Foi a Mulher

Meditação do dia 28/10/2017

Gn 3.12 – Então disse Adão: A mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi.

 Foi a Mulher – Também e novamente quero reiterar aqui, que não estou desejando meter a boca em Adão e Eva! Estou olhando os fatos e querendo aprender com eles e com a experiência deles. Aprendemos muitos com os nossos erros e todos sabemos que mesmo depois de errar, corrigir e aprender a lição, não estamos isentos de errar novamente, quer no mesmo erro, quer em outro parecido. Mas as experiências somam um conjunto de auxílios que nos aprimoram e assim conseguimos prosseguir. O pior erra da vida é aquele do qual não aprendemos nada com ele. Tem está seguindo a série dessas meditações, pode perceber quase que uma linha de pensamento sequencial, da vida e experiências do casal do paraiso, até a civilização consolidada no futuro deles. Mais do que uma possível crítica, estou na tentativa de acompanhar o pensamento deles, uma vez que tudo era novo para eles, tudo era a primeira vez que acontecia, as consequências também eram a primeira experiência com o negativo, com a solidão, com a culpa, companheirismo e tudo mais. Quando passou o estresse inicial da tentativa de esconder-se do Criador e ajeitar o pecado e a desobediência por conta própria e a frustração de não dar certo; agora que Deus apareceu de fato e de verdade no jardim, como em dias anteriores e procurou por eles, e isso era novidade, que não havia acontecido nada anteriormente. Esse foi o primeiro encontro do primeiro homem pecador e em pecado, com o criador e Senhor, santo, amoroso e perdoador, pronto a ajudar, mas do lado de cá o clima era de muita desconfiança e insegurança. O Senhor foi direto ao assunto: “Que historia é essa de estar, com medo, estar nu, quem te mostrou isso, cara?” Pela primeira vez na história, alguém apontou o dedão para outro ser humano e disse: “Ela… A mulher que me deste por companheira…” Alguns veem aqui, uma deduração adâmica e também uma acusação a Deus… “a mulher que o Senhor me deu…” Isto é, se não tivesse me dado, ela não teria pegado do fruto, ela não teria me dado, eu não teria comido, eu não teria pecado; a culpa é toda dela e como fez ela foi o Senhor…. eu era solteiro, feliz… Alguma semelhança que não é mera coincidência com a história que vemos todos os dias? Deixe me compartilhar algo muito sério, profundo e espiritual. Eu, você, nós, vós e eles precisamos amadurecer e assumir a responsabilidade por nossos atos, motivações e intenções. Acusação é uma linguagem do reino de Satanás. A linguagem do reino de Deus é amor. Sempre que pintar ainda que dissimuladamente um pouquinho só de acusação no tom da voz, uma insinuaçãozinha de que não fui eu sozinho que fiz, que mais alguém está no meio e se não fosse por essa outra pessoa, causa, situação, circunstancia, necessidade, carência, descuido, equívoco…. eu não teria… Isso é linguagem de acusação. Nos casos clássicos, se apresenta de uma forma natural e usual, mas a pessoa amadurecida e cheia do Espírito Santo, que está crescendo e assumindo a responsabilidade, ela muda o pronome e faz a coisa certa. Deixe-me exemplificar: “Você me irrita!” (Eu fico irritado). “Voce me fez cair em tentação!” (Eu caí/me pus em condição de ser tentado). “Isso me deixa louco!” (Eu perco o controle nessa situação). Poderia nomear aqui, um sem fim de situações que deparamos no dia a dia que denuncia o uso da linguagem de acusação, ao invés da linguagem do amor e da responsabilidade pessoal. Vamos crescer, juntos!

Senhor, obrigado pela tua longanimidade e paciência para comigo. Mesmo depois de salvo e lavado o sangue de Jesus, ainda preciso muito da ajuda do Espírito Santo para me convencer e me converter dos caminhos humanos para os caminhos divinos. Mas sou agradecido porque o Senhor é a minha força em todo o tempo. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s