam muito tempo para acontecer ou mudar, hoje é questão de dias ou horas e presenciamos tudo em tempo real. Como conciliar a vida de vigilância e piedade, com espiritualidade sadia, madura, produtiva e cuidar das coisas e interesses materiais sem se perder? Sabemos por experiência que somos tendentes a extremos, ou de um lado ou de outro; é oito ou oitenta. Uns cristãos se tornam tão obcecados pela proximidade do arrebatamento, que deixam de cuidar de suas vidas e passam a incomodar e ser peso para familiares e sociedade e alimentam um fanatismo exagerado que chegam a se tornarem enjoados e repulsivos. Outros ficam tão alienados e distantes, que nem sequer alimentar a fé de que isso venha a acontecer, dão até interpretações alegóricas e explicações racionais para tudo na palavra de Deus, chegando a serem céticos, as vezes até pior que um não convertido. Tanto um extremo quanto o outro estão fora do centro. Jeremias passou por isso e só depois caiu a ficha. Parte do povo já estava no cativeiro, como ele profetizara por palavra do Senhor; agora a cidade estava cercada e a queda definitiva da cidade, do rei já estava previsto por ele, também por Palavra do Senhor. Ele estava cercado, confinado junto com todos na cidade e sabia que a restauração da nação e à volta do cativeiro demoraria setenta anos; ele já era adulto e provavelmente não viveria para ver isso. Vendo tudo isso acontecer, teve uma nova revelação, que seu primo viria lhe vender um sítio na sua cidade natal e era para ele comprar e escriturar, para servir de exemplo e garantia de tudo voltaria ao normal e seriam felizes e abençoados… daqui a sei lá… setenta anos! Quem viver, verá! Ele obedeceu, comprou, pagou, documentou e entregou a mensagem explicativa e foi orar por compreensão. Para ele não fazia sentido. Mas graças a Deus que sabe tudo, pode tudo e cuida de tudo e deu-lhe entendimento. Olha, queridos, os planos e propósitos de Deus, são maiores e mais eternos do que entendemos e medimos. Gostamos de pensar que tudo que fazemos, tem que servir a um propósito que me envolva, que me dê algum retorno e que faça sentido para mim, ainda em vida física. Deus não pensa assim e nem age por esses caminhos. Ele vê muito mais longe e com maiores objetivos. Então, fazer a vontade de Deus é algo que fazemos e muitas dessas coisas serão colhidas e frutíferas, quando já não estaremos aqui, mas fizemos as bases e etapas que darão sustentação para a próxima geração realizar mais um etapa. Estou chegando nos 58 anos de idade, o Pais está numa draga violenta, o futuro dos velhos, idosos e futuros dependentes da previdência não é nada agradável e promissor; os empregos e prosperidade dos próximos anos não permite ninguém sonhar em “viver na dependência dos filhos e netos” que hoje estão ficando na sombra dos pais e avós que foram mais prósperos que seus pais e esse sucesso não se repetirá facilmente, e muitos prevendo isso, estão investindo pesado nos filhos para que eles prevaleçam. Jesus está às portas, mas não deixe de trabalhar, sonhar, investir e fazer diferença e ser produtivo e também não tenha a mesquinhez “espiritual” de alegar que não querer deixar nada para a besta e o anticristo. Mesmo depois da besta, do besta, do anticristo, o nosso Cristo ainda reinará e restaurará todas as coisas e governará com justiça, e isso é a nossa grande esperança. Fazemos e façamos melhor, porque o fazemos para o nosso Deus e os seus planos são eternos e nossa recompensa também o será, se investirmos em realidades que são também eternas. Entenda a Palavra do Senhor! Minha oração, serão as palavras ditas por Paulo em I Co 7.30,31 e Fp 3.20,21.

E os que choram, como se não chorassem; e os que folgam, como se não folgassem; e os que compram, como se não possuíssem; E os que usam deste mundo, como se dele não abusassem, porque a aparência deste mundo passa.- Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, Que transformará o nosso corpo abatido, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s