Adão e a Família

Meditação do dia 11/10/2017

Gn 2.18 – E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.

 Adão e a família – Toda pessoa sensata, admite que não existe um ser humano perfeito; que erros, falhas e fraquezas fazem parte de toda “pessoa normal.” A despeito disso, todos esperam encontrar a pessoa perfeita e formar com ela uma família perfeita e viver feliz para sempre…. como em todos os contos de fadas e princesas. Mas a realidade é outra! Me atrevi a pensar em Adão e sua família, com o sugestivo nome de “A Família Perfeita” apenas para lembrar-nos de que, se essa possibilidade já existiu, Adão e Eva foram os únicos seres humanos que foram contemplados com essa bênção. Vejamos: 1. Porque Adão e Eva não poderiam ter formado a família perfeita? Adão foi criado por Deus artesanalmente e dotado de perfeição. Eva foi criada à partir de Adão e colocada em posição de honra ao lado dele. Não tiveram pais humanos, de quem herdar exemplos bons ou ruins;  ambos foram criados adultos, sem terem passado pelas experiências da infância, adolescência e juventude. Não vivenciaram experiências traumáticas, repressivas, abusivas, de qualquer natureza. Eram inteligentes, competentes e livres para tomar decisões. Não tinham problemas de saúde, financeiros, sociais, educacionais, ambientais etc. Foram colocados num jardim muito aprazível de se viver e trabalhar. Não eram empregados, patrões, sócios e não sofriam pressão por resultados. Não tinham problemas de ordem espiritual como o pecado, o diabo ou a carne. O relacionamento com Deus era bom, dinâmico e fluía naturalmente.  Socialmente poderiam afirmar que foram feitos um para o outro, eram casados com a pessoa mais linda, inteligente, gentil do mundo! Eles nunca viram outra pessoa igual!!!! Como uma família nessas condições poderia ter problemas? 2. O que há de comum entre a família de Adão e Eva e a minha hoje? A situação privilegiada de Adão e Eva não pode ser usada por nós como pretexto para justificar por nossa família ser e estar como se encontra no presente. O pecado deles pôs fim a uma época de sucesso e marcou o início de um novo tempo de experiências e aprendizado doloroso na volta para a presença de Deus. Nós já nascemos e vivemos na segunda fase da experiência humana. Adão e Eva perderam suas vantagens e nem mesmo tinham experiências como nós temos: Dor, fracasso, perda, recomeço, frustração, etc. Ainda hoje ficamos nervosos e inquietos com novas experiências; Namoro, casamento gravidez, nascimento, ser pai/mãe, infância, adolescência, juventude, maturidade, velhice, morte etc. Tentemos imaginar tudo isso acontecendo com Adão e Eva sem que tivessem um modelo anterior no qual se espelhar! Imaginem a srª Eva na sua primeira gravidez, sem ter a quem perguntar qualquer coisa! A preocupação de Adão em como ajudar? A graça de Deus não os abandonou em tempo algum, como acontece conosco hoje. Caim e Abel, não foram apenas os primeiros filhos deles, mas também foram as primeiras crianças do mundo. Tudo era muito novo para todos eles. Voce fica ansioso e preocupado com novas atividades? Novos desafios? Lembre de Adão e Eva e sua família!

Senhor, obrigado, por nos permitir experimentar coisas novas e olhar para a tua Palavra e ver as referencias que nos permitem decidir e ser bem-sucedidos. Oro pelos que estão começando sua família e quer acertar e honrar ao Senhor. Obrigado por auxiliá-los do começo ao fim e tudo dará certo, em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Anúncios

Adão e a Alimentação

Gn 2.16 – E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,

 Adão e a alimentação – Gente, comer é bom demais, fala a verdade! Segundo eu mesmo, a única coisa melhor do que comer é repetir! A tratativa sobre alimentação veio imediatamente á criação do homem, afinal, “saco vazio não para em pé!” Adão era inocente, inteligente, cheio das capacidades, mas tinha estômago e não daria para esperar muito tempo. Como em todos os demais aspectos da vida do ser humano, as necessidades são acompanhadas do exercício do prazer, que em si não tem nada de errado e nem pecaminoso. Todas as necessidades, quer físicas, fisiológicas, emocionais e intelectuais, podem ser legitimamente satisfeitas e com uma boa dose de prazer e satisfação. O drama do erro, pecado e etc. aparece quando outros aspectos são violados para satisfazer uma legítima demanda pessoal. Voce gosta de comer maça, torta de maça, suco de maça? Se delicie com isso; errado será os meios utilizados para essa degustação; roubar as maçãs, enganar alguém na compra, na venda, na produção, na fabricação; exagerar na dose e comer mais do que o suficiente, o que é gula; não repartir comigo, o que é egoísmo; comer escondido, trapacear na dieta etc. Em todos esses casos, a maçã não tem culpa alguma. Olha uma mensagem do rei Salomão: “E também que todo o homem coma e beba, e goze do bem de todo o seu trabalho; isto é um dom de Deus” (Ec 3.13). Eu acredito e prego no meu púlpito que as pessoas devem desfrutar e usufruir bem do seu trabalho, porque isso é um dom, um presente de Deus para elas. Não é espiritual e nem de boa mordomia, que a pessoa trabalhe duro, levante o seu sustento, cuide bem de sua família e da igreja mas não se permita uma alegria como resultado dos seus esforços. Olha, sempre haverá apertos financeiros (com exceção de uns poucos privilegiados), mas sem ser irresponsável, se permita um dia comer num restaurante, fazer um passeio, tirar uma folga num lugar aprazível, sair de férias, fazer um passeio turístico, visitar um lugar dos seu sonhos. Se você não fizer nada disso, qual foi o sentido de tudo o que Deus te abençoou? Hoje dá para pagar pacotes dos mais variados gostos e bolsos e meu irmão, depois você volta e a vida continua… se você não fizer, a vida vai continuar do mesmo jeito! Conheço pessoas que até dizem com certo orgulho, “nunca tirei um dia de folgo ou férias na vida!” Isso é uma declaração de pecado e desobediência a ordem divina de trabalhar e descansar, repousar e porque não, de desfrutar da vida. De vez em quando faça uma surpresa para a criançada em casa, seja generoso no chocolate, no sorvete e em outras coisinhas que fazem a festa da molecada. A vida já é dura demais por si mesma, para que a gente a torne mais sem graça e árdua com escassez desnecessária, sovinice e mesquinhez. Seja um bom administrador, use bem os recursos, mas não exagere na dose! Um princípio espiritual que vale também para isso é o citado por Jesus: “Dai, e ser-vos-á dado; boa medida, recalcada, sacudida e transbordando, vos deitarão no vosso regaço; porque com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo” (Lc 6.38). Desfrute da benção que o Senhor te concede.

Senhor, graças damos pelo suprimento generoso e abençoador de todas as nossas necessidades. Somos filhos e amados do Pai e está na aliança de bênçãos celebrada por ti, que todas as nossas necessidades estão contempladas diante de ti. O pão nosso de cada dia tem sido farto e abundante e somos gratos e reconhecemos a tua bênção e através dela até podemos abençoar outros e assim não faltar para ninguém. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Desenvolvimento Profissional

Meditação do dia 09/10/2017

Gn 2.15 – E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.

 Desenvolvimento profissional – Não sei quando surgiu a palavra profissão e suas derivadas, profissional, profissionalização e outras do gênero; mas isso não faz nenhuma diferença, pois profissão e trabalho estão de mãos dadas desde o início. Mas quero pensar aqui hoje, sobre o começo do que hoje conhecemos como mercado de trabalho; pois isso é tremendamente dinâmico, elas surgem com a demanda e declinam com o desaparecimento daquelas necessidades. Não tenho 60 anos e muitas profissões fortes na minha infância e adolescência, já não existe mais e outras estão se extinguindo aos poucos. Adão ao que tudo indica, foi o pioneiro em qualquer coisa que pudermos pensar, e isso faz parte do contexto do livro de Gênesis, é exatamente por isso que ele tem esse nome, ali está o início de tudo. Praticamente tudo que encontramos até Apocalipse e outras que nem lá estão, tem suas origens ligadas à Gênesis. Adão foi o primeiro homem na terra, portanto foi também o primeiro trabalhador, foi o primeiro marido, primeiro pai, primeiro avô, deve ter sido o primeiro a levar uma martelada no dedo, a se espetar com um espinho, o primeiro a experimentar algo e não gostar, ou gostar e depois ter efeitos colaterais, enfim, a vida de Adão foi divertida. Pensando em profissão, ele começou a carreira como lavrador e vigilante. Então dessas duas atividades surgiram todas as outras ligadas ao desenvolvimento e aperfeiçoamento desses trabalhos. Por alguma razão, ele certamente criou, fabricou ainda que rudimentarmente algumas ferramentas e instrumentos de trabalho. No começo, ele fazia tudo sozinho, afinal era só ele mesmo; depois partilhava algumas responsabilidades com Eva. Eles devem ter notado que algumas tarefas eram melhores executadas por um deles do que pelo outro e também produziam mais satisfação e realização em um do que no outro; assim facilitou a escolha de tarefas. Não é assim até hoje? Há mulheres que detestam lavar louças, mas gostam de arrumar a casa; lavar roupas e fácil, mas passar é entediante; cozinhar é bom, mas fazer assados é complicado. Tem homem hábil na cozinha, mas tem dificuldade no trato com as crianças; para uns fazer compras e um fardo, mas a manutenção doméstica é um hobby. Quando chega os filhos e vão demonstrando habilidades, os pais vão se livrando dos “fardos” e desenvolvendo ofícios nos filhos. Nem todos somos como o Mcgiver do seriado adolescente dos anos 80; o cara era bom em tudo, um gênio do improviso em qualquer lugar, com qualquer material para qualquer finalidade. Nem toda mulher é como a Xena do seriado das histórias de mitologia e exageros, afinal ela lutar melhor que o Anderson Silva, comanda exércitos, é estrategista em batalhas campais, caça, pesca, constrói, destrói, e se entrar numa de nossas olimpíadas modernas, leva ouro em todas as modalidades em disputa, participando até em três, cinco ou mais modalidades simultâneas. Mas fora da ficção temos pessoas muito habilidosas em diversas áreas e são multitarefas com extrema competência. Em quê você é bom? Quais são os seus dotes principais e como você os utiliza para produtividade e prazer? São dons de Deus. Também você não precisa viver entediado trabalhando em algo que não gosta, não tem habilidades; nesse caso, precisa-se de iniciativas novas. Aprender algo novo, desenvolver um talento que está enferrujando sem uso e as vezes virar uma página da vida; mas há situações que não basta virar uma página, é preciso trocar o livro. Duas coisas para pensar: Comodismo e medo, não fazem bem para ninguém. Não se acomode com uma situação incômoda e que produz uma vida frustrante pois isso afeta negativamente outras áreas da sua vida onde poderia ser muito realizador. Também não tomar iniciativas de mudar por medo de fracasso, adaptação e troca de rotina; Toda mudança incomoda! E fazer coisas novas é sempre desafiante e para alguns trás insegurança, mas estamos fazendo coisas pela primeira vez a vida inteira; até o dia que morrermos, será a primeira vez, se bem que alguns já sobreviveram milagrosamente. Como dizem os pensadores de plantão, nesta vida a única coisa constante são as mudanças. Use sua fé e relacionamento com Deus para boas experiências na sua área de trabalho.

Senhor obrigado pelo dia e jornada de trabalho que temos e que já faz parte de uma rotina. No trabalho vem a nossa prosperidade, nosso desenvolvimento e deve trazer também a nossa realização. Mesmo que canse, mas o trabalho dignifica a pessoa e lhe dá valor e senso de propósito. Abençoe nesse dia o trabalho dos teus filhos e prospera a obra de suas mãos e que nossa inteligência e habilidades louvem e glorifiquem ao Senhor em todo tempo. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

O Homem e o Trabalho

Meditação do dia 08/10/2017

Gn 2.15 – E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.

 O homem e o Trabalho – Tirando o folclore de lado e as lendas e gracejos que se ouve por todo lado, o trabalho está diretamente associado à vida e ao bem estar de qualquer pessoa. Um amigo, bem chagado, cheio das gracinhas, diz que há dois tipos de pessoas no mundo que não lhe causam nenhuma inveja: Os que já morreram e os trabalhadores! Alguns até dizem que tem muita vontade de descobrir quem inventou o trabalho, para tirar satisfações. Para esses, o verso da nossa meditação de hoje, responde a contento: Deus mesmo, o Criador é o autor dessa brilhante idéia. É bom deixar claro, que a relação trabalho-Pecado não existe; o trabalho veio bem antes do pecado de Adão e Eva. Também, o trabalho sendo assim, não pode ser tido como uma forma de castigo ou retaliação sobre o homem. O trabalho é uma fonte de realização pessoal, desenvolvimento de habilidades e suprimento de necessidades. Ociosidade não faz parte da espiritualidade; na verdade, dificilmente Deus chama ociosos para se ocuparem em funções e atividades ministeriais. Deus criou um jardim maravilhoso e como tal, precisava de alguém que cuidasse, cultivasse e protegesse, e ali era o local de morada e de onde o homem tiraria o seu sustento. Ainda que as frutas dessem em árvores e continua sendo assim até hoje, elas precisam ser colhidas, selecionadas, conservadas e cuidadas, e tudo isso é trabalho. Muitos de nós, tem um terreno onde situa sua casa, e fica um espaço na frente ou nos fundos, para cultivar um jardim, e alguns casos, até um terreno ao lado etc. e ainda ocorre o perigo de ervas daninhas e falta de irrigação, pragas e outros descasos tomar conta e deixar tudo muito feio e improdutivo. Adão tinha um jardim para cuidar, que em medidas atuais, tomaria o território de várias nações no Oriente Médio abrangidos pela Iraque, Jordania, Irã e quem sabe, Israel, palestina, Líbano e Síria… e Adão ainda voltava para casa todo dia à tarde para bater um papo com o Senhor. É mole? Sugiro hoje, que tomemos uma nova postura em relação ao que pensamos e confessamos sobre trabalhar; entenda isso como uma atividade de culto a Deus, uma oportunidade de desenvolver suas habilidades e suprir suas necessidades e das pessoas que você ama e estão sob sua responsabilidade. O trabalho não pode se tornar um senhor e tirano na sua vida, ele deve ser cultivado na dose e proporção certa, valendo-se do descanso e cuidados necessário, caso contrário, irá trabalhar demais, se desgastar e adoecer e gastar tudo o que produziu antes do tempo. Como cristão, não aconselho adotar a postura cultural brasileira, que é de trabalhar o mínimo possível e se puder, nunca mais trabalhar; isso não é cristão, não é produtivo e é maligno. Até Deus trabalha até hoje! Jesus trabalha até hoje e ainda tem muito o que fazer até restaurar todas as coisas. Sendo servos de um Deus e de um Senhor tão generoso e trabalhador, não faz sentido servos serem preguiçosos e descompromissados. Adão não tinha pecado, não tinha família grande, nem problemas financeiros, nem crises, mas mesmo assim Deus o colocou para trabalhar cultivando o Jardim e guardando, não me pergunte coisa difícil, mas se Deus o mandou guardar, era porque havia necessidade e razões para guardar – Deus não dá ordens absurdas. Manda quem pode, obedece quem tem juízo!

Senhor, obrigado pelo meu trabalho e pela realização que ele me traz. Pessoas são abençoadas e dele vem a bênção que me sustenta e prospera, como também posso cooperar com a expansão do Reino do Senhor. Graças, pelas profissões, habilidades e funções distribuídas às pessoas perto de mim, que através delas, sou cuidado e assistido. Aguardo o dia em que o Senhor será o legítimo rei e governador desse sistema e todas as coisas farão mais sentido e serão utilizados de forma mais produtiva e eficiente. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Um Jardim Para o Homem

Meditação do dia 07/10/2017

Gn 2.8 – E plantou o Senhor Deus um jardim no Éden, do lado oriental; e pôs ali o homem que tinha formado.

 Um Jardim para o homem – Adão, o primeiro homem, que representa toda a nossa raça, ao ser criado, foi colocado para viver num lugar muito aprazível, um verdadeiro paraiso, um jardim, que ficava numa localização privilegiada, tanto que o seu nome era
Éden, ou literalmente, lugar de delícias. Para os “verdes” ou a turma ambientalista, sem dúvida alguma, esse é o lugar ideal para uma pessoa viver e criar sua família. Para mim, que admiro tudo que Deus faz, e como faz e apoio suas razões de fazer e acredito nas motivações que o leva a fazer; O criador simplesmente sabe o que é bom e o que é ideal. Nada em Deus é de segunda categoria! Nada daquilo que se propõe fazer, é de gosto duvidoso, inapropriado ou despropositado. O homem foi criado perfeito, colocado num lugar perfeito, em condições perfeitas, para desenvolver todo o potencial que fora dado. Deus ainda hoje se importa com o local onde você e eu vivemos e com as condições onde seu povo vive e por extensão, onde as pessoas vivem. O plano dele abrange a todos, com intenções abençoadoras. Ao observar as civilizações e seus movimentos, percebe-se que pessoas foram talhadas para viverem em certos ambientes, que elas amam aquilo e aprendem a lidar com os recursos e condições, tirando o melhor proveito e sendo generosas com a própria natureza. Enquanto alguns não se adaptam àquilo, procuram outros ambientes que lhe sejam favoráveis e ali se estabelecem e desenvolvem sua cultura com toda a riqueza de detalhes. Eu, sou brasileiro, como diz o poeta, moro num país tropical e abençoado por Deus. Gosto do clima tropical, com seu ciclo de chuvas, secas, frio e calor, estações praticamente definidas. Como goiano, gosto do clima temperado, nem demais nem de menos. O sul do Brasil com seu friozinho típico, me mete um certo receio e prefiro ir para lá nos meses mais quentes deles; e o contrário para o nordeste, onde tem um sol para cada um. E noto que cada grupo de brasileiros são apaixonados por seus estados, regiões e sentem saudades quando se ausentam. Mas nesses mesmos grupos temos gente atravessando o pais para pegar uma frente fria e ver neve, claro, e tomar chocolate quente e curtir a lareira no sul; enquanto outros vão para o norte ou nordeste a se adaptam maravilhosamente bem. Os grandes problemas dos povos e seus habitats, não são originais da criação, mas da devastação e má gestão dos recursos do paraiso que receberam. No nosso caso, que pena, desde 1500, fizemos tudo isso e transformamos nisso que vemos hoje, agora nem dá mais para devolver para os índios e pedir desculpas. Mas a redenção, em cristo, mudará isso, pode acreditar.

Senhor obrigado pela nossa nação e nossas riquezas naturais e em todos os sentidos. Foram presentes do Criador e há propósitos redentivos neles. Agora, aguardamos a justiça do Senhor na manifestação de Jesus, para colocarmos novamente em todas as coisas. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Alma Vivente

Meditação do dia 06/10/2017

Gn 2.7 – E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente.

 Alma Vivente – Acho maravilhoso pensar em como fomos criados e naquilo que parece ser tão simples para Deus em fazer um ser tão completo, complexo, mas perfeito em tudo, até que apareceu o pecado. A criação absoluta, aquela que se fez sem material pré-existente, logo que concluída, iniciou-se uma grande criação à partir daquilo que já existia, e entre elas, o homem. Do pó da terra, do barro mesmo, Deus fez a parte material do homem, que seria perfeitamente adaptado para o ambiente em que estava inserido: Um mundo físico, exigia um corpo físico, com demanda de oxigênio, água, alimento, descanso e todo um sistema de manutenção e reposição para o bom funcionamento da máquina humana. Quem consegue estudar anatomia humana, do ponto de vista criacionista bíblico, simplesmente se apaixona pela perfeição do corpo humano e sua funcionalidade. Ensinei certa vez na igreja sobre isso, com base no Salmo 139 e um adolescente ficou encantado com as descrições bíblicas e poucos anos depois ele me procurou após o culto para dizer o quanto ele se valeu daquele ensino, agora que estava estudando medicina e como aquilo permitiu ver a perfeição do criador. Ele, graças a Deus passou por todos os anos da faculdade de Medicina, se formou e é um cardiologista temente ao Senhor e ministra no louvor da igreja que frequenta. Mas também tem a parte imaterial que na verdade é a essência da pessoa; uma alma que individualiza a pessoa e um espírito, que é a pessoa de fato. Creio e ensino que somos um espírito que tem uma alma e moramos em um corpo. A pessoa verdadeira é o espírito que veio de Deus pelo sopro de vida, com uma alma personalizada e individualizada e que vive e sobrevive além do corpo, pois haverá de comparecer diante de Deus para julgamento. “Porque todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o que tiver feito por meio do corpo, ou bem, ou mal” (2 Co 5.10). Esse corpo físico está adaptado para esse mundo em que vivemos, quando formos mudar de ambiente, na volta de Cristo, por exemplo, iremos para um lugar em condições diferentes e com leis existenciais diferentes, então receberemos um novo corpo, adaptado à nova vida e novo habitat. “O primeiro homem, da terra, é terreno; o segundo homem, o Senhor, é do céu. Qual o terreno, tais são também os terrestres; e, qual o celestial, tais também os celestiais. Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade” (1 Co 15.47,48,52,53). Maravilhoso isso, não?

Graças te rendemos, Senhor, por tua obra perfeita em tudo e que o tempo por vir revelará a grandeza do teu poder e o potencial da criação em plenitude sem o pecado dominando. Obrigado pela redenção em Cristo Jesus e por tudo que estás restaurando em nós, dia a dia. Amém

Pr Jason

 

Deus Gostou

Meditação do dia 05/10/2017

Gn 1.28 – E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; e foi a tarde e a manhã, o dia sexto.

 Deus gostou – Em termos de valor, há três forma legítimas de estabelecer o valor de alguma coisa e também pode ser utilizado para pessoas. Primeiro é por comparação, mas esse não é um sistema confiável, porque dependendo de com quem se compara, o valor pode ser superestimado ou subestimado. Pode-se ir de gênio intelectual à tapado de carteirinha; de bem sucedido à fracasso total. Uma segunda forma de avaliação é por introspecção, isto é, olhar para si mesmo, para dentro de si e determinar seu valor. Também não é seguro essa avaliação, pois de acordo com as circunstancias e o estado de humor, esse valor também oscilará. Num dia iluminado, promovido, cheio de alegrias, a auto estima da pessoa está nas nuvens e ela se acha muito valiosa e importante, preciosíssima; mas se for num daqueles dias de cão, onde tudo dá errado e não se encaminha, o resultado pode ser exatamente oposto, achando que por uma penca de banana, já tá bom demais e ainda pode ter troco. A terceira forma e confiável, é o que chamarei aqui de etiqueta; como essas que demarcam preços dos produtos. O preço a ser pago é o que está na etiqueta invariavelmente, e só o dono ou legítimo responsável pode determiná-lo. Assim, o valor de uma pessoa é determinado por Deus, no caso de nós, cristãos, filhos de Deus em Cristo Jesus. Reconhecemos nossa origem, nosso valor por aquilo que a Bíblia diz sobre Deus e sobre nós. Se nos vermos como obras de arte, então cada um é uma peça única, absolutamente personalizada, feita artesanalmente pela mão e genialidade do criador e ao terminar ele simplesmente suspirou e disse: eis que é muito bom, Gostei! Ao olhar toda a criação ao nosso redor, o que conhecemos, o que tem sido descoberto e estudado minunciosamente, é suficiente para afirmarmos com solidez que o Criador tem um tremendo bom gosto e sabe o que faz e o que diz. Então como não gostar e admirar de algo que o Senhor nosso Deus diz que gostou, que achou muito bom e que considera o sua obra prima? Porque não gostar de algo de tão grande valor, a ponto de ver Deus investimento tudo o que ele tem de mais precioso para resgatar essa obra que se perdeu e ficou danificada, mas ele compra por alto preço e restaura ao estado original e sente-se muito satisfeito pela aquisição. “Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus” (I Co 6.20). “Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos vossos pais, mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado,” (I Pe 1.18,19). Há um quadro, pintado por Picasso, chamado O Touro, que nada mais é que alguns poucos traços, riscos, que dão forma a um touro. Qualquer criança de até dez anos de idade, consegue desenhar um boizinho mais bonitinho do que aquele; mas o valor desse quadro é quase inestimável, caríssimo, por causa da assinatura em baixo. O autor da obra também determina muito o seu valor. Eu, sou então, extremamente valioso, porque na minha vida e na minha existência tem a assinatura do Criador. Sou obra de Deus. Voce é obra de Deus. Não aceite ser desvalorizado, desprezado ou avaliado e comparado por pessoas que nem gostam delas mesmas. Seus valores estão baseados em escalas não confiáveis e de valores muito fúteis. Deus olha para você e para mim e gosta do vê, gosta do que ele criou, isso não é maravilhoso? Adão e Eva não foram valiosos só por serem os primeiros, mas tudo o que Deus fez foi maravilhoso e o deixou muito satisfeito. Pare de se comparar e veja sua autenticidade, sua exclusividade, suas marcas distintas que ninguém mais tem!

Senhor, graças te dou, porque de um modo muito maravilhoso fui formado e minha alma o sabe muito bem. Sou alguém especial do começo ao fim, sou de primeira classe e um projeto especial do Senhor. Estou aqui para cumprir um papel importante e para tal fui criado e dotado de habilidades e capacidades. Sou único diante de ti. Fui salvo e comprado por um alto preço e sou aceito e aguardado na eternidade, para continuar o plano eterno que tens para comigo. Obrigado, por tudo e muitas outras coisas que minha alma sabe muito bem e meu espírito renascido comunga com o teu Santo Espírito, em nome de Jesus, o meu redentor, amém.

Pr Jason

Criados e Abençoados

Meditação do dia 04/10/2017

Gn 1.28 – E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.

 Criados e abençoados – Abençoar e ser abençoado faz parte inerente da natureza espiritual do ser humano. Adão, ou o primeiro homem, foi criado e abençoado por Deus. Deliberadamente abençoado. Qualquer que seja o sentido que se quiser pensar, Adão foi uma pessoa abençoada. E ser abençoado é bom, muito bom! Pelos vocábulos originais, abençoar tem o sentido de bendizer, declarar favor e autorizar para prosperar. Amaldiçoar é exatamente o oposto. Observo que as duas atitudes opostas em si, produzem reações interiores no íntimo da pessoa, ao proferir qualquer delas. Quando se abençoa alguém ou alguma coisa, isso vem com uma carga emocional de alegria e satisfação, paz e serenidade; os gestos físicos são suaves e coordenados, contemplativos e como que induz a um estado mental, emocional e espiritual de reflexão e quietude. Ao contrário, quando se amaldiçoa, pragueja algo ou alguém, isso vem com uma carga de fúria, de ódio que transparece nos olhos e na feição. Os gestos são rígidos, ríspidos e brutais, como querendo derrubar, destruir e afrontar. Os nervos e músculos são exigidos ao máximo e mentalmente se encaminha para o descontrole e insanidade. Parece que mesmo querendo fazer o politicamente correto e se disfarçar, a leitura corporal denunciará a atitude interior. Então, parece que é mais saudável abençoar do que amaldiçoar; sem contar que poeticamente, qualquer das atitudes praticadas, deixará uma sobra para quem as profere, tal qual amassar uma rosa ou uma “Maria fedida!” Como representante de uma raça toda, Adão foi preparado para reproduzir uma raça abençoada, ligada ao bem e ao favor divino. Ao meditar nisso, me alegro, porque além de não ser uma obra do acaso, de mero processo evolutivo da natureza, nem mesmo um objeto criado por Deus mas abandonado à própria sorte; eu creio no amor e no investimento divino para redenção. Deus não demorou para agir quando o pecado entrou em cena; de imediato ele entrou com providencias, da mesma forma que faz ainda hoje. Eu, tenho origens abençoadas, quer como cristão, quer como pessoa, como cidadão de um país, e como obra prima das mãos do meu criador. A cobertura e a cereja desse bolo todo é o amor incondicional de Jesus, ao dar sua vida por mim! Isso me dá dignidade, valor e sentido de propósito.

Obrigado, Pai amado! Tudo que o Senhor faz é perfeito e aquilo que abençoas é de fato abençoado e prosperará. Ainda podemos contar com o teu cuidado paterno diário, que nos faz sentir seguros e apreciados. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Homem e Mulher os criou

Meditação do dia 03/10/2017

Gn 1.27 – E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.

 Homem e Mulher os criou –Amados, somos servos e adoradores de um Deus Único, c Criador e sustentador de todas as coisas. No nosso íntimo, não paira qualquer dúvida sobre o caráter e as intenções de Deus sobre nós e sobre sua criação. Entendemos e aceitamos que as narrativas da Bíblia, são a expressão da verdade e que ao longos dos séculos e milênios, essas Escrituras foram testadas, combatidas e escrutinadas por todos os métodos e mentes, quer favoráveis ou contra e jamais ela sucumbiu aos ditames das modas e posturas comportamentais de épocas e culturas. Sempre, desde que o mundo é mundo e tem gente aqui, sempre houve quem acredita e quem duvida, quem acredita e proclama e quem duvida e protesta e até combate. Então, o que estamos enfrentando e sentindo em nossos últimos anos de observação, não é nenhuma novidade, não é nada anormal, sabendo que mentalidade está por trás de tudo isso. Por trás dos bastidores e das cortinas, tem alguém rabudo e sujo manuseando as cordas das marionetes da história. Adão e Eva foram criados seres humanos, adultos, com todas as capacidades e prerrogativas descritas na Palavra de Deus. Não nasceram, foram criados, já adultos, assumiram suas responsabilidades de trabalho ali no jardim, que era sua casa e habitat, com todos os recursos disponíveis a serem explorados e cultivados. Homem e mulher tem diferenças em suas formas e essências, sem que isso signifique desmerecer ou desqualificar um em detrimento do outro. Os potenciais e capacidades se completam e harmonizam para cumprirem destinos maravilhosos e que os façam sentirem realizados. Cada um tem papel definido e para isso toda a sua estrutura foi projetada para isso e em todas as descrições bíblicas isso muito claro. Deus nunca fez nada confuso, indeciso ou aberto a discussões. Homem é homem, mulher é mulher! A natureza e a ciência comprovam essas verdades; animais e plantas, de todas as espécies são muito adaptáveis ao meio e as circunstancias, mas as características essenciais e matrizes não são alteradas. E os humanos ainda tem o bônus da imagem e semelhança de Deus.

Obrigado, Pai, por tua perfeição em tudo que fazes e ao criar o homem achaste que era muito bom, e certamente o é. Obrigado por enviar Jesus para morrer na cruz para restaurar a tua imagem e semelhança, corrompida pelo pecado e desobediência da nossa parte. Conceda-nos a graça de mantermos a nossa fé firme e inabalável no que diz a tua Palavra. Em nome de Jesus, amém.

Pr Jason

Mandato Cultural

Meditação do dia 02/10/2017

Gn 1.26 – E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.

 Mandato Cultural – Talvez você não tenha ouvido essa expressão, ou ela lhe seja perfeitamente familiar; mas não estamos aqui para ensinar e sim aprendermos juntos e nos alimentarmos das verdades da Palavra de Deus. Entende-se por Mandato Cultural, a ordem ou autorização divina para o homem governar soberanamente sobre toda a criação que Deus fizera e colocara à sua disposição. Sendo o mais elevado das criaturas, com capacidades acima dos demais, e em condições de ser o legítimo herdeiro e representante de Deus aqui na terra; o homem recebeu do seu Criador, o potencial de governo e domínio, para seu desenvolvimento e progresso, bem como desenvolver o meio em que viveria e se multiplicaria. Esse domínio, abrange controle, poder, autoridade e capacidade de explorar e desfrutar da criação em tudo que lhe for possível. O homem pode e exerce domínio sobre a criação, pois ao lançar mão de suas habilidades e inteligência superior, ele é capaz de equipar-se de ferramentas e instrumentos que lhe permitam explorar todo ambiente e seus potenciais. Entendemos que a criação original até chegar o momento triste da queda do homem, as coisas eram mais agradáveis e fáceis de lidar, pois até mesmo o ambiente oferecia melhores condições. O pecado azedou tudo. O homem perdeu poderes e capacidades, e sua autoridade ficou prejudicada por estar agora sem a comunhão com o Criador e ainda com sérias limitações para lidar com o seu dia a dia. Mas é através do mandado cultural que a civilização humana se desenvolveu e prosperou. Provavelmente você está lendo esta meditação na tela de um aparelho eletrônico, seja um desk top ou lap top ou smartfone; de qualquer forma, foi o domínio de certas ciências e recursos que permitiram isso. Quantas áreas de ciências foram necessárias para possibilitar que eu escrevesse esse texto e manda-lo em tempo mínimo à centenas de pessoas, que embora em pontos tão distantes geograficamente daqui de Guararapes, recebem imediatamente? Pois é, isso é domínio sobre a criação. Fazemos uso de energia elétrica, mas se ela faltar esses aparelhos tem dispositivos de energia que preservam todos os dados contidos neles, alguém dominou essa tecnologia e a colocou disponível. Olha a diversidade de materiais utilizados para que ele funcione? Minerais, vegetais, e misturas e composições nas medidas precisas, caso contrário não funcionaria. Olhe ao seu redor! Quantas ciências estão empregadas só no ambiente que está agora? Engenharia civil, arquitetura, química, habilidades em madeiras, metais, couros, plásticos, papéis, elétrica, hidráulica e um infinidade de outras e suas combinações. Observe os produtos que compõem o que você está vestindo nesse momento; tecidos, cores, materiais metálicos, plásticos, designe, fiação, tecelagem, corte e costura e um infinidade de habilidades para criar os meios de produzir esses produtos. Esse conhecimento, não é salvador, mas revela a grandeza da criação e por conseguinte, do Criador. Tudo isso, começou com Adão, o primeiro de nós. Ele foi um desbravador de mundos.

Obrigado Pai, pois depois de tantos anos e experiências, ainda hoje nos sentimos inseguros com fazer alguma coisa pela primeira vez, mesmo quando isso já e feito a milhares de anos; Adão iniciou essa jornada sozinho, sem equipamentos e sem legado nenhum e ele foi muito bem. Sou grato por tudo que criaste e colocaste à nossa disposição até hoje, e pelas muitas descobertas e invenções que facilitam nossa vida. Obrigado por essa sabedoria e capacidade, que vem de ti. Em nome de Jesus, amém.

`Pr Jason