O Corpo de João Batista

Meditação do dia 18/09/2017

Mt 14.12 – E chegaram os seus discípulos, e levaram o corpo, e o sepultaram; e foram anunciá-lo a Jesus.

  O corpo de João Batista – Sepultamentos, velórios e atos fúnebres, é fortemente determinado pelos hábitos culturais dos povos. Assim, cada povo e sua cultura, desenvolve hábitos e rituais, que tem à ver com suas crenças espirituais, sociais e até mesmo com misticismo fruto de miscigenação, ou o famoso caldeirão cultural. No interior do Brasil existia, (provavelmente as novas leis exterminaram), costumes de ao se levar o defunto para sepultar, acreditava-se que caso a pessoa fora má ou partira sem resolver certas coisas, fazia o caixão ficar muito pesado, então eles o levavam até certo árvore e quebravam galhos e davam uma surra no caixão, então seguia o corteja, agora mais leve. Em alguns países sul americanos, costumam passear com o defunto em lugares que ele gostava de frequentar. No México tem rituais e dia em que todos vão para o cemitério e fazem verdadeiros banquetes, fazem desfiles cavernosos em homenagem sei lá, se à morte, se aos mortos ou a ambos. Algumas culturas cremam os corpos, outros sepultam na terra, outros em jazigos de pedra outros o fazem de forma que ali seja uma morada eterna….etc. Nós, brasileiros, com o maior caldeirão de cultura e religiões de base, temos de tudo um pouco e um pouco de tudo. Mas o básico é sepultar em terra. A medicina moderna e seus avanços trouxe discussões éticas e morais que aliada á crenças religiosas ou filosóficas, provoca discussões sérias. Alguns acreditam que a promessa cristã de ressurreição e um novo corpo, é afetada pelos transplantes de órgãos, afinal, alguém ficou sem o seu órgão e alguém ficou com dois…, o mesmo se dá com a transfusão de sangue. Outros, por exemplo, tem dificuldade de lidar com corpos irrecuperáveis em situação de sinistros, como acidentes em massa, fragmentação em explosões, ou casos como de astronautas que se perderam em acidentes fora de nossa órbita. O nosso texto diz que os discípulos de João, sepultaram o seu corpo, mas particularmente não acredito que conseguiram recuperar a cabeça do profeta. Dificilmente Herodias, devolveria, desfazendo assim sua macabra vingança pessoa. Mas também não acredito que veremos na eternidade, João com sua cabeça decepada, andando lá com ela debaixo do braço. Nem acredito que isso ou essas hipóteses todos sejam de algum modo um problema que Deus não possa facilmente resolver. Sem nuances teológicas ou de outras ciências, acredito que “Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados” (I Co 15.42). Simples assim. Isso me basta, me consola, me conforta e deixa em paz, para agora e para a eternidade.

Senhor, tu és a ressurreição e a vida, e isso é tudo o que importa. Por mais que firmemos teorias, mais angústias conseguimos produzir ao coração. Só tu tens a paz que precisamos agora e no porvir. Não há nada que não esteja sob os teus cuidados. Então posso descansar, e descanso, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s