Sarai e o Ministério do Marido

Meditação do dia 04/08/2018

 E será que, quando os egípcios te virem, dirão: Esta é sua mulher. E matar-me-ão a mim, e a ti te guardarão em vida. Dize, peço-te, que és minha irmã, para que me vá bem por tua causa, e que viva a minha alma por amor de ti.”  (Gn 12.12,13)

 Sarai e o ministério do marido – Essa meditação bem que poderia ter sido escrita sobre a pessoa de Abraão, pois se trata de uma fala e de uma proposta dele, numa situação onde aparentemente ele é o protagonista. Mas também entendo ser de muita valia pensar no ministério auxiliar das esposas, mães, irmãs e das inúmeras mulheres valentes que estão no campo de trabalho da seara do Senhor, algumas em campos missionários pioneiros, ou tão rústicos e arriscados, que muitos varões não se atrevem. Sabemos que grande parte da obra missionária no mundo todo e em todos os tempos, sempre teve um forte impacto e relevância por causa da presença das mulheres. Temos que tirar o chapéu para elas e fazer reverencia a coragem, destemor e entrega sem reservas nas mãos de Deus. Até entre outros grupos de fé, elas se destacam. Então aqui vai a minha meditação e homenagem todas vocês, na bênção e no temor do Senhor. Digamos que Abrão e Sarai estariam inaugurando o passaporte deles agora como missionários do Deus Altíssimo. Eles receberam o chamado, foram confirmados, tiveram as primeiras lições preparativas e estavam agora tendo a primeira experiência no campo missionário no exterior; deixaram a palestina, a sua terra, que adotaram como suas por promessa e estavam indo para uma temporada de serviço e testemunho no Egito. Na Bíblia, sempre o Egito foi uma figura do que é o “mundo sem Deus” – da vida sem Cristo, regida pelo pecado (Faraó), e onde os prazeres e escravidão num ilusório mundo desenvolvido e socialmente conveniente. Lá tem beleza, poder, riqueza, oportunidade, atrativos e toda sorte de sedução para satisfazer todas as ambições desmedidas e onde tudo é permitido. Para um cristão após a salvação e as experiências de comunhão e adoração verdadeiras ter que voltar agora como representante de Deus e de sua fé, é sempre um choque e pode ser até assustador. Agora ver que aquilo que o atraía era na verdade forças malignas, espirituais e opressoras. Abrão sentiu o impacto já na chegada e no seu íntimo instalou-se uma insegurança e até temeu pela sua integridade física. Quando o medo ou uma forte pressão emocional se abate sobre alguém, ela procura refúgio em recursos racionais e humanos que lhe são razoáveis e permite uma lógica naquela situação. Adão culpou Eva, que culpou a serpente, que já tinha caído fora. Aqui Abrão refugiou-se emocionalmente em Sarai, que serviria para atenuar u possível atentado contra o casal de forasteiros, mas especialmente ele. Ela sendo bonita e graciosa, poderia servir de moeda de troca e assim salvariam a pele de ambos e depois a gente vê como ficam as coisas. Amados, não estou culpando Abrão e nem transferindo responsabilidade sobre ele; lembrem pressão sobre Pedro na noite da prisão de Jesus, quando ele tinha jurado ser fiel ainda que custasse sua vida? Mais do nunca precisamos nos ater a grande verdade espiritual: Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar (1 Co 10.13). também Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.(Ef 6.11,12) e acrescento ainda Porque, andando na carne, não militamos segundo a carne. Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas sim poderosas em Deus para destruição das fortalezas (2 Co 10.3,4). O elo que estou fazendo aqui, entre o acontecido lá com Abrão e Sara no Egito e acontecimentos contemporâneos, é batalhas espirituais não podem ser vencidas com argumentos, estratégias e armações da inteligência humana. Arranjos trazem conforto e soluções paliativas para situações complexas e de peso espiritual de resultados eternos. As armas, devem ser espirituais, bem preparadas e poderosas em Deus e utilizadas com sabedoria espiritual, discernimento e poder do Espírito Santo. Muitos ministérios pastorais são bem sucedidos e o ungidão é bem visto e elogiado, mas na verdade, quem resolve as paradas internas, emocionais e são as esposas em casa, quando os chamam na responsabilidade, os aconselham e os trazem a sensatez e até os obrigam a se acalmar e só depois tomarem decisões para o bem do rebanho e da obra de Deus. É comum estarmos sem saber o que fazer, sem norte e as irmãos no silencio das orações e intercessões nos direcionarem e nos ajudarem a não sermos destruídos por inimigos e armadilhas. Os homens não muito práticos, técnicos e objetivos, mas as mulheres são equilíbrio e direção, as auxiliadoras idôneas, que no fundo salvam a nossa pele. É isso que veja aqui em Sarai, pagando um preço por amor ao marido e à missão de servir a Deus ali naquela situação. Deus abençoe vocês, de coração!

 

Senhor Deus e Pai, obrigado pelo ministério auxiliar dessas esposas e mulheres levantadas por ti, como guerreiras destemidas, cheias de fé e coragem para desafiar reis e gigantes pela causa que elas amam, mesmo sendo o chamado dos maridos, filhos ou colegas de ministério. Sarai representa todas elas e fica a lição de quão preciosa e a ajuda e a parceria de alguém sensata e pode ver as coisas do ponto de vista diferente, mas viável e abençoador. Obrigado pelo ministério das mulheres em nossas igrejas, missões e liderança em todos os níveis. Eu faço essa oração por elas, abençoando-as com toda sorte de bênçãos em nome de Jesus, como reconhecimento da graça do Senhor na vida delas para nos abençoarem como mães, esposas e irmãos na fé e na jornada da fé; em nome de Jesus, amém.

 

Pr Jason

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s