De Mãos Trocadas

Meditação do dia: 14/01/2020

 “Mas Israel estendeu a sua mão direita e a pôs sobre a cabeça de Efraim, que era o menor, e a sua esquerda sobre a cabeça de Manassés, dirigindo as suas mãos propositadamente, não obstante Manassés ser o primogênito.” (Gn 48.14)

De Mãos Trocadas – Aqui, nós vamos pensar sobre uma coisa muito simples, mas nem tanto. Poderíamos tão somente divagar sobre imposição de mãos – por que não? Mas também poderíamos falar sobre intuição – concordam? Também poderíamos abordar os dons espirituais de revelação, (se me permitem usar esse termo). Já num campo bem mais familiar, até poderia falar sobre “manias de velhos.” Ainda assim sobraria assuntos que todos nós gostaríamos de mencionar que não seria fugir do tema e nem deixar de ser genuinamente bíblicos. Alguém já poderá ter pensando que falar sobre respeito aos mais velho, cairia muito bem aqui também. Tem razão, é verdade. Não estou brincando com vocês e nem exercitando a criatividade, mas conduzindo vocês a fazerem bom uso das muitas possibilidades de se meditar num texto bíblico, que numa primeira leitura o texto parece tão simples que nem tem tema algum que possa ser escrutinado. Fico muitas vezes fascinado quando alguém vai fazer uso da palavra para ministrar e tem uma sacada genial de um texto simples, que nos surpreende e deixa o nosso coração extasiado com a sabedoria contida na Palavra de Deus e que embora já tenhamos cavado ali muitas vezes, chega alguém com uma ferramenta mais simples do que a nossa e escava e tira preciosidades maravilhosas, que a gente fica boquiaberto e não tem como não exclamar: “Como eu nunca tinha visto isso por esse ângulo?” Gosto de ilustrar aos alunos ou ouvintes sobre a arte de preparar e entregar sermões (Homilética), que cada pregar é como um construtor, que recebe uma quantidade de materiais para construir; O que cada um produz, depende da capacidade e criatividade. Enquanto um faz um barraco, outro faz um castelo. Com o estudo da Bíblia também é assim. Quem sabe aproveitar mais e melhor os muitos materiais e a versatilidade deles, produzem coisas tremendas. Outra comparação prática e muito próxima de todos nós, é uma boa cozinheira, como nossas mães, avós e tias, etc. Com algumas sobras e um pouco de ingredientes elas produzem delícias que ficam na memória da gente por toda a vida. Nesse texto, eu gosto muito de ver a reação produzida em José, pela maneira nada habitual que seu pai iniciou o processo de abençoar seus filhos. Quando um mais novo começa a fazer algo de forma não usual, os mais velhos, dizem: “Não é assim que se faz. Não foi assim que te ensinei!” Mas quando eles quebram a ordem estabelecida, que conhece o caráter e a capacidade da pessoa, fica apenas observando e se perguntando: “O que será que ele tá fazendo!?” Imagine Israel perguntando: “Quem quer ser abençoado com a mão esquerda? Quem quer ser abençoado com a mão direita do vovô?” Não faz sentido. Mas ali havia lições a serem ensinadas e lições a serem aprendidas. Feliz aqueles que mantém seus corações abertos e desejosos de aprenderem, sem estar viciados ou contaminados pela retórica do usualmente correto. Pode ser que nossos conceitos não passem de “preconceitos.” Para mim, acho que ser abençoado pela mão esquerda de Israel é bem melhor do que com a direita de Esaú.

Pai, obrigado por nos fazer crescer e amar a verdade e a justiça e desejar experimentar o melhor daquilo que tens para nós, que é Jesus. Fomos abençoados por aquele que se assenta à destra do Todo Poderoso e lá na cruz ele estendeu os dois braços e teve as duas mãos perfuradas, para nos trazer a cura, a saúde, a libertação, a vitória e a proteção que há para todos que nele creem. O sangue de Jesus nos garante uma proteção plena e eterna e pela fé temos o estender de suas mãos sobre nossas vidas. Quem está nas mãos de Cristo está bem e ninguém lhe toca e ninguém o arrebata dali. Nesse nome a poder e nessas mãos há bênçãos para todos. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s