O Que Faraó Pensa

Meditação do dia: 06/05/2022

“Mas ele disse: Vós sois ociosos; vós sois ociosos; por isso dizeis: Vamos, sacrifiquemos ao Senhor.” (Ex 5.17)

O Que Faraó Pensa – Quando falamos ou ouvimos sobre missões, é quase unanimidade, que as pessoas chamadas por Deus para realizar alguma tarefa, estavam ocupadas, trabalhando em algum projeto útil. É praticamente uma lei, que Deus não chama desocupados e ociosos. Seria um paradoxo dizer que pessoas ociosas não tem tempo para fazer coisas para Deus. Pessoas ocupadas estão sempre disponíveis para servir e adorar a Deus. Estou percebendo aqui, por esse texto que separamos para a meditação de hoje, que a ideia de Faraó sobre Deus e o culto a Ele, é coisa para quem vive desocupado. Ao receber os feitores de obras dos hebreus, que vieram pedir anistia e medidas mais justas no serviço, ele disse que aumentara a carga de trabalho, porque eles estavam com muito tempo vago ou ociosos e por isso estavam com idéias de irem para um lugar no deserto para oferecer sacrifícios para Deus. Posso afirmar que essa idéia, deve vir lá das profundezas dos infernos. No livro de Jó, Satanás fez uma acusação semelhante, afirmando que o homem serve a Deus motivado por interesses em coisas materiais e benefícios. “Então respondeu Satanás ao Senhor, e disse: Porventura teme Jó a Deus debalde? Porventura tu não cercaste de sebe, a ele, e a sua casa, e a tudo quanto tem? A obra de suas mãos abençoaste e o seu gado se tem aumentado na terra (Jo 1.9,10). Em certo sentido, o inimigo está dizendo à Deus, que desse jeito até ele seria temente e adorador de Deus. Fica aqui a nossa reflexão, sobre as razões pelas quais estamos engajados no serviço a Deus e não apenas pensarmos no que fazemos, mas especialmente no que somos para Deus. Aqueles hebreus estavam acatando um chamado do Senhor seu Deus, para o servir no deserto e depois seguirem para a sua herança na terra de Canaã. Eles queriam ir a um lugar no deserto, afastado para oferecer sacrifícios a Deus. O paralelo para nossa experiencia é que se trata de separar um tempo de qualidade e um local adequado, livre de distrações onde podemos nos concentrar apenas e tão somente no culto e na adoração a Deus. Separar-nos e consagrar-nos de corpo e alma em cultuar a Deus em Espírito e em verdade. Outro detalhe, não precisamos aceitar a opinião de faraó e nem do mundo sobre como fazemos ou devemos fazer para servir a Deus. A Bíblia é suficiente para nos ensinar e nos capacitar.

Senhor, obrigado por nos instruir como servir e adorar de verdade, com todo o nosso coração. Agradecemos por participar de uma tão grande vocação. A tua graça é suficiente para nos habilitar no que podemos fazer. O Espírito Santo foi deixado para guiar a igreja em toda a verdade e dele sim, aceitamos orientação, correção e disciplina para maior produtividade. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s