Abraão Foi Eleito

Meditação do dia 26/07/2018

Tu és o Senhor, o Deus, que elegeste a Abrão, e o tiraste de Ur dos caldeus, e lhe puseste por nome Abraão.”  (Ne 9.7)

 Abraão foi Eleito – Já adianto que não vou entrar em méritos doutrinários Aminianos e Calvinistas, sobre eleição, predestinação, salvo sempre salvo etc e tal. Isso vocês devem aprender com seus líderes e dentro do contexto de suas igrejas e denominações. O que me interessa e nos é comum é a salvação em Cristo através do seu sacrifício perfeito na Cruz do Calvário e nossa aceitação e apropriação pela fé. Assim, somos todos irmãos na fé e na graça da vida e colegas e parceiros na caminhada pela jornada rumo à eternidade. Então vamos apoiando e edificando uns aos outros, no dia a dia, exortando uns aos outros a permanecermos firmes e fortes e comprometidos com as verdades do reino. Vamos imaginar que todas essas matizes doutrinarias sejam como uma casa e todos estamos nela, apenas em recintos diferentes. Tal qual nosso querido patriarca, fomos também alcançados por Deus e eleitos para a salvação e chamados para andar com ele. Reconhecemos que o Pai Celeste estava ao nosso encalço a bem mais tempo do que imaginamos. Quando nos sentimos atraídos para ele ou para as verdades espirituais, ainda levou algum espaço de tempo até a decisão de entrega de nossas vidas a ele. Mas, depois, com a maturidade cristã e observando como Deus trabalha através do espírito Santo nos corações, chegamos a essa conclusão; Deus já estava agindo e chamando à nossa atenção bem antes de percebermos pela primeira vez. Estudando a vida de Abraão, percebemos isso, pois ele foi chamado lá em Ur dos Caldeus e começou a seguiu as instruções divinas, até finalmente entrarem em alianças e confirmarem a parceria: “Sou o seu Deus e você o meu povo.” A justiça de Abraão foi imputada pela fé ao dar passos de fé e obediência. Isso não é diferente de mim e de você. A graça do Senhor nos alcançou e respondemos a isso com fé e confirmamos com uma decisão final e definitiva de que queríamos andar com Deus e reconhecer-nos como pecadores e a ele como o Deus santo e salvador. Nas palavra de Paulo, o imenso amor de Deus, nos constrangeu a mudarmos de vida em resposta ao que ele fez em Cristo por nós. Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram. E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou (2 Co 5.14,15). Deus na sua sabedoria que não conhece limites de tempo e condições, nos elege em Cristo para um estilo de vida diferente e produtivo. Eleitos segundo a presciência de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e aspersão do sangue de Jesus Cristo: Graça e paz vos sejam multiplicadas” (I Pe 1.2). A soberania de Deus é tremenda!

 

Pai, obrigado por nos eleger, mesmo sem merecimento nosso, mas por obra e graça da tua generosidade. Em Cristo somos aceitos e amados. Amém!

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s